Ver mais

Visa escolhe Solana para liquidar pagamentos com USDC

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Visa expande capacidade de liquidação em stablecoin com Solana.
  • Escolha da blockchain foi escolhida por ser mais rápida.
  • As velocidades de transação de Solana e USDC abrem a porta para uma adoção mais ampla.
  • promo

A Visa anunciou a expansão da sua capacidade de liquidação de moeda digital. A gigante de pagamentos utilizará a stablecoin USDC, emitida pela Circle. Segundo a gigante global, a blockchain da Solana foi escolhida por ser mais veloz.

Enquanto a Solana (SOL) processa até 65.000 transações por segundo, a Ethereum (ETH) processa apenas cerca de 30 transações por segundo. 

Leia mais: As 10 criptomoedas para investir em janeiro de 2024

Visa usa blockchain para mover USDC

A iniciativa envolve parceria com duas grandes empresas de pagamentos comerciais, a Worldpay e Nuvei que poderão oferecer aos comerciantes a opção de receber fundos em USDC ou convertê-los em moeda fiduciária.

Stablecoins como a USDC são tecnologias de pagamento de última geração e podem ajudar negócios online do mundo a acelerar seu crescimento”, afirma o presidente e CEO da Nuvei, Philip Fayer.

“A otimização das transações internacionais é apenas um caso de uso em que as stablecoins podem beneficiar as empresas. Como uma líder em pagamentos globais, estamos constantemente focados em inovação e empolgados para trabalhar com a Visa e disponibilizar essas capacidades aos nossos parceiros””

A Visa já movimentou milhões de dólares em USDC entre parceiros nas redes Solana e Ethereum para efetuar pagamentos autorizados na VisaNet por meio de pilotos com emissores e credenciadores.

O processo agiliza as transações realizadas com cartões Visa em todo o mundo, permitindo que os pagamentos sejam autorizados quase instantaneamente.

Depois que os clientes compram mercadorias usando cartões Visa, os fundos devem ser transferidos entre o banco do titular do cartão e o banco do comerciante. A Visa atua como intermediária neste processo complexo entre milhares de instituições em todo o mundo.

A gigante de pagamentos desempenha um papel fundamental na compensação, liquidação e movimentação de fundos entre bancos emissores e credenciadores para facilitar a transferência correta dos valores em diferentes moedas-  entre cerca de 15 mil instituições financeiras – em mais de 25 moedas.

“A Visa está comprometida a continuar na vanguarda da inovação em moedas digitais e blockchain e a usar essas novas tecnologias para ajudar a aprimorar a forma como movimentamos dinheiro”, disse o head de Cripto na Visa, Cuy Sheffield.

Redução de custos

Normalmente, a liquidação de transações internacionais leva dias devido à demora na conversão de moeda e nas transferências eletrônicas internacionais. Moedas digitais como stablecoins visam agilizar esse processo e reduzir os tempos de liquidação.

Além disso, as transações em blockchain com stablecoins como USDC podem ter taxas mais baixas em comparação com os sistemas de pagamento tradicionais. Como resultado, isto permite à Visa reduzir os custos associados aos pagamentos

O mercado não deixou de notar a adoção destas soluções digitais. O preço da SOL teve um aumento muito modesto de 1,3% nas primeiras duas horas de negociação após o anúncio e agora sobe cerca de 5%, conforme o CoinMarketCap.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

aline.jpg
Aline Fernandes
Apaixonada pelo que faz, Aline Fernandes é uma profissional que atua há 20 anos como jornalista. Especializada nas editorias de economia, agronegócio e internacional trabalha na BeINCrypto como editora do site brasileiro. Já passou por quase todas as redações e emissoras do país, incluindo canais setorizados como Globo News, Bloomberg News, Canal Rural, Canal do Boi, SBT, Record e Rádio Estadão/ESPM. Atuou também como correspondente internacional em Nova York e foi setorista de economia...
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados