Ver mais

Reino Unido, roubo de energia e Kraken nas notícias da manhã – Bom Dia, Cripto!

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Os casos de roubo de energia cresceram 75% no Reino Unido desde 2012.
  • Acredita-se que fazendas de maconha e mineração de criptomoedas sejam as responsáveis pelo surto.
  • Um homem nos EUA perdeu mais de US$ 3 milhões após um golpe envolvendo o nomeda Kraken.
  • promo

Bom dia, amantes de criptomoedas! Mais uma semana acaba no mercado cripto. Se você quer saber as notícias que ocorreram no setor nas últimas horas, confira estas informações que o BeInCrypto separou para você!

 Roubo de energia aumenta no Reino Unido e a culpa pode ser da mineração de criptomoedas

Uma reportagem da BBC aponta que o roubo de energia elétrica cresceu 75% no Reino Unido desde 2012. Os principais culpados seriam o alto custo de vida, fazendas de cannabis e, como sempre, mineração de criptomoedas.

Conforme o relatório, o número de casos ocorrido entre 2021 e 2022 superou 3.500. O crime é definido como “manipulação ou desvio dos medidores para evitar pagar pelo uso de energia”.

“Isto pode deixar os fios desencapados e sem passar por um disjuntor, o que aumenta o risco de superaquecimento, incêndios e mortes”.

Fonte: BBC

O Comissário Assistente dos Bombeiros de Londres, Charlie Puglsey, acredita que as fazendas de cannabis e a mineração de criptomoedas são as responsáveis pelo aumento. Ele cita um caso ocorrido em 2021, quando a polícia encontrou uma operação de mineração ilegal de Bitcoin com mais de 100 dispositivos conectados fora da rede.

Por outro lado, houve um surto de roubo de energia no Reino Unido em 2020, quando começaram os lockdowns por causa da COVID-19.

Golpe usa nome da Kraken e rouba mais de US$ 3 milhões de vítima

Um homem nos EUA perdeu US$ 3 milhões em um golpe em que os criminosos se fizeram passar por uma afiliada da exchange Kraken.

A vítima conseguiu recuperar cerca de US$ 3,2 milhões de seus fundos graças à ajuda da polícia. Os detetives conseguiram rastrear as transações e congelar as contas envolvidas no golpe.

Apesar disso, nenhuma prisão ocorreu. Os investigadores acreditam que não será possível identificar os envolvidos no caso.

O golpe, por outro lado, tinha características muito semelhantes ao de pig butchering, uma modalidade do phishing em que os criminosos se aproximam de uma vítima específica com o objetivo de criar confiança e facilitar a transferência de fundos.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia-V.-Kurtz2.png
Júlia V. Kurtz
Editora-chefe do BeInCrypto Brasil. Jornalista de dados com formação pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia pela Globo e, agora, está se aventurando pelo mundo cripto. Tem passagens na Gazeta do Povo e no Portal UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados