Apple diz que metaverso é importante e “vai investir de acordo”

EM RESUMO
  • O CEO da Apple, Tim Cook, fez questão de enfatizar o potencial do metaverso.
  • Segundo Cook, metaverso é muito interessante para a Apple e a empresa já está "investindo de acordo".
  • Goldman Sachs e Morgan Stanley estimaram que o metaverso pode fornecer um mercado de US$ 8 trilhões nos próximos anos.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

O CEO da Apple, Tim Cook, fez questão de enfatizar o potencial do metaverso e afirmou que sua companhia irá realizar investimentos nesta área.

Durante sua participação na teleconferência de resultados financeiros da Apple feita na semana passada, Cook foi indagado sobre o posicionamento da companhia em relação ao metaverso.

Este tema tem estado cada vez mais em alta após o anúncio da mudança de nome do Facebook para Meta. A companhia liderada por Mark Zuckerberg ainda destacou que pretende investir cerca de US$ 10 bilhões neste mercado nos próximos anos.  

Outra gigante da tecnologia, Microsoft, também tem dado sinais de estar entrando neste segmento. Ao celebrar a aquisição da Activision Blizzard por US$ 69 bilhões, o CEO da empresa disse que a compra fazia parte das suas intenções de expandir para o metaverso num futuro próximo.  

Apple e seus planos para o metaverso

Ao contrário da maioria de outras gigantes tecnológicas, a Apple pareceu não se animar inicialmente com o metaverso. No entanto, as novas declarações de Cook dão a entender que este setor estará entre os principais focos da empresa.

“Somos uma empresa no ramo de inovação, por isso estamos sempre explorando tecnologias novas e emergentes. E falei longamente sobre como essa área é muito interessante para nós. Vemos muito potencial neste espaço e estamos investindo de acordo.”

O empresário ainda destacou que já existem mais de 14 mil aplicativos relacionados a realidade aumentada na Apple Store “que fornecem experiências incríveis” para os usuários da empresa.

Sendo uma companhia que possui seu maior foco na venda de produtos eletrônicos e em hardware, é possível cogitar que a Apple busque alternativas neste mercado que sejam relacionadas a criação de novos dispositivos para a experiência de seus usuários, como óculos e demais equipamentos.

Até o momento, este tem sido um dos principais focos da Meta. No entanto, ao contrário de Zuckerberg, Cook ou outra figura importante da Apple ainda não deram detalhes importantes ou valores que a empresa tem investido em relação ao tema.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

Mercado que vale trilhões

Além do desejo de não ficar obsoleta em relação a outras empresas, o potencial financeiro do metaverso ajuda a entender porque a Apple está mais interessada neste segmento. Os tradicionais bancos de investimentos Goldman Sachs e Morgan Stanley estimaram que a tecnologia pode fornecer um mercado de US$ 8 trilhões nos próximos anos.

Para o estrategista do Bank of America, Haim Israel, boa parte desses recursos podem ser oriundos de ativos cripto, como criptomoedas e NFTs. Nesse sentido, a Meta parece estar tomando a dianteira.

A companhia já registrou diversas patentes cripto ao redor do mundo, inclusive no Brasil, e ingressou a um grupo de proteção que conta com diversas empresas deste setor, como as exchanges Coinbase e Kraken.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.