Ver mais

Trader lucra milhões com a PEPE e gera suspeitas de informações privilegiadas

2 mins
Traduzido Anderson Mendes

Um trader ganhou as manchetes depois de transformar um modesto investimento de US$ 3.000 em mais de US$ 46 milhões ao negociar a Pepe (PEPE). A plataforma de rastreamento on-chain Lookonchain destacou esse lucro notável, que corresponde a um retorno de 15.718x.

De fato, a história de sucesso mostra a volatilidade e o potencial das memecoins. No entanto, também levanta questões sobre o momento e o conhecimento por trás do negociante.

Trader desperta especulações no mercado

A Lookonchain destacou que o trader investiu inicialmente quase US$ 3.000 em 15 de abril para comprar 4,9 trilhões de tokens PEPE. Desde então, o valor da memecoin disparou. Isso permitiu que o trader vendesse partes de suas participações para obter lucros substanciais.

Ele vendeu 1,41 trilhão de moedas por US$ 7,4 milhões e 255 bilhões de moedas por aproximadamente US$ 2,3 milhões. Apesar dessas vendas, o trader ainda detém 3,5 trilhões de unidades da criptomoeda meme, avaliados em cerca de US$ 38,9 milhões com base nos preços atuais.

“Seu lucro total com a PEPE é de aproximadamente US$ 46,3 milhões”, concluiu Lookonchain.

As transações do trader para comprar 4,9 trilhões de PEPE.
As transações do trader para comprar 4,9 trilhões de PEPE. Fonte: X/Lookonchain

Leia mais: 11 memecoins e altcoins que são tendência em maio de 2024

Comunidade suspeita de insider trading

No entanto, a data da compra levantou dúvidas entre a comunidade cripto, já que estava próxima do horário de lançamento da PEPE. Além disso, na mesma data, os dados on-chain revelaram que o trader trocou 20.000 tokens Timeless (LIT), no valor aproximado de US$ 2.256, para comprar 3,4 trilhões de PEPE.

Considerando o status relativamente obscuro do LIT e a capitalização de mercado de apenas US$ 3,6 milhões, a decisão de negociar LIT por PEPE naquele momento sugere um nível de conhecimento interno.

Em 15 de abril o LIT foi negociado a US$ 0,111814, contrastando fortemente com seu preço atual de US$ 0,001539. Isso alimentou ainda mais a especulação sobre o possível status de informação privilegiada do trader. No entanto, o trading se mostrou oportuno e extraordinariamente lucrativo.

LIT Desempenho do preço.
Desempenho do preço do LIT. Fonte: CoinGecko

Independentemente do status de insider do trader, a PEPE teve um aumento meteórico. Os dados do CoinGecko indicam que a altcoin atingiu um novo recorde histórico de US$ 0,00001151 hoje, marcando seu segundo recorde nesta semana. Com uma capitalização de mercado de US$ 4,68 bilhões, o ativo agora ocupa o terceiro lugar entre as moedas meme, atrás apenas da Dogecoin (DOGE) e da Shiba Inu (SHIB).

O sucesso recente da PEPE pode ser atribuído ao interesse renovado em ativos meme após o retorno de Keith Gill, também conhecido como “The Roaring Kitty”. Gill, famoso por seu papel no frenesi das ações da GameStop, ressurgiu recentemente nas mídias sociais, provocando uma onda de especulação e investimento em memecoins.

O BeInCrypto informou que o retorno de Gill gerou ganhos significativos em moedas como Roaring Kitty (KITTY) e GameStop (GME), com o preço do GME subindo 3.814% esta semana.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados