Bitcoin btc
$ usd

Real digital: após Banco Central, Paulo Guedes confirma CBDC no Brasil

2 mins
Atualizado por Caio Nascimento

EM RESUMO

  • Paulo Guedes confirma que Brasil terá moeda digital
  • Ministro relaciona novidade com independência do Banco Central
  • Presidente do BC já havia aventado um possível lançamento do real digital
  • promo

O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou que o Brasil terá sua própria moeda digital de Banco Central (CBDC). A chegada do real digital é aguardada para 2022.
O tema foi mencionado brevemente na última quarta-feira (4). O ministro falou durante um evento em celebração à marca de 100 milhões de contas na poupança digital da Caixa Econômica Federal.

Na ocasião, o Guedes comemorou a aprovação do projeto de independência do Banco Central pelo Senado. Segundo o ministro, trata-se de um passo em direção a diversas mudanças no país. Entre elas estaria a implementação do real digital.

“Com o Banco Central autônomo novamente, então isso é algo extraordinário, também na dimensão digital. O PIX, OpenBank, as fintechs e a moeda digital. O Brasil terá a moeda digital. O Brasil está a frente de muitos países, disse.

Presidente do Banco Central já havia confirmado real digital

A declaração de Guedes vem dois meses após outra confirmação do real digital. Em setembro, ao comentar sobreo WhatsApp Pay, o presidente do Banco Central disse que a moeda digital do Brasil deverá chegar em 2022. O país, vale lembrar, já conta com um projeto piloto de renda básica que usa dinheiro virtual para compras do dia a dia. No entanto, o real digital expandiria essa funcionalidade para o resto do país. Ainda não se sabe, porém, se a tecnologia blockchain será usada na implementação. A China, por exemplo, utiliza uma versão permissionada da rede de blocos, ou seja, com controle centralizado. Essa parece ser uma tendência no resto do mundo, dadas as tratativas nos EUA e o lançamento do primeiro CBDC do mundo nas Bahamas. Além disso, no Brasil, especialistas como o economista Fernando Ulrich consideram que o Pix é um dos passos para o CBDC brasileiro. Dessa maneira, segundo Roberto Campos Neto, presidente do BC, a digitalização das finanças no país levará, naturalmente, ao real digital.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

d5d468215717a9856e67059bb80b21e2?s=120&d=mm&r=g
Paulo Alves
Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Colaborei entre 2013 e 2021...
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados