Twitter integra Ethereum em sistema de pagamento

Atualizado por Anderson Mendes
EM RESUMO
  • O Twitter anunciou a integração do Ethereum ao seu recurso de Bonificações.
  • Recurso permite que usuários façam pagamentos e deem gorjetas para outros perfis na rede social.
  • Bonificações já contava com suporte para o Bitcoin.
  • promo

    Comece agora a ganhar até 8% anuais com o novo programa de Staking da Stormgain!Entre hoje no nosso Telegram!

O Twitter anunciou a integração do Ethereum (ETH) ao seu recurso de Bonificações.

O Ethereum se tornou a segunda criptomoeda disponível no Bonificações, recurso que permite que os usuários do Twitter adicionem links de pagamentos de empresas terceirizadas em suas contas na rede social, conforme anunciado por um porta-voz da empresa:

“A partir de hoje, os usuários globais do Twitter podem adicionar endereços Ethereum às suas Bonificações. Continuamos adicionando à nossa lista de provedores de pagamento para garantir que o Bonificações ofereça opções para o maior número possível de pessoas, não importa onde você esteja.”

O recurso foi criado para que usuários pudessem apoiar seus criadores de conteúdo preferidos na plataforma, mostrar agradecimento e apoio à alguns comentários na forma de gorjeta ou ajudar em campanhas de arrecadações que estejam sendo divulgadas. O Twitter não lida diretamente e não cobra taxas por nenhum valor enviado, que é feito por serviços de pagamentos de terceiros.

Em setembro, o Bonificações ganhou suporte para o Bitcoin (BTC) através de plataformas cripto como o Strike, Cash ou Venmo. Desde então, a comunidade passou a solicitar que mais criptomoedas fossem adicionadas ao recurso, algo atendido agora pela rede social.

Twitter e o mundo cripto

O Twitter passou a ter grande notoriedade no mundo cripto nos últimos meses ao anunciar diversas iniciativas relacionadas a criptomoedas e blockchain. Além de incluir o BTC no Bonificações, a rede social desenvolveu uma ferramenta de inserção de NFTs como fotos de perfil e possui planos de lançar uma exchange descentralizada (DEX) própria.

A visão da rede social em relação a este segmento não era por acaso. Seu co-fundador e antigo CEO, Jack Dorsey, é conhecido por ser um grande entusiasta e defensor do mundo cripto. No entanto, o empresário abandonou seu cargo em novembro do ano passado, se dedicando a sua empresa de pagamentos Block, que também possui projetos relacionados a este setor.

A integração do ETH como forma de pagamento mostra que o Twitter continuará tendo foco em oferecer alternativas relacionadas ao mercado cripto para os seus usuários, mesmo com a saída de Dorsey. Além disso, sua ferramenta de NFTs tem se mostrado um sucesso, apesar de receber críticas de Elon Musk.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.