Ver mais

Lido atinge 1 milhão de validadores na rede Ethereum

2 mins
Por Harsh Notariya
Traduzido Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • A Lido atinge 1 milhão de validadores no Ethereum.
  • Apesar do marco, o valor total bloqueado da Lido caiu 25%, para US$ 29,78 bilhões.
  • A Lido comanda 28,5% da participação da Ethereum.
  • promo

A Lido Finance atingiu um milhão de validadores no blockchain do Ethereum. Este é um marco significativo para as finanças descentralizadas (DeFi).

Essa conquista destaca um grande avanço para tornar o staking de criptomoedas acessível a um público mais amplo. Normalmente, o staking requer um capital substancial, pois a execução de um nó validador no Ethereum exige a posse de pelo menos 32 ETH.

Lido anuncia uma grande conquista

A Lido Finance anunciou a marca no Twitter (X). Ela surgiu como o maior protocolo de staking líquido do Ethereum. Essa plataforma facilita o staking para usuários de varejo com menos de 32 ETH.

Dados da Dune revelam que mais de 27,16% de todo o fornecimento de Ethereum está em staking no moemnto, principalmente por meio de protocolos como a Lido. Esse aumento na participação de staking se deve, em grande parte, aos benefícios de liquidez dos protocolos de staking líquido.

Leia mais: Previsão de preços do Ethereum para 2024 / 2025 / 2030

Ao contrário do staking tradicional, em que os ativos permanecem bloqueados, o staking líquido permite que os usuários recebam Lido Staked ETH (stETH). Em seguida, este token pode ser utilizado em vários outros protocolos DeFi, aumentando a liquidez.

Com a Lido, os participantes podem se envolver em staking sem bloquear grandes quantidades de capital. No momento, a Lido é repsonsável por 28,5% do staking de Ethereum. Em comparação, a exchange de criptomoedas Coinbase é responsável por 13,6% desse valor.

TVL em baixa

Apesar desse marco, o valor total bloqueado (TVL) da Lido está em queda. De um pico de US$ 40,16 bilhões em meados de março, ele diminuiu para US$ 29,78 bilhões, uma queda de cerca de 25%.

Esse declínio está se repetindo no setor DeFi, cujo desempenho varia de acordo com o protocolo, apesar de crescer trimestre a trimestre.

Lido TVL
Lido TVL. Fonte: DefiLlama

O crescimento substancial no valor total bloqueado do DeFi, que subiu de US$ 38 bilhões no final de 2023 para um pico de US$ 97 bilhões em abril de 2024, destaca o impacto significativo do staking líquido. Embora tenha havido uma ligeira queda para US$ 92,22 bilhões, a trajetória de crescimento do setor continua robusta. Além disso, ela é impulsionada principalmente pela adoção de protocolos como o Lido e de restabelecimento como o EigenLayer.

No entanto, a queda da Lido na TVL levanta questões sobre a sustentabilidade a longo prazo de um crescimento tão rápido no DeFi. A Forbes já comparou os mecanismos de staking do DeFi a esquemas de pirâmide em 2022, apontando a dependência de novos investimentos contínuos para manter o valor.

“Como a maioria dos participantes também está fazendo staking, as recompensas de staking equivalem à inflação de tokens, o que faz o preço cair. [Portanto, o ecossistema deve experimentar um aumento significativo de novos investidores para compensar o aumento da oferta. Como ele depende de novos investidores para manter seu valor, é semelhante a outros esquemas Ponzi”, disseram os analistas da Forbes.

Essa comparação, portanto, destaca os riscos inerentes em que, apesar das inovações tecnológicas, a estabilidade financeira depende muito do interesse constante dos investidores.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia.png
Júlia V. Kurtz
Editora do BeInCrypto Brasil, a jornalista é especializada em dados e participa ativamente da comunidade de Criptoativos, Web3 e NFTs. Formada pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui mais de 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia, tendo passado por veículos como Globo, Gazeta do Povo e UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados