Ver mais

Ethereum sobe acima de US$ 3.500 após SEC eliminar obstáculos regulatórios

2 mins
Atualizado por Thiago Barboza

EM RESUMO

  • O valor do Ethereum subiu acima de US$ 3.500 depois que a SEC encerrou sua investigação, aumentando a confiança dos investidores.
  • A Consensys contestou o exagero regulatório da SEC, alegando que o Ethereum é uma commodity, não um título.
  • A Consensys continua a pressionar por regulamentações claras sobre criptografia para proteger a inovação e os interesses dos investidores.
  • promo

O valor do Ethereum subiu para mais de US$ 3.500 após a conclusão da prolongada investigação da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

Anteriormente, havia dúvidas sobre a possibilidade de o Ethereum ser classificado como um título não registrado. Essa incerteza foi uma preocupação significativa para os investidores, afetando o desempenho do ativo no mercado. Entretanto, o encerramento da investigação restabeleceu a confiança dos investidores, impulsionando um modesto aumento no valor de mercado do Ethereum.

Ethereum marcado como seguro pela SEC

A investigação da SEC se concentrou na Fundação Ethereum e levantou questões sobre se a Ethereum deveria ser regulamentada como um título. Essa classificação poderia ter afetado severamente a demanda pelo ativo digital.

Em resposta, a Consensys, uma entidade importante dentro do ecossistema do Ethereum, iniciou um processo em 25 de abril de 2024. A ação contestou a jurisdição da SEC, argumentando que o Ethereum se qualifica como uma commodity e, portanto, não deveria se enquadrar nas rigorosas regulamentações da SEC.

Leia mais: Previsão de preços do Ethereum para 2024 / 2025 / 2030

Em suma, a contestação legal da Consensys foi um movimento estratégico contra a percepção de que a regulamentação estava sendo ultrapassada. O processo solicitou a confirmação judicial de que o Ethereum não é um título.

Assim, o apoio à posição da Consensys cresceu, marcado por uma defesa pública e política significativa. Isso culminou em um apelo formal em 7 de junho, pedindo que a SEC reconsiderasse sua posição.

Posteriormente, em 18 de junho, a Divisão de Execução da SEC respondeu positivamente.

“Hoje, a Divisão de Execução da SEC respondeu notificando-nos de que está encerrando sua investigação sobre o Ethereum 2.0 e que não tomará nenhuma medida de execução contra a Consensys”, anunciou a empresa.

Reação do preço

Após esse anúncio, o Ethereum teve um aumento de preço, sendo negociado a US$ 3.563. Essa resposta destaca a sensibilidade do mercado às notícias regulatórias, especialmente em relação às principais criptomoedas, como o Ethereum.

Gráfico do Ethereum registra alt para US$ 3500

Apesar dessa vitória, a Consensys está pressionando por regulamentações mais definitivas que promovam, em vez de impedir, a inovação. A empresa defende a clareza regulatória que acomoda os aspectos exclusivos das plataformas cripto e descentralizadas.

Essa abordagem é essencial, pois busca proteger os interesses dos investidores e promover o avanço tecnológico sem restrições indevidas.

“A SEC é um regulador de valores mobiliários, não um regulador de software. Gary Gensler e a SEC devem permanecer em sua faixa, pois têm um trabalho importante que precisam fazer com títulos reais. Eles foram distraídos por essa excursão realmente ilegal no espaço cripto”, disse um porta-voz da Consensys à BeInCrypto.

Leia mais: 10 tokens DeFi para diversificar seu portfólio

O debate mais amplo sobre a classificação dos ativos digitais continua senso uma questão controversa nos círculos regulatórios. Embora o Bitcoin seja geralmente aceito como uma commodity, a SEC afirma que a maioria das outras criptomoedas deve ser tratada como títulos não registrados sob sua supervisão.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Thiago-Barboza-red1.png
Thiago Barboza
Thiago Barboza é graduado em Comunicação com ênfase em escritas criativas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Em 2019 conheceu as criptomoedas e blockchain, mas foi em 2020 que decidiu imergir nesse universo e utilizar seu conhecimento acadêmico para ajudar a difundir e conscientizar sobre a importância desta tecnologia disruptiva.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados