Ver mais

Ethereum lança última testnet antes da migração para PoS

2 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • A Ethereum Foundation está incentivando sua comunidade a realizar testes no Kiln, última testnet antes do Ethereum 2.0.
  • Testnet foi lançada com uma camada PoW paralela ao PoS já inserido na Beacon Chain.
  • Ainda há dúvidas de quando o Ethereum 2.0 será implementado.
  • promo

Desenvolvedores do Ethereum (ETH) já podem realizar testes no Kiln, ultima testnet programada antes da total migração da rede para o método de prova de participação (PoS).

O Ethereum deu mais um grande passo em relação a sua versão 2.0, onde sua rede abandonará totalmente o método de prova de trabalho (PoW) para adotar o PoS. Na segunda-feira (14), a Ethereum Foundation incentivou seus usuários a realizar testes no Kiln, nova testnet disponível:

“Recomendamos fortemente que os desenvolvedores executem um ciclo completo de teste e implantação no Kiln e relatem quaisquer problemas com ferramentas ou dependências aos mantenedores desses projetos.”

Detalhes do Kiln

O Kiln era amplamente aguardado pela comunidade da criptomoeda por ser considero a fase final antes da implementação do Ethereum 2.0. Dessa forma, ele sucede o testnet Kintsugi e marca a etapa decisiva para que a rede adote o modo PoS.

Para isso, a testnet foi lançada com uma camada PoW paralela ao PoS já inserido na Beacon Chain. Um transição de um método de consenso para o outro deverá ocorrer ainda nesta semana, muito provavelmente na quinta-feira (17).

Aguardado há anos, o Ethereum 2.0 promete ser a maior mudança já feita na rede do ETH. Ao abandonar o modelo PoW, sua rede deixará de demandar tanta energia elétrica no processo de validação de suas transações, feito atualmente por mineradores de forma semelhante ao visto na rede Bitcoin (BTC).

Dessa forma, o PoS pode reduzir a pegada de carbono produzida atualmente em 99,98%, segundo o organizador da comunidade Beacon Chain. Sem duvidas, isso deixaria o Ethereum mais bem visto ao redor do mundo, devido ao fato do impacto ambiental ser uma das principais críticas feitas ao mercado cripto.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

União Europeia pode acelerar o Ethereum 2.0?

Estimava-se que o Ethereum 2.0 ocorra no segundo trimestre deste ano. Apesar da rede estar avançando neste sentido, possuindo quase 10 milhões de ETH já em staking, Vitalik Buterin afirmou que atrasos poderiam ocorrer antes da total migração.

Porém, decisões geopolíticas podem acabar acelerando a mudança para o PoS. A União Europeia, por exemplo, votou um projeto de lei que visava banir ativos cripto PoW em seu território.

Apesar da proposta não ser aprovada, nada impede que ela seja discutida novamente, ou que outros órgãos governamentais coloquem restrições ou proibições ao uso de criptomoedas consideradas prejudiciais ao meio ambiente.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados