Ver mais

Ethereum perde espaço para Solana no mercado NFT, segundo JPMorgan

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • O domínio da rede Ethereum (ETH) no mercado NFT está sendo ameaçado pela Solana (SOL), segundo novo relatório do JPMorgan Chase.
  • Ethereum ainda possui 80% de participação neste mercado, mas no ápice seu domínio era de 95%.
  • Banco ainda destacou que Ethereum também está perdendo protagonismo no mercado DeFi.
  • promo

O domínio da rede Ethereum (ETH) no mercado de tokens não fungíveis (NFT) está sendo ameaçado pela Solana (SOL), segundo novo relatório do JPMorgan Chase.

Analistas do tradicional banco de investimentos observaram que a Solana tem captado uma participação cada vez maior no mercado NFT. A cada dia, mais usuários e desenvolvedores utilizam sua rede para cunhar novos tokens não fungíveis (NFT).

Ethereum perdendo espaço

Segundo relatório, o Ethereum era responsável por cerca de 95% do volume de criação e transações envolvendo NFTs no inicio de 2021. Atualmente, a rede detém 80% deste segmento.

Por outro lado, a Solana teve um grande crescimento em suas participações. Boa parte dessa expansão se deve pelo fato de sua rede ser mais sustentável, ao utilizar um método único para validar suas transações.

Vale destacar que o impacto ambiental causado pela cunhagem de novos tokens tem sido uma das principais críticas que fãs e comunidades possuem em relação a adoção de NFTs. Dessa forma, a Solana consegue ser mais atrativa para grandes nomes que queiram explorar alternativas neste segmento.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Além disso, sua blockchain oferece taxas mais baratas para os usuários. Já o Ethereum, em momentos de alto fluxo em sua rede chega a cobrar mais de US$ 50 por transação.  

Para o JPMorgan, a perda de espaço do Ethereum no mercado NFT é motivo para preocupação para os entusiastas e investidores da rede, visto que este segmento tem tido o maior crescimento dentro do universo cripto.

O banco ainda destacou que a rede também tem perdido seu protagonismo em outro nicho, o das finanças descentralizadas (DeFi). Isso se deve especialmente pelo Ethereum estar atrasado em relação a outros concorrentes no quesito dimensionamento e escalabilidade de rede.

SOL supera ETH em 2021

Apesar de ter encerrado 2021 com uma valorização de aproximadamente 400%, o Ethereum ficou para trás do token nativo da Solana neste quesito.

A SOL foi uma das maiores sensações do mercado cripto no ano, chegando a disparar mais de 20.000%. No entanto, o token acumula uma desvalorização de quase 50% em relação a sua máxima histórica, enquanto o ETH está 35% abaixo de seu recorde de preço.

Além disso, a Solana ainda possui um longo caminho caso queira superar o Ethereum em valor de mercado, segundo dados do CoinGecko.

O Ethereum é o segundo projeto cripto mais valioso do mundo, tendo uma capitalização de US$ 376 bilhões. Já a Solana, que está na 7º posição, possui um valor de mercado pouco acima dos US$ 43 bilhões.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados