Ver mais

Suas chaves, seu controle: Por que a auto custódia é importante

5 mins
Por Bary Rahma
Traduzido Bruna Brambatti

A segurança dos investimentos em criptomoedas está cada vez mais voltada para a auto custódia. Essa tendência se tornou mais pronunciada na esteira do fracasso de várias exchanges de criptomoedas e milhões perdidos em hacks cripto.

A mudança para a auto custódia representa um movimento significativo em direção a uma maior autonomia financeira e segurança no setor.

Nem suas chaves, nem suas criptos

A auto custódia é quando você gerencia suas criptomoedas sozinho. Isso significa não depender de serviços de terceiros para segurança. Em um cenário em que até mesmo as plataformas aparentemente mais seguras podem ser comprometidas, manter ativos em carteiras pessoais em que se controla as chaves privadas pode reduzir significativamente o risco de perda.

Em 2023, o setor de criptomoedas estava repleto de violações de segurança, que coletivamente resultaram em perdas na casa das centenas de milhões. Esses incidentes ocorreram em diferentes tipos de plataformas. Isso inclui desde sistemas de finanças descentralizadas, conhecidos como DeFi, até carteiras digitais e outros serviços.

Um dos eventos mais notáveis envolveu a Atomic Wallet, que sofreu uma violação de US$ 100 milhões que afetou mais de 5.500 usuários. Esse incidente foi particularmente significativo devido a seus vínculos com o grupo norte-coreano de crimes cibernéticos Lazarus Group.

Outras plataformas, como CoinEX e Stake.com, enfrentaram ataques semelhantes, perdendo milhões em tokens, destacando a necessidade urgente de avaliações de segurança rigorosas.

“Nos últimos 104 dias, o Lazarus já foi identificado como responsável pelo roubo de quase US$ 240 milhões em criptoativos. A análise da Elliptic confirma que alguns dos fundos roubados da CoinEx foram enviados para um endereço que foi usado pelo Grupo Lazarus para lavar fundos roubados da Stake.com, embora em uma blockchain diferente”, confirmaram analistas da Elliptic Research.

Suas chaves, seu controle: Por que a auto custódia é importante
Transações de criptomoedas do Lazarus Group. Fonte: Elliptic

A escala dos ataques recentes variou, afetando grandes e pequenos participantes do setor. Por exemplo, a Mixin Network relatou uma perda impressionante de US$ 200 milhões em um hack que teve como alvo o banco de dados do provedor de serviços em nuvem da plataforma.

Enquanto isso, a perda de US$ 4 milhões da Trust Wallet foi causada por um sofisticado ataque de engenharia social que redirecionou fundos para uma carteira que exigia apenas uma única assinatura, utilizando documentos KYC (Conheça Seu cliente) falsificados.

Leia mais: Investir em dólar – como proteger seu patrimônio com criptomoedas

Essa variedade de ataques demonstra as diversas maneiras pelas quais as plataformas de criptomoedas podem ser vulneráveis. Portanto, destacando a importância crucial da autocustódia no setor de criptomoedas.

“A auto custódia dá aos [investidores] controle direto sobre seus ativos de criptomoedas e inclui o gerenciamento de suas chaves privadas. Ao interagir diretamente com as redes de blockchain, os investidores podem reduzir o risco de interferência de terceiros e de acesso não autorizado. Isso permite que [os investidores] criem seus próprios processos de segurança e usem soluções de armazenamento frias para aumentar a segurança”, explicou a MetaMask.

Entendendo a mudança para a auto custódia de criptomoedas

De fato, a auto custódia de criptomoedas está surgindo como uma etapa necessária para garantir a soberania financeira. Esse conceito, enraizado na filosofia central do Bitcoin, trata da eliminação da dependência de terceiros para o gerenciamento de criptomoedas.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

Anibal Garrido, Diretor Geral da BTC Techno, enfatizou esse ponto, observando que a auto custódia não é apenas uma posição ideológica, mas uma necessidade prática para proteger os ativos digitais.

“A auto custódia não é uma filosofia ou mesmo uma obrigação para um usuário, é simplesmente uma necessidade que garante e protege seus ativos digitais daqueles que só querem se beneficiar em vez de você”, disse Garrido à BeInCrypto.

Desenvolvimentos recentes reforçaram significativamente o caso da auto custódia. Por exemplo, a Block, de Jack Dorsey, lançou recentemente a carteira Bitkey. Trata-se de uma solução de auto custódia projetada para oferecer uma maneira mais fácil e segura para as pessoas em todo o mundo gerenciarem seu Bitcoin.

Além disso, a nova carteira de auto custódia da Uphold, a Vault, é mais um passo em direção à segurança aprimorada no gerenciamento de ativos digitais. Essas inovações fazem parte de uma tendência maior que é evidente até mesmo por meio de dados on-chain.

Leia mais: Onde comprar Bitcoin com segurança

A empresa de análise de blockchain Santiment detectou recentemente uma mudança de comportamento entre as baleias da Ethereum. Esses grandes players estão cada vez mais transferindo seus fundos das exchnages de criptomoedas para carteiras com custódia própria, destacando uma preferência mais ampla por esse modelo de gerenciamento de ativos.

“As maiores carteiras de Ethereum continuam formando um padrão encorajador, com as carteiras de exchanges agora reduzidas a mínimas de 6 meses e as carteiras fora das exchanges subindo para uma máxima histórica. Cada vez mais moedas continuam migrando para a custódia própria”, disse a Santiment.

O papel crucial da educação

A adoção da auto custódia tem seus desafios, principalmente em relação à compreensão e à responsabilidade que ela implica. Garrido destacou que a auto custódia é a maneira “correta e adequada” de evitar a perda de criptomoedas. No entanto, com grande poder vem grande responsabilidade.

“É sua única responsabilidade proteger suas chaves privadas. Mas você deve estar ciente de que não existe uma linha telefônica 1-800-BITCOIN para a qual você possa ligar caso administre mal suas chaves privadas”, acrescentou Garrido.

É essencial que o indivíduo compreenda a auto custódia de criptomoedas e sua miríade de detalhes. Sem essa compreensão, eles podem se ver envolvidos em uma luta inicialmente impossível de ser vencida. De fato, é o conhecimento que o capacita e oferece segurança e paz no mercado de criptomoedas.

Leia mais: Cuidado com golpes em carteiras frias de criptomoedas, diz trader.

Garrido destacou que a educação é fundamental para entender e adotar a auto custódia. Para falantes de espanhol, ele recomendou recursos como “Estudio Bitcoin” e “Dinero Sin Reglas“. Enquanto isso, o canal de Andreas Antonopoulos no YouTube e o Casa Blog de Jameson Lopp são suas principais escolhas para falantes de inglês.

Essas plataformas, assim como a BeInCrypto Aprender, fornecem informações valiosas sobre o gerenciamento seguro de ativos digitais. Ainda assim, uma segurança robusta exige esforço e educação.

“Pensar que a auto custódia é um passeio no parque é um erro grave. Considere o seguinte: Quão segura é sua casa contra ladrões? Uma fechadura será suficiente? Janelas sem barras de ferro farão com que você se sinta seguro? E esses dois exemplos simples são fáceis de implementar? A resposta é não. Como usuários, nossa segurança não precisa depender de terceiros, ela precisa vir de nós mesmos, mas se isso significar mais preparação e mais educação”, concluiu Garrido.

Garrido acredita firmemente que, ao olhar para o futuro, interfaces mais fáceis de usar e uma compreensão mais profunda do dinheiro sólido podem ser essenciais para a adoção em massa. Contudo, ele ressalta que não se deve contar com a intervenção dos órgãos reguladores para impulsionar essa tendência. Segundo ele, “os regulamentos são projetados para controlar, não para proteger”. Portanto, até que a sociedade não seja mais governada por partidos de poder, a educação deve ser priorizada.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

BR-FEED-INSTA-8.png
Bruna Brambatti
Entusiasta no mundo das criptomoedas e blockchain desde 2017, Bruna envolve-se ativamente em projetos Web3, incluindo DeFi como o projeto Metapoly org, NFTs e cybersegurança. Formada pela UFSM, possui uma genuína paixão pela complexidade e pelo impacto das tecnologias Web3, ela busca continuamente formas de integrar esses avanços inovadores à vida prática.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados