Ver mais

Bom Dia, Cripto! – Adoção de ETFs de Bitcoin vai aumentar e mais!

3 mins
Atualizado por Thiago Barboza

EM RESUMO

  • Adoção de ETFs de Bitcoin deve crescer com o interesse institucional, segundo a CEO da Franklin Templeton.
  • Investidor compra US$ 10 milhões em Shiba Inu, mostrando o aumento no mercado de memecoins.
  • Pesquisa da Worldcoin revela que 90% dos usuários de Worldcoin na Espanha querem a volta do serviço após suspensão.
  • promo

Bom dia, amantes de criptomoedas! O mercado cripto continua atraindo a atenção de novos investidores, o que promete fazer com que o setor decole. Para saber o que está animando a indústria, confira o que foi destaque no BeInCrypto!

Leia mais: 5 criptomoedas para ficar de olho em junho

Adoção de ETFs de Bitcoin vai aumentar

  • A CEO da Franklin Templeton, Jenny Johnson, prevê um crescimento contínuo na adoção de ETFs de Bitcoin à medida que instituições se sentem mais confortáveis com esses produtos.
  • Em seguida, Johnson destacou o sucesso do ETF de Bitcoin da Franklin Templeton, o EZBC, que acumulou US$ 420 milhões em ativos sob gestão em cinco meses.
  • Todos os ETFs de Bitcoin à vista somam aproximadamente US$ 58 bilhões em ativos sob gestão, refletindo o crescente interesse institucional.
  • Além disso, muitas instituições ainda preferem observar os primeiros usuários antes de fazer investimentos significativos.
  • Johnson mencionou que a próxima onda pode incluir ETFs de Ethereum (ETH), com a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) progredindo nessa direção.
  • Os ETFs de Bitcoin nos EUA registraram entradas líquidas acumuladas de US$ 15,34 bilhões desde o início, segundo dados da SoSo Value.
  • Além disso, um relatório da CoinShares indica entradas em produtos de investimento em ativos digitais totalizando US$ 185 milhões nas últimas quatro semanas.

Investidor arrecada US$ 10 milhões em Shiba Inu (SHIB)

  • Um entusiasta de memecoins comprou aproximadamente US$ 10 milhões em tokens Shiba Inu (SHIB), destacando o interesse crescente no mercado de memecoins.
  • A carteira 0x520 trocou 1.593 Wrapped Ethereum (WETH) por 234,136 bilhões de SHIB, totalizando US$ 6,07 milhões a um preço médio de US$ 0,00002593.
  • Além disso, essa está associada às carteiras 0x761 e 0x913, que também realizaram transações substanciais de SHIB.
  • A 0x761, por exemplo, comprou 5,16 trilhões de tokens SHIB em março de 2021 por 45 Ethereum (ETH), então valendo US$ 63.700, e transferiu 165,36 bilhões de tokens para 0x520.
  • A 0x913, por outro lado, trocou 1.000 WETH, equivalentes a US$ 3,83 milhões, por 149,3 bilhões de SHIB.
  • Os investimentos institucionais em moedas meme aumentaram 226% de fevereiro a março de 2024, atingindo US$ 293,7 milhões, segundo um relatório da Bybit.
  • Além disso, a DWF Labs investiu US$ 12 milhões em tokens FLOKI e US$ 5 milhões em Milady Meme Coins (LADYS), destacando o interesse contínuo em memecoins.

90% dos usuários de Worldcoin na Espanha querem o retorno do serviço, diz pesquisa da Worldcoin

  • Quase 90% dos portadores de World ID na Espanha apoiam o retorno dos serviços da Worldcoin, de acordo com uma pesquisa da Worldcoin.
  • A Tools for Humanity (TFH), parceira da Worldcoin, realizou uma pesquisa com mais de 21.000 usuários na Espanha via World App.
  • Os resultados indicam que 73% confiam na capacidade da Worldcoin de aumentar a segurança na Internet.
  • Outros 82% reconhecem a importância do World ID para identificar humanos e bots.
  • Por fim, 81% se sentem seguros usando a Worldcoin e 87% apoiam a continuidade das operações na Espanha.
  • A Worldcoin suspendeu suas operações na Espanha em 4 de junho, após uma ordem da Agência Espanhola de Proteção de Dados (AEPD).
  • A suspensão visa proteger os direitos e liberdades dos indivíduos conforme o GDPR.
  • A BayLDA, autoridade de proteção de dados da Baviera, está conduzindo uma auditoria que deve ser concluída em breve.
  • A TFH se comprometeu a não retomar suas atividades na Espanha até que a auditoria seja finalizada ou até o final do ano.
  • Por fim, além da Espanha, a Worldcoin enfrenta desafios legais em outras jurisdições, incluindo Quênia, Argentina e Chile.
  • Ainda assim, apesar das controvérsias, a Worldcoin continua a expandir suas operações na América Latina, com verificações de World ID na Colômbia e planos para aumentar a disponibilidade de dispositivos.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia.png
Júlia V. Kurtz
Editora-chefe do BeInCrypto Brasil. Jornalista de dados com formação pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia pela Globo e, agora, está se aventurando pelo mundo cripto. Tem passagens na Gazeta do Povo e no Portal UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados