Ver mais

Charles Hoskinson desafia hackers a invadir a Cardano. Prêmio é de US$1 milhão

3 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • O hack da LastPass induziu o CEO a fazer o desafio.
  • A ideia é provar a segurança do PGP, um programa de criptografia seguro.
  • Segurança e privacidade voltaram ao foco durante o caótico ano de 2022.
  • promo

Charles Hoskinson falou em seu canal no YouTube que desafiará hackers a quebrar o código de nova carteira da Cardano (ADA) para comprovar a segurança e confiabilidade da rede.

No apagar das luzes de 2022, o fundador da Cardano, Charles Hoskinson, foi às redes na última semana do ano para comentar mais um caso de hackeamento e lançar um desafio para a comunidade cripto.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

A companhia de gerenciamento de senhas LastPass sofreu mais um ataque hacker em sua plataforma e teve seu código-fonte roubado. A empresa afirma que os dados dos clientes não foram comprometidos. Entretanto, mais um caso de invasão a um serviço que propõe garantir a segurança de dados sensíveis dos clientes é algo que gera reações e desconfiança.

O fundador da Cardano aproveitou o feriado de Natal e foi ao seu canal no YouTube para comentar o caso com seus seguidores.

Desafio de US$ 1 milhão

Hoskinson não escondeu sua perplexidade e disse ser “extraordinário” o recente hack na empresa de gerenciamento de senhas LastPass.

Em sua mais recente atualização a empresa observou que um agente mal-intencionado acessou um serviço de armazenamento baseado em nuvem de terceiros ao qual a empresa usa para armazenar backups arquivados de seus dados de produção.

O hacker teve acesso a “informações básicas da conta do cliente e metadados relacionados, incluindo nomes de empresas, nomes de usuários finais, endereços de cobrança, endereços de e-mail, números de telefone e endereços IP dos quais os clientes acessavam o serviço LastPass”, disse em nota o CEO do LastPass, Karim Toubba.

Hoskinson classificou a atitude do LastPass como “uma grande porcaria” e disse que é “muito obsceno o que aconteceu”. Ele acrescentou que “é uma pena” o Pretty Good Privacy (PGP), um programa de criptografia, não ser um padrão.

O fundador da Cardano também disse que lançará um desafio à comunidade assim que a Lace Wallet, uma carteira Cardano desenvolvida pela Input Output Global (IOG), oferecer “suporte à criptografia PGP”.

“Vou pegar alguma ADA – provavelmente um milhão de dólares – colocar em uma carteira de papel criptografada com PGP e publicar no meu Twitter para que vocês tentem quebrá-lo. Estou muito confiante nesses padrões. As senhas mestras, mesmo que sejam muito longas, são apenas um padrão morto e não devem mais ser feitas”, sentenciou Hoskinson.

Consequências do mais rigoroso inverno

A privacidade de dados sempre foi um tema latente em qualquer comunidade de desenvolvimento tecnológico. Na indústria cripto em particular esse tema gera debates instigantes pois se posiciona às margens da fronteira legal.

Entretanto, em um ano caótico como 2022 este tema voltou ao foco das atenções. O rigoroso inverno cripto brindou a comunidade com o recorde de dinheiro drenado de protocolos DeFi, o fechamento do cerco regulatório e a falência de uma das maiores exchanges do mercado, a FTX.

Este último acabou sendo o estopim de uma crise de confiança que levou os investidores a transferirem seus fundos das exchanges para carteiras de autocustódia e exchanges descentralizadas (DEX).

staking cardano

Mesmo com o incentivo de figuras proeminentes da indústria cripto para os clientes não manterem seus fundos parados em exchanges, o CEO da Binance disse que a maioria das pessoas perderiam o acesso aos seus fundos em uma carteira de autocustódia.

Ao fazer esse apontamento CZ joga luz em outra lacuna a ser preenchida pelo setor cripto, a simplificação das carteiras de autocustódia. Recentemente foi noticiado a iniciativa da Cypherock, uma startup que desenvolveu uma carteira hardware que substitui as seed phrases por cartões NFC.

No final de novembro, Hoskinson foi enfático, em um seminário anual da IOG, ao declarar que a próxima corrida a permear o setor cripto será o desenvolvimento de identidades descentralizadas. Na visão dele as identidades serão necessárias para evitar a perda de acesso às criptomoedas.

Posteriormente em uma entrevista Hoskinson abordou detalhes da sidechain Midnight, com foco em privacidade, que está trabalhando em contratos inteligentes confidenciais.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Thiago-Barboza-red1.png
Thiago Barboza
Thiago Barboza é graduado em Comunicação com ênfase em escritas criativas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Em 2019 conheceu as criptomoedas e blockchain, mas foi em 2020 que decidiu imergir nesse universo e utilizar seu conhecimento acadêmico para ajudar a difundir e conscientizar sobre a importância desta tecnologia disruptiva.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados