Elon Musk faz proposta para comprar 100% do Twitter

Atualizado por Anderson Mendes
EM RESUMO
  • Há 10 dias Elon Musk se tornou o maior acionista do Twitter ao comprar 10% da companhia.
  • Bilionário afirma que a liberdade de expressão é o pilar de suas intenções com a rede social.
  • "Minha oferta é minha melhor e última oferta e, se não for aceita, terei que reconsiderar minha posição como acionista." - disse o bilionário.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

Elon Musk, CEO da Tesla e SpaceX, se tornou recentemente o maior acionista do Twitter. Agora, o bilionário deseja se tornar dono de toda a empresa pro trás da rede social.

Há 10 dias foi noticiado que o bilionário comprou quase 10% das ações do Twitter, avaliadas em US$ 2,89 bilhões. A grande compra fez de Musk o maior acionista da empresa, superando em muito a participação de Jack Dorsey, cofundador e ex-CEO da rede social.

A oferta foi selada quando Musk enviou uma carta ao presidente do Twitter, Bret Taylor, explicando suas intenções. O conteúdo da carta veio à tona no arquivo da SEC, detalhando sua “proposta não vinculativa”:

“Estou propondo a compra de 100% do Twitter por US$ 54,20 por ação em dinheiro, um prêmio de 54% sobre o dia anterior ao meu investimento no Twitter e um prêmio de 38% sobre o dia anterior ao anúncio público do meu investimento . Minha oferta é minha melhor e final oferta e se não for aceita, terei que reconsiderar minha posição como acionista.”

Atualmente, cada ação do Twitter está sendo negociada por US$ 45,85, então a oferta de Musk é maior do que o preço atual da empresa.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

A liberdade de expressão como pilar fundamental para Elon Musk comprar o Twitter

As razões para a compra da rede social não parecem meramente econômicas, mas vão além. Elon Musk acredita que o Twitter não está realizando seu trabalho social como meio de comunicação que segue os princípios da liberdade de expressão.

“Investi no Twitter porque acredito em seu potencial para ser a plataforma para a liberdade de expressão em todo o mundo e acredito que a liberdade de expressão é um imperativo social para uma democracia em funcionamento.

No entanto, desde que fiz meu investimento, percebi que a empresa não prosperará e atenderá a esse imperativo social em sua forma atual. O Twitter deve ser transformado em uma empresa privada.”

Segundo Musk, a rede social tem muito mais a oferecer e ele acha que ele mesmo poderia melhorar os rumos da empresa. Sua intenção seria tirar a pressão dos mercados e investidores, a fim de ter total controle sobre as decisões a serem tomadas para libertar a rede social, que possui diversas iniciativas em relação ao mundo cripto.

“O Twitter tem um potencial extraordinário. Irei mostrar isso.”

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.