Alta do BTC resultou em US$ 900 milhões liquidados

1 min
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • ByBt relatou números massivos de liquidação nas últimas 24 horas durante a queda de preços do BTC.
  • Em 21 de outubro, o Bitcoin atingiu um novo preço recorde que ultrapassou US$ 67.000.
  • Durante esse tempo, o primeiro ETF relacionado ao ativo dos EUA foi lançado e o Bitcoin viu ingressos recordes.
  • promo

De acordo com dados do ByBt, grandes liquidações ocorreram após a queda de preço do Bitcoin (BTC) nas últimas 24 horas.

O Bitcoin atingiu uma nova máxima histórica no dia 20 de outubro, subindo para mais de US$ 67.000. Poucos dias antes, o primeiro ETF vinculado ao ativo foi lançado no mercado dos EUA. O lançamento não apenas ajudou a elevar o preço do BTC, mas também registrou fluxos de entrada recordes em investimentos no ativo, de US$ 1,47 bilhão.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Quase simultaneamente, o Ethereum (ETH) alcançou um novo preço recorde de US$ 4.380. No entanto, o preço do Bitcoin caiu abaixo da área de resistência de US$ 63.650. O ativo mostra suporte em torno de US$ 56.500 e entre US$ 52.300 e US$ 53.300. No momento do fechamento desta matéria, a criptomoeda estava sendo precificada pouco abaixo de US$ 59.000.

No entanto, a queda causou algumas grandes liquidações, ainda de acordo com o ByBt. Nas últimas 24 horas, 179.829 traders tiveram suas posições liquidadas. A maior ordem de liquidação única ocorreu na exchange Bitfinex, com um valor em ETH de US$ 68,64 milhões. O total de liquidações atingiu mais de US$ 900 milhões em valor.

Interesse no Bitcoin  

Apesar das oscilações de preço do Bitcoin, o interesse geral no mercado cripto continua aumentando. O ETF vinculado ao ativo, da ProShares (BITO), está se aproximando de seu limite de contratos futuros. O limite do mês inicial é de 2.000 contratos e o fundo já possui 1.900.

Além disso, a quantidade de BTC em aberto (IO) na CME aumentou em mais de US$ 4 bilhões desde o lançamento do ETF. Esses ETFs no mercado financeiro tradicional podem ser vistos como portas de entrada para investidores entrarem no mercado cripto sem o risco de investimento direto.

À medida que o interesse externo e institucional continua subindo, resta aguardar para saber como isso irá impactar os movimentos futuros do Bitcoin.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4651b07415a7685f1649d2f29bcda9c3.jpg
Savannah Fortis
Savannah Fortis é uma jornalista multimídia que cobre histórias na interseção entre cultura, relações internacionais e tecnologia. Por meio de suas viagens, ela foi apresentada à comunidade cripto em 2017 e tem interagido com o setor desde então.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados