Ver mais

Imagem fake criada por IA abala o mercado de ações nos EUA

2 mins
Por Shraddha Sharma
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • O mercado de ações ficou assustado e caiu brevemente depois que uma imagem falsa gerada por IA se tornou viral nas redes sociais.
  • A imagem falsa mostrava uma explosão perto do Pentágono em Washington DC.
  • A comunidade recomenda explorar a tecnologia blockchain como uma solução potencial para garantir a autenticidade de conteúdos digitais.
  • promo

Uma imagem gerada por IA de uma explosão falsa perto do Pentágono, em Washington DC, despertou preocupação global depois de colocar brevemente o mercado de ações dos EUA em parafuso.

Quando se trata de manter a estabilidade da democracia e dos mercados, a crescente ameaça da IA tem sido objeto de discussão.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

Imagem gerada por IA abala os mercados financeiros

A imagem da explosão do Pentágono rapidamente ganhou força nas redes sociais. Segundo relatos, o mercado de ações caiu temporariamente como resultado. O público ficou aliviado quando o Departamento de Polícia de Arlington anunciou, em seu perfil no Twitter, que a imagem era uma farsa.

Imagem falsa criada pela IA. Fonte: Twitter

Este episódio destaca a necessidade de medidas preventivas para mitigar as consequências negativas do uso da inteligência artificial. As falsificações geradas por IA podem prejudicar a confiança do público e interferir em grandes eventos como eleições e processos democráticos.

O S&P 500 experimentou uma breve queda de 0,3%, à medida que as falsas alegações se espalharam nas redes sociais. A Carta de Kobeissi estima que a queda de 30 pontos provocou uma oscilação de US$ 500 bilhões. No entanto, os mercados se recuperaram rapidamente enquanto Wall Street aguardava uma reunião crucial sobre o teto da dívida.

O S&P 500 permaneceu estável no fechamento de segunda-feira (23). Enquanto isso, o valor de mercado das criptomoedas experimentou uma recuperação marginal de 1,4%, de acordo com dados do CoinGecko.

Segundo relatos, ainda não foi descoberto de onde veio a imagem ou quais inteligências artificiais foram usadas para criá-la.

Como lidar com a tecnologia?

Os problemas apresentados por informações falsas são dificultados pela ampla divulgação dessa fotografia falsa por várias contas verificadas, incluindo um meio de comunicação estatal russo com seguidores consideráveis.

As falsificações geradas por IA podem confundir ainda mais as fronteiras entre fato e ficção, minando a confiança do público. Samuel Altman, CEO da OpenAI e desenvolvedor do ChatGPT, expressou suas preocupações sobre os possíveis danos da IA. Ele mencionou os novos desafios tecnológicos durante uma recente audiência no Senado dos EUA.

As preocupações com o impacto de deep fakes na democracia explodiram à medida que as eleições presidenciais de 2024 nos EUA se aproximam. Especialistas já alertaram que essas tecnologias sofisticadas podem facilmente distorcer a opinião pública, corroer a confiança nas instituições e sabotar os processos eleitorais.

Além disso, à medida que as finanças tradicionais são afetadas, abordagens de ponta, como a tecnologia blockchain, mostram potencial para garantir a veracidade de fotografias e vídeos. A comunidade aponta que o Bitcoin pode servir como proteção no mundo cibernético. Isso é especialmente verdadeiro quando pode ser difícil diferenciar os dados gerados por inteligência artificial dos dados reais.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados