Ver mais

Stellar (XLM) lança novo recurso para competir com a Ripple

2 mins
Por David Thomas
Traduzido Anderson Mendes

A Fundação Stellar implantou seus primeiros contratos inteligentes. Com isso, a rede pode formar a base de serviços descentralizados capazes de rivalizar com a Ripple.

Na última terça-feira (20), a Fundação Stellar confirmou que lançou a Fase 0 de seu Protocolo Stellar 20 para expandir a funcionalidade de sua rede.

Como os contratos inteligentes serão implementados

A Fase 0 do Protocolo Stellar 20 dará aos desenvolvedores a rodada inicial de ferramentas para começar a construir na rede. Ela também permitirá que os validadores expandam suas capacidades de transação. Posteriormente, o projeto passará para a Fase 1 à medida que a capacidade de validação aumentar.

Depois disso, os desenvolvedores transferirão alguns aplicativos para a rede principal. Em seguida, a comunidade fará testes de estresse e avaliará a rede antes de lançar aplicativos descentralizados para todos. Denelle Dixon, CEO da Stellar Development Foundation, disse que o lançamento do Protocolo Stellar 20 é uma prova do trabalho árduo dos desenvolvedores.

“O Protocolo 20 está oficialmente ativo. Os contratos inteligentes na Stellar estão aqui! Transações simplificadas, casos de uso expandidos, segurança reforçada e muito mais – é um divisor de águas para a rede, e tudo isso graças ao coração e à agitação de todo esse ecossistema”. disse Dixon.

A rede foi co-fundada em 2014 pelo cofundador da Ripple, Jed McCaleb. Na Stellar, os usuários podem trocar moedas pela rede sem a necessidade de terceiros.

Os novos contratos inteligentes capacitarão as economias em desenvolvimento com serviços financeiros peer-to-peer. Ele foi originalmente projetado para digitalizar qualquer moeda, mas não para substituí-la completamente.

A Ripple Labs oferece funções semelhantes, mas tem como alvo as instituições. A empresa apresentou a XRP como uma moeda neutra para pagamentos internacionais em um whitepaper de 2021.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

XLM prestes a subir?

A demanda pelo token XLM pode aumentar se os contratos inteligentes atraírem uma nova demanda. A Stellar Foundation exige que um usuário da rede detenha pelo menos um de seus tokens XLM para participar do ecossistema.

Os usuários não são incentivados a manter o token, pois a rede não oferece nativamente recompensas de staking de criptomoedas. A Ultra Stellar, uma plataforma de rendimento de terceiros, permite que os usuários troquem tokens XLM por derivativos com rendimento.

No entanto, o preço da XLM pode aumentar, dado o objetivo do Protocolo 20, que é expandir as capacidades de processamento de transações dos validadores. Embora uma transação possa custar 0,00001 XLM, esse valor pode aumentar quando o volume de transações subir. Juntamente com o aumento de usuários, o token pode gerar retornos significativos.

Em relação a movimentação de preços, a área de US$ 0,1100 pode ser crucial para o futuro da XLM. Um salto nessa área de suporte pode causar uma valorização para US$ 0,161, enquanto um colapso poderia fazer com que o preço caísse para US$ 0,078. Atualmente, a criptomoeda é negociada em US$ 0,1146.

O BeInCrypto entrou em contato com a Ripple Labs para comentar sobre o lançamento de contratos inteligentes na rede Stellar, mas não recebeu uma resposta até a publicação desta matéria.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados