Mercado e jogos P2E em baixa e Twitter com novo dono são destaques da semana

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • BTC caminha para a sua quinta semana consecutiva de baixa, impulsionando quedas ainda maiores em diversas altcoins.

  • A credibilidade dos jogos P2E foi afetada após o hack da rede do Axie Infinity.

  • A compra do Twitter feita por Elon Musk foi o principal assunto na mídia nesta semana.

  • promo

    O novo canal BeInCrypto Premium 3.0 está oficialmente no ar: 3x mais traders, 3x mais insights, 3x mais valor para você!Entre hoje no nosso Telegram!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

A última semana do mês de abril foi marcada pela queda de preço na maioria das criptomoedas e pelo declínio na confiança em jogos play-to-earn (P2E).

A compra de Elon Musk de todas as ações do Twitter, passando a ser o único proprietário da empresa, foi um dos assuntos mais comentados em todo o mundo. Já as criptomoedas meme também estiveram em forte evidência, com a Dogecoin (DOGE) e Shiba Inu (SHIB) anunciando novidades para as suas comunidades. Por fim, os passos regulatórios tomados pelo Brasil e demais países da América Latina completam a lista de principais destaques da indústria cripto desta semana.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

BTC causa nova queda no mercado

Ao que tudo indica, o Bitcoin fechará sua quinta semana consecutiva de queda. Apesar de iniciar a semana criando um forte candle de alta, o ativo voltou a cair na quarta-feira (27), Apesar de ter uma alta momentânea na sexta-feira (29), o preço da criptomoeda voltou a ficar abaixo de US$ 40.000.

Segundo o CoinGecko, o BTC é negociado atualmente em US$ 38.500, com uma desvalorização de 3% nos últimos sete dias. Dados on-chain mostram que o ativo atingiu seu maior nível de subvalorização desde 2018, causando quedas ainda maiores em diversas altcoins. No entanto, algumas moedas ainda conseguiram fortes ganhos na semana.

Jogos P2E perdem credibilidade após hack do Axie Infinity

jogos nft

O hack feito na sidechain Ronin continua dando o que falar, com a equipe responsável pela rede revelando o grupo responsável pelo maior roubo da história das finanças descentralizadas (DeFi). Além de prejudicar o ecossistema do Axie Infinity, esse grupo de criminosos causou uma onda de descrédito em todo o setor P2E.

Ainda sobre o mercado de jogos P2E, desenvolvedores e editores das maiores empresas do mundo gamer continuam em conflito sobre a inserção de tokens não fungíveis (NFTs) em seus próximos títulos.

Elon Musk fecha capital do Twitter

elon musk twitter bitcoin

O Twitter deixará de ser uma empresa com capital aberto na bolsa de valores, passando a ter Elon Musk como seu único dono. Após rumores no início da semana, a empresa anunciou que aceitou a oferta do bilionário para ter 100% de suas ações.

Com isso, muitos se perguntam qual será o futuro da rede social e como a aquisição de Musk mudará os mercados financeiro e da comunicação digital. Apesar do empresário afirmar defender a liberdade de expressão, o Twitter baniu o criador de uma importante criptomoeda após fazer uma piada sobre a venda da rede social.

Meme coins continuam em evidência

shiba inu shib

Entusiastas de criptomoedas meme se animaram com a compra de Musk, visto que o CEO da Tesla é o principal responsável por essa modalidade de ativo ter se tornado popular. Não por acaso, uma meme coin sobre a compra do Twitter foi criada, com seu preço disparando no dia da aquisição.

Queridinha do bilionário, a Dogecoin ainda foi elogiada por uma grande figura do mundo cripto, que disse que o ativo seria melhor que o BTC. A DOGE ainda confirmou que sua rede foi capaz de realizar uma transação offline. Enquanto isso, a Shiba Inu lançou um novo portal para a queima de seus tokens, o que pode refletir positivamente em seu preço.

América Latina aderindo o mercado cripto

brasil

A América Latina avança para se tornar uma região mais adepta ao mundo cripto. Enquanto Cuba legalizou o uso de ativos cripto em seu território, a prefeitura de Buenos Aires anunciou que seus residentes poderão pagar seus impostos com criptomoedas.

O governo brasileiro também tem avançado a sua estrutura regulatória para este setor. Nesta semana, o Senado aprovou o texto da regulamentação cripto brasileira, que engloba diversos assuntos relacionados a este setor, mas não o uso mais amplo da tecnologia blockchain.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Anderson atua como redator para o BeInCrypto, escrevendo sobre as principais notícias sobre o criptomercado e economia em geral. Antes de entrar para a equipe brasileira do site, ele participou de projetos relacionados a trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados a criptomoedas. Formando em Administração, está cursando pós graduação em Investimentos e Blockchain pela EA Banking School.

SEGUIR O AUTOR

Faça já seu 1º depósito e negocie para ganhar até $3.000 em prêmios!      

Comece Hoje!

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install