Ver mais

Crise dos bancos: Bank of America pode ser o próximo a falir?

3 mins
Por Martin Young
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • O Bank of America enfrenta perdas de US$ 100 bilhões no mercado de títulos, de acordo com dados do Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC).
  • O Bank of America investiu a maior parte de seus fluxos de depósitos da era da pandemia de US$ 670 bilhões em mercados de dívida de alto preço e baixo rendimento.
  • O programa de empréstimos de emergência do Federal Reserve, Bank atingiu um recorde histórico de mais de US$ 103 bilhões.
  • promo

O banco central dos Estados Unidos quer que as pessoas acreditem que a crise bancária acabou. Mas isso não poderia estar mais longe da verdade, já que um dos maiores bancos do país, o Bank of America, está com problemas.

No último domingo (2), a Kobeissi Letter publicou uma atualização sobre a situação do tradicional banco dos EUA.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

Crise dos bancos continua

De acordo com novos dados do Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC), o Bank of America enfrenta perdas de US$ 100 bilhões no mercado de títulos. Isso pode ter consequências drásticas para a instituição, segundo o veículo:

“O Bank of America afirma que não é um problema, pois eles não planejam vender. Soa familiar? É porque é. Tanto o Silicon Valley Bank quanto o First Republic entraram em colapso por esse motivo.”

Na semana passada, o Financial Times informou que o Bank of America tomou a decisão de investir a maior parte dos US$ 670 bilhões em entradas de depósitos da era pandêmica nos mercados de dívida. Isso foi feito em um momento em que os títulos eram negociados a preços historicamente altos e rendimentos baixos.

Portanto, o segundo maior banco dos Estados Unidos, com US$ 2,5 trilhões em ativos totais, pode ser forçado a vender esses títulos com prejuízo se os depositantes quiserem seu dinheiro. Foi o que aconteceu com o SVB e o First Republic Bank.

A Kobeissi Letter acrescentou: “Também vale a pena notar que as perdas não realizadas no mercado de títulos são um problema de todo o setor”. O total de perdas não realizadas está em um recorde de US$ 620 bilhões em bancos dos EUA. Isso está bem além do pico de cerca de US$ 75 bilhões em 2008.

Crise dos bancos: Bank of America pode ser o próximo a falir?
Fonte: Twitter/@KobeissiLetter

Ele também observou que as perdas do Bank of America são maiores do que seus concorrentes:

“Comparando o Bank of America com outros grandes bancos, suas perdas de aproximadamente US$ 109 bilhões em papéis são muito maiores.”

O JPMorgan tem US$ 37 bilhões em perdas de papel, Wells Fargo tem US$ 42 bilhões e o Citi e Morgan Stanley juntos estão com prejuízo de US$ 34 bilhões.

Acrescentou que as perdas do BofA não contabilizam o crédito. O banco fez apenas cerca de US$ 931 milhões em provisões no último trimestre, o que totaliza aproximadamente US$ 14 bilhões em provisões para perdas de crédito no trimestre.

A esperança é que o BofA nunca tenha que realizar essas perdas de papel, concluiu antes de alertar que:

“Nenhum dos recentes colapsos bancários “esperava” enfrentar os problemas que enfrentaram. Um sistema construído em uma contingência tão severa é perigoso.”

Fundo de resgate do Fed atinge novo recorde

O Federal Reserve tem resgatado ativamente os pequenos credores da América este ano. O programa de empréstimos de emergência do Fed é chamado de Bank Term Funding Program (BTFP). Ele atingiu um recorde histórico de mais de US$ 103 bilhões desde sua criação em março.

Dados do Fed de St. Louis confirmam que os gastos do banco central para sustentar bancos em apuros dispararam.

Com trilhões de dólares impressos nos últimos anos, os bancos agora estão se afogando em dívidas com o aumento das taxas de juros. A crise bancária também pode estar impulsionando a guerra dos Estados Unidos contra as criptomoedas. Os banqueiros veem claramente as criptomoedas como uma ameaça real às finanças tradicionais.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados