Alta do BTC resultou em US$ 900 milhões liquidados

EM RESUMO
  • ByBt relatou números massivos de liquidação nas últimas 24 horas durante a queda de preços do BTC.
  • Em 21 de outubro, o Bitcoin atingiu um novo preço recorde que ultrapassou US$ 67.000.
  • Durante esse tempo, o primeiro ETF relacionado ao ativo dos EUA foi lançado e o Bitcoin viu ingressos recordes.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

De acordo com dados do ByBt, grandes liquidações ocorreram após a queda de preço do Bitcoin (BTC) nas últimas 24 horas.

O Bitcoin atingiu uma nova máxima histórica no dia 20 de outubro, subindo para mais de US$ 67.000. Poucos dias antes, o primeiro ETF vinculado ao ativo foi lançado no mercado dos EUA. O lançamento não apenas ajudou a elevar o preço do BTC, mas também registrou fluxos de entrada recordes em investimentos no ativo, de US$ 1,47 bilhão.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

Quase simultaneamente, o Ethereum (ETH) alcançou um novo preço recorde de US$ 4.380. No entanto, o preço do Bitcoin caiu abaixo da área de resistência de US$ 63.650. O ativo mostra suporte em torno de US$ 56.500 e entre US$ 52.300 e US$ 53.300. No momento do fechamento desta matéria, a criptomoeda estava sendo precificada pouco abaixo de US$ 59.000.

No entanto, a queda causou algumas grandes liquidações, ainda de acordo com o ByBt. Nas últimas 24 horas, 179.829 traders tiveram suas posições liquidadas. A maior ordem de liquidação única ocorreu na exchange Bitfinex, com um valor em ETH de US$ 68,64 milhões. O total de liquidações atingiu mais de US$ 900 milhões em valor.

Interesse no Bitcoin  

Apesar das oscilações de preço do Bitcoin, o interesse geral no mercado cripto continua aumentando. O ETF vinculado ao ativo, da ProShares (BITO), está se aproximando de seu limite de contratos futuros. O limite do mês inicial é de 2.000 contratos e o fundo já possui 1.900.

Além disso, a quantidade de BTC em aberto (IO) na CME aumentou em mais de US$ 4 bilhões desde o lançamento do ETF. Esses ETFs no mercado financeiro tradicional podem ser vistos como portas de entrada para investidores entrarem no mercado cripto sem o risco de investimento direto.

À medida que o interesse externo e institucional continua subindo, resta aguardar para saber como isso irá impactar os movimentos futuros do Bitcoin.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.