Projeto DeFi perde US$ 200 milhões após ataque hacker

Atualizado por Júlia V. Kurtz
EM RESUMO
  • A ponte de cripto teve quase US $ 200 milhões drenados em 1º de agosto.
  • Os invasores também estão se passando por funcionários da Nomad.
  • Os ataques de ponte têm sido comuns este ano, e o ataque Nomad aumenta a lista crescente.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Junte-se a nós!

A ponte cripto Nomad foi drenada em quase US$ 200 milhões em 1º de agosto. A equipe está investigando o ataque hacker e alertou os usuários para não enviarem fundos para indivíduos que se passem por funcionários do projeto de finanças descentralizadas (DeFi).

A ponte cripto Nomad foi alvo de um ataque hacker que fez com que os invasores levassem quase US$ 200 milhões em WETH e WBTC. O ataque ocorreu em 1º de agosto, e a equipe disse que estava ciente e está conduzindo uma investigação.

O ataque ocorreu em poucas horas e quase todos os fundos da ponte foram drenados. O pesquisador da Paradigm, Samczsun, disse que uma atualização recente para um contrato inteligente resultou na capacidade dos invasores de falsificar transações.

Os atacantes também estão tentando se passar por funcionários da Nomad para roubar mais fundos. A equipe disse que estava ciente de que esses imitadores enviavam endereços fraudulentos para coletar fundos. Eles esclareceram que ainda não haviam dado instruções para a devolução dos fundos da ponte.

Esse ataque é um duro golpe para o Nomad, que vem passando por algumas semanas fortes. A empresa levantou US$ 22 milhões em uma rodada de financiamento inicial apenas alguns dias atrás, com os participantes incluindo Coinbase Ventures, Polygon, Wintermute, Polychain Capital, Gnosis e OpenSea.

Explorações de bridges é um vetor de ataque popular

Os ataques de ponte tornaram-se um método cada vez mais popular para maus atores. Vários ocorreram apenas este ano, incluindo o ataque maciço de US $ 600 milhões à ponte Ronin do Axie Infinity, que acabou de ser relançada. Hackers norte-coreanos foram ligados ao ataque a Ronin.

Wormhole foi outro grande incidente, com invasores desviando aproximadamente US$ 300 milhões da ponte Solana. O mais recente desses ataques foi na ponte Harmony Horizon, que teve US$ 100 milhões roubados.

Segurança ainda é prioridade para o mercado DeFi

A segurança tornou-se uma prioridade para os projetos DeFi, que estão sujeitos a ataques há anos. Somente em 2022, os hackers roubaram mais de US$ 1,2 bilhão do espaço DeFi.

As equipes agora estão trabalhando em como evitar hacks a pontes, e isso será necessário se as equipes quiserem manter sua reputação e manter os usuários. A própria Nomad vem trabalhando em novas soluções, embora isso não signifique que elas não sejam totalmente invulneráveis.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.