Ver mais

EUA quer 4 bilhões de dólares da Binance para encerrar investigação criminal

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

O Departamento de Justiça (DoJ) dos EUA pediu US$ 4 bilhões da Binance. O valor faz parte de um acordo que pode encerrar o processo movido pelo país contra a exchange e permitir que ela continue operando.

Conforme informações da Bloomberg, há também a possibilidade de o CEO da exchange, Changpeng Zhao, enfrentar acusações criminais de lavagem de dinheiro, fraude e violação de sansões.

EUA de olho na Binance

Autoridades dos EUA aumentaram o escrutínio contra exchanges de criptomoedas em 2023. A impulsão do movimento ocorreu após o colapso da FTX em novembro de 2022, que expôs fragilidades no mercado cripto.

As acusações contra a Binance incluem a suspeita de que sua filial nos EUA, a Binance.US, seria na verdade uma empresa de fachada administrada pelo próprio CZ.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

A exchange também é acusada de ter perfurado sanções dos EUA contra a Rússia devido à guerra contra a Ucrânia. Além disso, os EUA suspeitam que a Binance ajudou a financiar o terrorismo internacional.

O DoJ, aliás, não é o único órgão do governo a mirar a Binance. A Comissão de Valores Mobiliários do país (SEC) e a CFTC também investigam a exchange e suas rivais – como a Coinbase.

Estas acusações incluem a negociação de tokens que, segundo a SEC, seriam na verdade títulos não registrados. A agência, aliás, perdeu uma ação semelhante contra a Ripple (XRP) após a justiça considerar que a XRP vendida em exchanges não é um título.

Aversão às criptomoedas?

A situação regulatória do mercado cripto nos EUA, enquanto isso, continua adversa. Há uma frente parlamentar bipartidária contra o setor no senado do país.

Liderados por figuras proeminentes como a democrata Cynthia Lummis, os parlamentares querem aprovar projetos considerados sufocantes para o setor. Isto é interpretado por especialistas como uma tentativa de fazer com que empresas saiam do país.

Além disso, propostas de regulamentação pesada de stablecoins ganharam força após o desastre da Terra Luna em 2022.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia.png
Júlia V. Kurtz
Editora do BeInCrypto Brasil, a jornalista é especializada em dados e participa ativamente da comunidade de Criptoativos, Web3 e NFTs. Formada pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui mais de 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia, tendo passado por veículos como Globo, Gazeta do Povo e UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados