Tether congela US$ 150 milhões em USDT e bane endereços

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • A Tether congelou mais de US$ 150 milhões em USDT no dia 13 de janeiro.

  • A Tether já congelou fundos no passado, a última vez em dezembro de 2021.

  • O USDT é controverso por muitas razões, mas continua sendo a stablecoin mais popular do mercado.

  • promo

    Suba de nível com a Bybit. Deposite $100 e Ganhe 1 ETH Entrar agora!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

A Tether recentemente congelou mais de US$ 150 milhões em USDT.

Esta não é a primeira vez que a empresa congelou o USDT, ações que mais uma vez alimentaram preocupações de centralização na comunidade de criptomoedas.

De acordo com dados do blockchain, a Tether congelou mais de US$ 150 milhões em USDT no dia 13 de janeiro.

Endereços na lista negra. Fonte: Bloxy

Esta não é a primeira vez que o Tether congelou fundos dessa maneira, e muitas vezes isto tem sido um ponto de discórdia na comunidade de criptomoedas. Três endereços foram colocados na lista negra.

Não houve nenhuma informação oferecida sobre o motivo de esses fundos serem congelados. Devido à forma como o contrato inteligente foi criado, a Tether tem a capacidade de congelar, destruir ou emitir tokens à vontade, bem como adicionar endereços à lista negra.

Houve vários incidentes no passado em que a Tether fez isso, levando uma parte considerável e vocal da comunidade cripto a pedir o uso de stablecoins descentralizadas como o DAI. Grande parte do mercado de stablecoins é composto por stablecoins centralizadas como USDT e USDC. No entanto, alguns apontaram que uma quantidade considerável de DAI é apoiada pelo USDC, o que também apresenta riscos.

Mas o aspecto mais controverso da Tether continua sendo o suporte de seu fornecimento. Com mais de 76 bilhões de USDT em circulação, os investidores questionaram o que aconteceria se suas reservas não pudessem dar conta de tudo isso. Em dezembro de 2021, a Tether cunhou 1 bilhão de USDT na blockchain TRON.

A Tether disse que possui uma variedade de ativos que respondem por sua circulação, mas investidores e analistas querem uma auditoria confiável.

As operações da rede chamaram a atenção da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities dos Estados Unidos, que não encontrou nenhum problema com ela, mas impôs uma multa de US$ 41 milhões.

Tether continua com reputação controversa em 2022

A Tether tem uma longa história de polêmica e, mais recentemente, enfrentou outro processo. Dois investidores em Nova York processaram o projeto, reclamando que ele havia enganado os investidores sobre suas reservas.

Enquanto isso, o Tether vem tentando apaziguar os reguladores. A stablecoin anunciou em novembro de 2021 que cooperaria com legisladores de todo o mundo para atender aos padrões de conformidade. A empresa terá que garantir que não vai irritar ainda mais os legisladores e investidores, já que a pressão por regulamentação das stablecoins aumenta nas principais economias.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Rahul Nambiampurath é um trader da Índia que foi atraído pelo Bitcoin e pela blockchain em 2014. Desde então, ele é um membro ativo da comunidade. Ele tem mestrado em finanças.

SEGUIR O AUTOR

Sem medo, sem FUD. Ganhe 1 ETH ao depositar $100 com a Bybit!

Entrar agora

Não fique de fora. Ganhe 1 BTC ao negociar $100 na Bybit!

Entrar agora

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!                

Entrar agora