TerraUSD (UST): Vítimas compartilham histórias do colapso da stablecoin

29 setembro 2022, 14:00 -03
29 setembro 2022, 14:00 -03
EM RESUMO
  • Investidores cujas vidas foram arruinadas pelo colapso da TerraUSD contaram suas experiências.
  • Alguns podem ter sido precipitados com seus financiamentos, outros usaram as economias acumuladas ao longo de muitos anos.
  • A maioria relatou um aumento de estresse desde o incidente.
  • promo

O colapso do TerraUSD (UST) no início de 2022 arruinou a vida de muitos investidores e vários deles começaram a contar suas histórias.

No início de 2022, a stablecoin algorítmica TerraUSD perdeu seu pareamento com o dólar, o que logo em seguida levou ao colapso dela, do protocolo Anchor e da criptomoeda LUNA.

  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Aqueles que perderam quase a todos os seus investimentos variam de um recém-formado a um aposentado de 69 anos. A maioria, no entanto, eram homens na faixa dos 30 anos, muitas vezes casados ​​e com filhos pequenos.

/Artigos relacionados

Mais artigos

Paciente com câncer perdeu US $ 50.000

Algumas vítimas trabalharam durante anos para poupar para o dinheiro que investiram, incluindo um pensionista.

“Eu trabalhei cerca de 20 anos fazendo um trabalho de 80 horas por semana, o que levou a muitos sacrifícios, responsabilidade e estresse”.

Enquanto isso, outros desperdiçaram involuntariamente suas heranças: “Meu avô e minha avó faleceram em um curto espaço de tempo. Eles me deixaram US$ 50.000, que meu pai transferiu em incrementos”, disse uma vítima. “O presente do meu avô, quase concluído, [sic] se foi”.

Outros até se endividaram para financiar seus investimentos. “Eu finalmente paguei minha casa depois de anos e anos de trabalho duro, então apenas refinanciei a casa para obter esse empréstimo para colocar em UST e Anchor porque foi comercializado como uma stablecoin”.

Além do refinanciador, outros podem ter agido de forma um tanto precipitada em termos de financiamento de seus investimentos. Uma vítima, supostamente um “paciente com tumor maligno avançado”, que perdeu o emprego devido à sua condição, recebeu US$ 50.000 em seguro, que ele prontamente colocou no protocolo Anchor e nas economias da UST.

Até os prudentes foram pegos

No entanto, o incidente também afetou vários outros, que teriam sido financeiramente prudentes durante toda a vida até este ponto.

Por exemplo, um casal australiano, que trabalhava há anos para investir em uma casa, foi vitimado. Segundo o marido:

“O marketing me fez acreditar que era seguro e sem riscos e, como alguém, fui seduzido pelos 20% de juros.”

De fato, muitos relataram se sentir confiantes sobre as perspectivas do investimento, devido ao robusto financiamento e apoio que o projeto recebeu de empresas como “renomadas empresas de capital de risco, como Pantera, Polychain Capital, Delphi Digital, Binance e Coinbase”.

Pensionista contempla suicídio por perdas do TerraUSD

Ao saber da perda do pareamento, muitas pessoas consideraram sacar seu dinheiro, o que provavelmente levaria a perdas substancialmente menores. No entanto, um tuíte de Do Kwon, CEO da Terra, que tranquilizava os investidores sobre as reservas da stablecoin, convenceu muitos deles anão mexer no dinhieoro, apesar de a declaração ser falsa.

Quase todos relataram um estresse intenso, tanto pessoal quanto entre familiares, desde o colapso da stablecoin e se estão desanimados com a perspectiva de continuar.

“Meus últimos 20 anos de trabalho duro foram apenas um desperdício”, lamentou o investidor de 69 anos.

“A dor queima meu coração, o suicídio já passou pela minha cabeça”.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.