Bitcoin btc
$ usd
Opinião

Polygon: estado atual e principais métricas

11 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Depois que a Polygon Labs lançou o zkEVM Mainnet, vários projetos já estão ativos, com parcerias adicionais a serem anunciadas.
  • A Polygon ID foi disponibilizada ao público sob uma licença de código aberto. Agora, ela é agora self-service, permitindo a qualquer pessoa ser emissor, verificador ou detentor de uma identidade Web3.
  • Em seu estágio atual, a Polygon busca se concentrar mais nos esforços de escalonamento ZK e se alinhar mais de perto com o roteiro da Ethereum.
  • promo

A Polygon, apesar do ano desafiador para toda a indústria blockchain devido ao “Inverno Cripto”, tem se mostrado resiliente, alcançando marcos invejáveis e se mantendo a frente de vários players em soluções de escalonamento, adoção e notáveis atualizações com várias soluções de dimensionamento.

Como já comentamos nesta coluna, a Polygon é uma solução de dimensionamento de uso geral para Ethereum, que está desenvolvendo ativamente várias soluções de escala, incluindo ZK Rollups, Sidechains e um SDK de blockchain análogo ao Cosmos SDK e ao Substrate

Também, vimos que a Polygon Labs está adotando uma estratégia agressiva de desenvolvimento de negócios em parceria com empresas Web3 e legadas.

Hoje, veremos qual seu estado atual e como ela avançou desde o começo do ano, comentando sobre:

  1. Principais métricas e desempenho;
  2. Panorama geral da rede;
  3. Ecossistema e Desenvolvimento – DeFi, DEX, NFTs, Games, Staking;
  4. Atividade dos desenvolvedores;
  5. Descentralização;
  6. Análise qualitativa: Polygon zkEVM, Miden e Super-Redes Polygon;
  7. Desmembramento da camada de disponibilidade de dados.

8) Polygon ID

1) Principais métricas e desempenho

Hoje, a rede Polygon PoS (Proof-of-Stake) é responsável por quase toda a atividade da Polygon Technology

E quando olhamos para as métricas financeiras da Polygon do início de 2023 até agora, seus parâmetros seguiram consistentes com últimos dois trimestres de 2022. 

A capitalização de mercado no final de março era de US$ 1 bilhão, e seu aumento de 50% ficou par-a-par com a mudança da capitalização total do mercado cripto mais amplo que foi de 46%. 

No final de março de 2023, havia 9,99 bilhões de MATIC em circulação. O rendimento de staking da MATIC e o saldo de tesouraria permaneceram estáveis até março de 2023.

Outro ponto interessante é as taxas totais de rede Polygon aumentaram significativamente em 93% de janeiro a março de 2023, principalmente devido ao aumento na taxa média de transação. Mas quando comparamos esse aumento com as taxas da rede Ethereum, o custo da Polygon se mostra mais atrativo.

2) Panorama geral da rede

No primeiro trimestre de 2023, as métricas das contas da Polygon tiveram uma ligeira retração, mas ainda mantiveram níveis elevados em relação às tendências históricas. 

A rede teve uma média de aproximadamente 400,000 endereços ativos diários e adicionou um total de 22 milhões de novos endereços durante o trimestre.

Ainda que tenha ocorrido uma pequena queda nas métricas de accounts, o volume de transações da Polygon manteve-se consistente ao longo de 2022, com uma média de cerca de 3 milhões de transações por dia. A indústria de games continua a ser o principal impulsionador da atividade de rede, seguido por NFTs e DeFi.

Em janeiro de 2023, o hard fork Delhi foi lançado para melhorar o desempenho da rede e a experiência do usuário na cadeia PoS, reduzindo os picos de gás e as reorganizações da rede de endereços. Elas “supostamente” tornariam a rede mais previsível e fácil de usar, especialmente para desenvolvedores e validadores.

Mas, em fevereiro de 2023, houve outra queda no desempenho da Polygon PoS Chain, provocada por erros e atrasos nos novos blocos, o que que acabou provocando um “reorg” que durou 157 blocos (aproximadamente cinco minutos). Os co-fundadores do Polygon, Jaynti Kanani e Mihailo Bjelic, afirmaram que este evento ocorreu devido a um bug específico e que brevemente os reorgs da rede seriam minimizados.

Apesar das variações na arquitetura de rede, a Polygon experimentou um crescimento significativo em abril, quando indicadores importantes mostraram um aumento de mais de 300%! 

O número de usuários de rede ativos diariamente, por exemplo, passou para uma média de 75.000 usuários ativos diários registrados. Isto significa um aumento de 330% no numero de usuários ativos em relação a março.

O número de transações de rede executadas foi outra estatística que saltou em abril, indo de 1,5 milhão em março, para uma média de 6,5 milhões. Esse crescimento de 333% indica que as pessoas estão escolhendo o Polygon como um forte substituto do Ethereum.

O valor total bloqueado (TVL) também experimentou um aumento significativo em abril. O TVL atingiu o recorde histórico de US$ 10 bilhões, um aumento de 306% em relação a março de 2023. 

3) Ecossistema e desenvolvimento

DeFi TVL

Em 2022, TVL no ecossistema DeFi da Polygon estava em uma tendência de queda, mas se estabilizou  no primeiro trimestre de 2023. 

A Polygon começou o trimestre com US$ 1,1 bilhão e atingiu o pico de US $ 1.4 bilhão no meio do trimestre. O trimestre terminou com o TVL DeFi da Polygon em US$ 1.2 bilhão.

Os dois principais protocolos, Aave V2 e Aave V3, mantiveram as suas posições em termos de TVL no 1º trimestre. O Aave V2 tinha US$ 225 milhões de TVL, enquanto o Aave V3 tinha US$ 211 milhões de TVL no final do trimestre. Com mais de 90% da TVL total do Lending protocol, a Aave continuou a dominar o mercado de empréstimos da Polygon.

Os próximos cinco protocolos da TVL foram trocas descentralizadas (DEXs). O Balancer V2 liderou o caminho com $ 111 milhões de TVL, seguido por Quickswap V2 ($ 100 milhões de TVL), Uniswap V3 ($ 93 milhões de TVL), Quickswap V3 ($ 58 milhões de TVL) e Curve ($ 46 milhões de TVL).

DEXs

O Uniswap manteve a liderança no volume de DEX no Polygon. Durante o primeiro trimestre de 2023, o Uniswap foi responsável por 80% do volume total de DEX. Em média, as DEXs na Polygon tiveram um volume mensal total de US $ 3 bilhões durante o primeiro trimestre de 2023.

Entretanto, os agregadores representaram apenas cerca de 8% do volume total e registaram uma diminuição da sua percentagem de volume QoQ. Os dois principais agregadores, 1inch e Paraswap, continuaram a manter as suas posições como os agregadores mais utilizados na rede.

Liquid Staking

No final de março, 141 milhões de MATIC estavam em liquid staking de um total de 3,8 mil milhões em staking, representando 3,7% do total. 

A Lido detém a maioria da quota de mercado com 60%, seguida da Stader com 36%. Perceba que os levantamentos de staking Lido stMATIC foram interrompidos durante duas semanas em Março devido a um bug. Em suma, liquid staking continua a ser uma área de grande crescimento.

Stablecoins

No último trimestre de 2022, a USDC foi o stablecoin dominante na Polygon, com uma capitalização de mercado de US $ 860 milhões – metade da capitalização de mercado total das stablecoins. 

Contudo, devido à exposição da Cicle à crise bancária no primeiro trimestre, a capitalização de mercado do USDC no Polygon diminuiu 32% para US $ 593 milhões. 

No final de março, a USDT era a principal stablecoin no Polygon com uma capitalização de mercado de $ 735 milhões, representando 48% da capitalização de mercado total das stablecoins. 

Contudo, apesar da redução de 12%, a capitalização de mercado geral das stablecoins na Polygon terminou março de 2023 em US $ 1.5 bilhão.

NFTs

Os NFTs na Polygon foram destaque durante o inverno cripto de 2022. 

A Polygon fechou parcerias incríveis com empresas Web2, como Meta, Starbucks, Disney e Reddit, bem como com mercados Web3 como Rarible e Magic Eden.

No último trimestre de 2022, os NFTs do Polygon atingiram um recorde histórico em carteiras ativas diárias. 

Nos primeiros três meses de 2023, a Polygon teve uma redução de 425,000 para 389,000 carteiras diárias ativas (8%). Mas mesmo assim, ela manteve um ritmo impressionante na celebração de parcerias com empresas como:

  • Rarible: trouxe seu construtor de mercado comunitário personalizável para coleções NFT na rede Polygon, possibilitando que  que qualquer pessoa crie mercados NFT gratuitos e sob medida, com royalties personalizáveis, experiências de negociação na marca e liquidez integrada.
  • Mastercard: lançando um programa para artistas emergentes chamado Mastercard Artist Accelerator. Este programa irá equipar cinco artistas emergentes com as ferramentas, competências e acesso para criarem os seus próprios caminhos musicais na economia digital.
  • Shemaroo: principal empresa de entretenimento da Índia, celebrou parceria com a Polygon Labs para lançar o Virtasy.io – um mercado de NFTs de “Bollywood”. O mercado listará NFTs de filmes de Bollywood, incluindo imagens, clipes de filmes e avatares prontos para o metaverso.
  • PLAY! POP! GO!:  omniverso de estilo de vida com uma abordagem gamificada de “street wear” de luxo e artes, celebrou parceria com a Polygon para oferecer gémeos digitais (digital twins) para espelhar o vestuário físico do usuário e proporcionar uma experiência de jogo imersiva.
  • National Geographic lançou sua primeira coleção NFT “GM: Daybreak Around the World” na Polygon, para comemorar seu 135º aniversário.
  • Hamilton Lane: empresa de investimento global, fez parceria com a Securitize para tokenizar uma parte de seu “Equity Opportunities Fund V” de US $ 2,1 bilhões na Polygon, tornando-o acessível a investidores individuais. 

Games

O setor de games da Polygon também teve um desempenho considerável nos primeiros meses de 2023, com os jogadores mais ativos de qualquer cadeia EVM. Dentre os games, os três mais populares são:

  1. Planet IX: jogo de estratégia baseado em NFT com o objectivo de restaurar um planeta caído e descobrir os seus mistérios. O jogo consiste em 1,6 mil milhões de PIX, NFTs individuais que podem ser recolhidos utilizando o token ERC-20 IX Token (IXT). O game tem uma comunidade grande e engajada, com mais de 550.000 jogadores e mais de 400 milhões de NFTs vendidos.
  2. Sunflower Land: game baseado em blockchain onde os jogadores devem reunir recursos para desenvolver seu império em uma ilha deserta. Existem milhares de recursos exclusivos no jogo que podem ser trocados entre os jogadores. Sunflower Land foi criado por uma equipa de programadores e artistas apaixonados e tem uma comunidade dedicada de mais de 60 programadores de código aberto e mais de 200 artistas.
  3. Benji Bananas: game de ação e aventura gratuito para celular, com mais de 50 milhões de downloads, onde jogadores controlam o macaco Benji e recolhem bananas para obterem melhoramentos e poderes. 

4) Atividade dos desenvolvedores da Polygon

No ultimo quadrimestre de 2022, a Polygon organizou vários eventos, passeios e assinou várias parcerias com o objetivo de expandir e fortalecer seu relacionamento com seus desenvolvedores. 

E essa estratégia continuou nos primeiros meses de 2023, com o lançamento do acelerador Polygon Labs @ the Pit em parceria com a Jump Crypto. O evento que durou duas semanas forneceu treinamento e recursos para desenvolvedores e, este ano, vai ter sua primeira edição em Cingapura.

Não à toa, recente relatório da Electric Capital reconheceu a Polygon como um dos principais ecossistemas para desenvolvedores, apontando o salto na Polygon de 200 desenvolvedores em 2018 para mais de 1.000 em 2022. O que equivale a um aumento de 40% no total de desenvolvedores por ano, e a uma média de mais de 500 desenvolvedores ativos mensais em 2022. Tal relatório colocou a Polygon dentre os principais ecossistemas de desenvolvedores fora da Ethereum, ao lado de Solana, Cosmos e Polkadot.

5) Descentralização 

O Proof-of-Stake da Polygon depende de um conjunto fixo de 100 validadores ativos para proteger a rede. No final de março, o ecossistema de validadores Polygon tinha mais de 3,8 bilhões de MATIC bloqueados, no valor de US$ 4,2 bilhões. 

Desde o semestre de 2022, a Polygon tem focado em aumentar a descentralização do conjunto de validadores.

Em 9 de novembro de 2022, a rede detalhou em um relatório sobre a descentralização dos validadores a distribuição entre regiões geográficas, provedores de cloud, entidades e outros fatores. 

Some-se a isto a Polygon Improvement Proposal 4 (PIP-4), que fornece uma estrutura para avaliar o desempenho dos validadores em relação aos padrões propostos, cujo objetivo é aprimorar a autorregulação e promover transparência e responsabilidade adicionais dos validadores. O PIP-4 também exige o aumento do conjunto de validadores ativos para 105.

6) Análise qualitativa da Polygon

Polygon zkEVM

O lançamento do zkEVM na Mainnet Beta em 27 de março foi o ápice após meses de testes, auditoria e atualização do protocolo Polygon. 

A Mainnet Beta é de código aberto e não permissionada, e é equivalente a EVM (Ethereum Virtual Machine).

E desde o primeiro dia do lançamento, várias empresas de peso adotaram o Polygon zkEVM Mainnet Beta como, por exemplo, Lens, Balancer, Midnight Society, Oath of Peak, ANKR, Alchemy, Sequence, Quickswap e The Graph. 

Some-se a isto as várias medidas implementadas pela Polygon Labs no protocolo Polygon zkEVM para garantir a segurança do usuário durante a fase beta. 

O protocolo passou por várias auditorias externas e está hospedando um programa contínuo de recompensas por bugs. Como se trata de uma tecnologia sofisticada e muito nova, para mitigar possíveis complicações de desempenho, a Polygon Labs disponibiliza informações em tempo real sobre qualquer tempo de inatividade.

Polygon Miden

Miden é um pacote de conhecimento zero projetado para ampliar a funcionalidade do Ethereum sob três óticas: escalabilidade, segurança e privacidade. 

Nesse sentido, o Miden oferece soluções para o lento processo de verificação da blockchain, permitindo que desenvolvedores criem novas funcionalidades. Ele prioriza a compatibilidade do ZK sobre a compatibilidade do EVM, possibilitando os desenvolvedores criarem aplicativos que seriam difíceis de implementar em sistemas baseados em contas. 

A Polygon Labs lançará uma série de postagens de blog descrevendo o Miden nos próximos meses em antecipação ao lançamento da testnet.

Super-redes Polygon

Semelhante ao Substrate no Polkadot ou no Cosmos SDK, o Polygon Edge facilita o desenvolvimento de redes específicas de aplicativos chamadas Polygon Supernets que, impulsionadas pelo Polygon Edge, permitem aos usuários configurarem rapidamente seu desempenho na rede blockchain.

Dito de outro modo, Edge é uma estrutura modular de desenvolvimento de blockchain, projetada para oferecer suporte a uma variedade de soluções de dimensionamento e infraestrutura para o desenvolvimento de redes compatíveis com Ethereum. 

Assim como a Polygon zkEVM, as Polygon Supernets atraíram um vasto número de parcerias como, por exemplo, Nexon, Plai Labs, DeFi Nu, Lemon e Ripio; Acentrik e Gaia-x.

7) Desmembramento da camada de disponibilidade de dados

Em março, a Polygon Labs anunciou que iria desmembrar a Avail, sua camada de disponibilidade de dados. Essa mudança visa focar mais nos esforços de dimensionamento do ZK. Ele também se alinhará mais de perto com o roteiro da Ethereum, suportando especificamente o próximo EIP-4844 e outras atualizações de disponibilidade de dados.

8) Polygon ID

Em junho de 2022, a Polygon lançou uma solução de identidade auto-soberana com foco na Web3.

A Polygon ID usa criptografia ZK para permitir verificação on-chain totalmente privada e verificável e, para isso, ela atende aos requisitos de KYC (Know Your Client), mas mantém a total privacidade dos usuários. 

Em março deste ano, a Polygon ID foi disponibilizada ao público por uma licença de código aberto, no estilo self-service (faça-você-mesmo), permitindo que qualquer pessoa se torne um emissor (por exemplo, provedores KYC, DAOs, etc.), verificador (por exemplo, dApps) ou detentor (ou seja, usuários) de uma identidade Web3.

Como a pilha de infraestrutura de identidade descentralizada oferece vários casos de uso para desenvolvedores, como tecnologia de prova de conhecimento zero para verificação de identidade, login sem senha para melhorar a experiência do usuário e credenciais reutilizáveis, ela já atraiu várias equipes de desenvolvimento. 

Para ampliar ainda mais seu alcance, o fato da Polygon University disponibiliza dois cursos centrados na Polygon ID.

Pensamentos finais

Apesar dos desafios enfrentados pela indústria no Inverno Cripto, a Polygon continuou a demonstrar resiliência e progresso ao longo de 2022 e no primeiro trimestre de 2023. 

Com continuo aperfeiçoamento de soluções de dimensionamento e foco agressivo em parcerias de peso, a Polygon tem se mostrado um forte concorrente na corrida de escalabilidade do Ethereum.

Em suma, dentre suas conquistas mais importantes da Polygon Technology no primeiro trimestre de 2023, temos: o lançamento do Polygon zkEVM Mainnet Beta, a disponibilização da Polygon ID sob uma licença de código aberto para o público em geral, e as parcerias com empresas como Mastercard, e National Geographic. 

Mas e você? Sabia que dos progressos da Polygon Technology nas diversas indústrias? Tinha idéia de que a Polygon foi reconhecida como um dos principais ecossistemas de desenvolvedores pela Electric Capital?

Será que a Polygon conseguira manter sua capacidade de se reinventar e fomentar o crescimento de sua rede, solucionando problemas de desempenho, escalonamento e privacidade?

Conhecimento é poder! Nos vemos em breve!

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto tem um glossário para que você possa tirar suas dúvidas em relação ao mundo cripto!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Patrocinados
Patrocinados