Ver mais

Nassim Taleb acusa Jordan Peterson de fazer parte do ‘Cartel do Bitcoin’

2 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Nicholas Taleb discordou da visão de Jordan Peterson sobre o Bitcoin ser a solução para o sistema financeiro tradicional.
  • Autor do livro A Lógica do Cisne Negro taxou Peterson como membro do 'Cartel do Bitcoin'.
  • Outrura entusiasta do BTC, Taleb segue sua saga contra a criptomoeda.
  • promo

O famoso escritor e analista Nassim Nicholas Taleb discordou da visão de Jordan Peterson sobre o Bitcoin (BTC), se posicionando novamente contra a criptomoeda.

Tudo começou após o Daily Mail relatar que o ANZ, um dos principais bancos da Austrália, pretende restringir saques em espécie em algumas de suas agências. A instituição ainda pretende diminuir o número de caixas eletrônicos disponíveis no país, numa tentativa de reduzir a quantidade de papel-moeda em circulação.

Apesar de boa parte da população já usar de meios digitais para movimentar seu dinheiro, a decisão atraiu críticas. Para muitos, o banco prejudicaria o acesso de idosos e outros grupos que dependem do dinheiro físico.

Em resposta a um tweet do Wall Street Silver sobre o caso, que afirmava que a extinção do dinheiro em espécie estava próxima – sobretudo com os avanços dos CBDCs – Jordan Peterson disse que o Bitcoin seria a solução para este problema. O comentário não passou despercebido pelos seus seguidores, especialmente por Taleb.

O ‘Cartel do Bitcoin’

Em seu perfil na rede social, o autor do bes-seller A Lógica do Cisne Negro aconselhou seus seguidores a não acreditarem na visão de Peterson sobre o Bitcoin, chegando a questionar seus conhecimentos sobre finanças. O libanês-americano ainda deu a entender que o psicólogo e também autor renomado teria motivos pessoais para se beneficiar da popularização da criptomoeda:

“Não me senti compelido a entrar e explicar que Peterson falando sobre finanças é um pouco menos sofisticado do que um comitê de caminhoneiros canadenses antivaxx dando palestras sobre teoria quântica de campos. Mas preciso alertar as jovens vítimas que Peterson pertence ao cartel do Bitcoin.”

De fato, Jordan Peterson tem se mostrado um entusiasta do BTC, afirmando no final de 2021 que estava investindo no ativo para se proteger de uma possível crise de inflação no dólar. Porém, nada indica que ele tenha como um de seus principais objetivos propagar a criptomoeda, com a expressão “Cartel do Bitcoin” podendo ser visto como mais um dos comentários ácidos que Taleb direciona para quem tem um pensamento contrário ao seu.

Nassim Taleb: de entusiasta a crítico do Bitcoin

Curiosamente, pode-se dizer que o próprio Nassim Taleb já foi membro do Cartel do Bitcoin. Em 2019, ele chegou a dizer que preferia fazer investimentos no ativo do que comprar ações e títulos governamentais.

No entanto, o guru financeiro mudou sua postura sobre o ativo no ano seguinte, após um atrito com a Coinbase. Na época, ele disse que a equipe da maior exchange dos EUA não o ajudou em alguns problemas técnicos.

Desde então, ele se tornou um fiel crítico do BTC, dizendo que a criptomoeda tinha falhado e era incapaz de atuar como dinheiro. Além disso, ele disse que o ativo não pode ser visto como uma reserva de valor, visto que seu valor oscila “exatamente como outros itens da bolha”.

Em maio de 2021, Taleb protagonizou uma discussão com Fernando Ulrich, chegando a taxar o economista brasileiro como um “idiota”. Apesar de pedir desculpas pela ofensa, ele segue a sua saga contra a criptomoeda.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Formado em Administração de Empresas pela Universidade Positivo, Anderson atua como redator para o BeInCrypto há 2 anos. Escreve sobre as principais notícias do mercado de criptomoedas e economia em geral. Antes de entrar para a equipe brasileira do site, participou de projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto em sua cidade natal, Curitiba.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados