Ver mais

Explorando as razões por trás da volatilidade das criptomoedas

6 mins
Atualizado por Airí Chaves

As criptomoedas experimentaram um aumento de popularidade sem precedentes nos últimos anos. A moeda digital revolucionou a maneira como as pessoas pensam sobre dinheiro e transações financeiras, permitindo aos usuários contornar os sistemas bancários tradicionais e fazer pagamentos seguros com taxas de transação baixas.

Quer ser o primeiro a saber sobre o universo das criptomoedas? Junte-se à comunidade do BeInCrypto no Telegram. Lá nós compartilhamos diariamente análises técnicas e respostas às suas perguntas. Além disso, é possível conversar com traders e entusiastas do mercado de criptomoedas.

Entretanto, com o aumento da popularidade das criptomoedas, a volatilidade tem aumentado. Neste artigo, vamos fornecer uma exploração profunda das razões por trás da volatilidade das criptomoedas e de como se proteger contra ela.

Introdução às criptomoedas

A criptomoeda é uma moeda digital ou virtual que é assegurada por criptografia, tornando quase impossível falsificar ou duplicar o gasto. As criptomoedas são descentralizadas, o que significa que elas não são controladas por nenhuma autoridade ou governo. Isto as torna atraentes para aqueles que desejam permanecer anônimos e evitar a interferência do governo.

A criptomoeda mais popular é a Bitcoin, que foi criada em 2009 por um desenvolvedor anônimo conhecido como Satoshi Nakamoto. Desde então, várias outras criptomoedas foram criadas, tais como Ethereum, Litecoin e Ripple. Essas moedas alternativas, ou altcoins, são frequentemente usadas como forma de pagamento ou investimento.

Volatilidade das criptomoedas

As criptomoedas são altamente voláteis, o que significa que seus preços podem flutuar drasticamente em curtos períodos de tempo. Esta volatilidade é uma faca de dois gumes; ela pode levar tanto a grandes ganhos quanto a grandes perdas.

Para os investidores, a volatilidade das criptomoedas pode ser tanto uma bênção quanto uma maldição. Por um lado, ela proporciona o potencial de grandes lucros se o preço de uma determinada criptomoeda subir. Por outro lado, ela também carrega o risco de grandes perdas se o preço cair repentinamente.

Razões por trás da volatilidade das criptomoedas

A volatilidade da criptomoeda é causada por uma série de fatores. Primeiro, o número de investidores e traders no mercado é muito pequeno em comparação com os mercados tradicionais. Isto significa que o preço de uma criptomoeda pode ser facilmente influenciado pelas ações de alguns poucos indivíduos. Além disso, o mercado é altamente especulativo e suscetível a rumores e notícias. Isto significa que os rumores sobre uma determinada criptomoeda podem fazer com que seu preço subitamente dispare ou caia.

Outro fator que contribui para a volatilidade das criptomoedas é a falta de liquidez. A liquidez refere-se à capacidade de um investidor de comprar ou vender um determinado ativo. A baixa liquidez pode fazer com que os preços se tornem muito voláteis, pois se torna difícil encontrar compradores e vendedores para uma moeda em particular.

Além disso, os investidores frequentemente usam a margem de negociação e a alavancagem para aumentar seus lucros. O trading de margem é quando um investidor pede dinheiro emprestado a um corretor para comprar ou vender um ativo. A alavancagem é quando um investidor usa o dinheiro emprestado para aumentar seus lucros. Essas estratégias podem ser arriscadas e podem fazer com que os preços se tornem muito voláteis.

Vamos nos aprofundar em outros fatores por trás da volatilidade das criptomoedas:

Oferta e demanda

O fator mais básico que afeta o preço das criptomoedas é a oferta e a demanda. As criptomoedas são recursos finitos, o que significa que há apenas uma quantidade limitada em circulação. Esta oferta limitada, associada a uma demanda crescente, pode levar a grandes oscilações de preços, pois compradores e vendedores competem pelas moedas disponíveis.

Incerteza regulamentar

A incerteza regulatória é outro fator que pode contribuir para a volatilidade das criptomoedas. Governos e instituições financeiras em todo o mundo ainda estão tentando descobrir como regular o uso de criptomoedas. Essa incerteza pode levar a grandes oscilações de preços à medida que os investidores tentam prever como várias decisões regulatórias podem afetar os mercados.

Influência da mídia

A mídia também tem uma grande influência sobre o preço das criptomoedas. Uma cobertura positiva das notícias pode levar a um aumento da demanda, enquanto uma cobertura negativa pode levar a uma diminuição da demanda. Isto pode levar a grandes oscilações de preços à medida que os investidores reagem às notícias.

Manipulação do mercado

Finalmente, a manipulação de mercado também pode contribuir para a volatilidade das criptomoedas. Grandes investidores podem tentar manipular o mercado através da compra e venda de grandes quantidades de uma determinada moeda a fim de elevar ou baixar o preço. Isto pode levar a grandes oscilações artificiais de preços que têm pouco a ver com os fundamentos da moeda.

Como tirar vantagem da volatilidade

Apesar dos riscos associados ao investimento em criptomoedas, ainda há maneiras de se tirar proveito da volatilidade. Uma maneira é utilizar a análise técnica. A análise técnica é um método de análise dos movimentos de preços e de previsão de preços futuros. Ao estudar os movimentos de preços passados de uma determinada criptomoeda, é possível identificar tendências e prever o preço futuro do ativo.

Além disso, você pode usar o trading de opções para tirar proveito da volatilidade. O trading de opções envolve a compra e venda de contratos de opções. Estes contratos lhe dão o direito de comprar ou vender um determinado ativo a um preço pré-determinado. Isto permite que você lucre com os movimentos de preços sem ter que possuir o ativo.

Estratégias para reduzir a volatilidade

Há várias estratégias que os investidores podem utilizar para reduzir a volatilidade de seus investimentos. A estratégia mais importante é a de diversificar seus investimentos. Isto significa investir em uma variedade de ativos e moedas diferentes, de modo que se um investimento perder valor, será compensado por ganhos em outros investimentos.

Além disso, os investidores podem usar ordens stop-loss para vender automaticamente seus investimentos se o preço cair abaixo de um determinado ponto. Isto pode ajudar a limitar as perdas se o preço de uma criptomoeda cair repentinamente.

Finalmente, os investidores podem usar o DCA (custo médio do dólar). Isto é quando um investidor investe regularmente uma quantia fixa de dinheiro em um ativo em particular. Isto pode ajudar a reduzir as perdas, calculando a média da volatilidade ao longo do tempo.

O impacto da volatilidade no mercado de criptomoedas

A volatilidade das criptomoedas pode ter um impacto significativo sobre o mercado como um todo. A alta volatilidade pode tornar difícil para os investidores tomar decisões informadas e pode levar a perdas. Além disso, pode dificultar a entrada de novos investidores no mercado, pois eles podem estar incertos sobre o valor futuro de uma criptomoeda.

A alta volatilidade também pode tornar difícil para as empresas aceitarem criptomoedas como uma forma de pagamento. Isto porque as empresas não querem aceitar uma forma de pagamento que pode flutuar rapidamente em valor. Isto pode levar a uma diminuição na adoção de criptomoedas como forma de pagamento. No entanto, existem criptomoedas estáveis, conhecidas como stablecoin, que podem solucionar esse problema.

Crie sua conta na OKX e faça trading de criptomoedas em uma das melhores exchanges do mundo.

Erros comuns na negociação de criptomoedas

volatilidade

Finalmente, é importante entender alguns dos erros comuns que os investidores cometem quando negociam criptomoedas. O erro mais importante é negociar sem um plano. É importante ter uma estratégia e aderir a ela.

Além disso, é importante evitar negociar com emoção. Isto significa não tomar decisões com base no medo ou na ganância. Finalmente, é importante diversificar seus investimentos e nunca investir dinheiro que não se pode perder.

Visão geral da volatilidade das criptomoedas

As criptomoedas são uma classe de ativos altamente voláteis, e os investidores devem estar cientes dos fatores que podem contribuir para sua volatilidade. Ao entender as razões por trás da volatilidade da criptomoeda, os investidores podem tomar decisões mais informadas sobre seus investimentos e tomar medidas para se protegerem de grandes perdas.

Há uma série de estratégias que os investidores podem usar para se protegerem contra a volatilidade das criptomoedas, como a compra de opções, o uso de ordens stop-loss e a diversificação de investimentos. Ao tomar estas medidas, os investidores podem proteger suas carteiras contra grandes perdas no caso de uma queda repentina no preço de uma criptomoeda.

A volatilidade é uma parte inerente do investimento em criptomoedas, mas compreendendo os fatores que a impulsionam e tomando medidas de proteção contra ela, os investidores podem maximizar seus retornos enquanto minimizam seus riscos.

Perguntas frequentes

O que é volatilidade de criptomoedas?

Qual criptomoeda tem maior volatilidade?

Como saber a volatilidade de uma criptomoeda?

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e com o objetivo único de informar. Qualquer atitude tomada pelo usuário a partir das informações veiculadas no site é de sua inteira responsabilidade.
Na seção Aprender, nossa prioridade é fornecer informações de alta qualidade. Nós tomamos o tempo necessário para identificar, pesquisar e produzir conteúdo que seja útil para nossos leitores.
Para manter esse padrão e continuar a criar um conteúdo de excelência, nossos parceiros podem nos recompensar com uma comissão por menções em nossos artigos. No entanto, essas comissões não afetam o processo de criação de conteúdo imparcial, honesto e útil.

Airi-Chaves-2.png
Airí Chaves
Com formação em marketing pela Universidade Estácio de Sá e um mestrado em liderança estratégica pela Unini, escreve para diversos meios do mercado de criptomoedas desde 2017. Como parte da equipe do BeInCrypto, contribuiu com quase 500 artigos, oferecendo análises profundas sobre criptomoedas, exchanges e ferramentas do setor. Sua missão é educar e informar, simplificando temas complexos para que sejam acessíveis a todos. Com um histórico de escrita para renomadas exchanges brasileiras,...
READ FULL BIO