Ver mais

Distrito e R3 oferecem maratona de blockchain

3 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Objetivo é encontrar soluções em Blockchain que entendam a dinâmica do mercado brasileiro.
  • Vencedores do desafio ganharão US$ 20 mil.
  • Desafio une tecnologia de ponta, criatividade e inovação.
  • promo

Startups já podem se inscrever para desafios de negócios com foco em Blockchain e inovação promovido pela Distrito e pela R3.

Empresas fecham parceria com companhia de tecnologia de soluções enterprise de blockchain e plataforma de inovação aberta para criar a primeira maratona de blockchain do Brasil .

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

No projeto, as empresas Mondelez e a Brasilseg trouxeram desafios reais de negócio para serem solucionados usando a plataforma Corda, tecnologia blockchain desenvolvida pela R3.

A ideia é criar oportunidades únicas para startups e profissionais de tecnologia mostrarem o poder do blockchain nos mercados e “se conectarem com players relevantes para ajudar a transformar o ecossistema de negócios brasileiro”.

O Corda Challenge Brasil também vai premiar os vencedores de cada desafio com US$ 20 mil (cerca de R$ 100 mil) e uma licença da plataforma Corda Enterprise válida por um ano. Os promotores do evento, inédito, estão em busca de soluções para seus negócios.

A Mondelez International busca mecanismos integrados de supply chain na cadeia de matérias-primas para a produção de chocolates. O Gerente de Inovação Aberta da Mondelez Brasil, André Bacellar, está empolgado com as possíveis soluções que serão apresentadas para aumentar a celeridade dos processos, integrar sistemas, otimizar custos, garantir a segurança da informação e solucionar obstáculos.

“Temos grandes expectativas para beneficiar todos os envolvidos na cadeia de produção e abastecimento de chocolates. Queremos encontrar meios de rastreabilidade dos insumos desde o plantio até o contato com o consumidor, com o objetivo de garantir a total visibilidade, controle da cadeia e identificar oportunidades de melhorias utilizando a tecnologia de Blockchain para oferecer o snack certo, no momento certo, e mais especificamente, feito da maneira certa, importante pilar da companhia”.

Já a Brasilseg traz dois desafios. O primeiro procura desenvolver um novo processo para contratos inteligentes e auto executáveis, que reduza custos e aumente a eficiência operacional – com pagamento do sinistro desburocratizado e rápido em até três horas.

“Para a Brasilseg, trabalhar na oferta de produtos e serviços que incentivem o cuidado com cliente e o meio ambiente é uma premissa de trabalho que, internamente, também inspira inovações relacionadas aos produtos e ao portfólio da companhia”, explica o presidente Rogério Idino.

O segundo desafio “busca startups que tenham soluções que visem explorar o potencial de automatização do processo de regulação de sinistro rural e análise de exceções garantindo a emissão de parecer técnico ao cliente e encerramento do sinistro em até um dia útil”.

“Queremos aproveitar o que há de melhor, independentemente da origem. A inovação surge a partir da interação de ideias, tecnologias, processos e pessoas, sem limitação de empresa, geografia ou segmento de mercado, motivo pelo qual estamos fortalecendo nossa atuação em inovação aberta. O Impulso Open e a participação no primeiro Corda Challenge do país são consequência desse posicionamento”, conclui Ullisses Assis, presidente da BB Seguros.

“A ideia por trás da realização da edição brasileira do Corda Challenge é buscar startups e empreendedores que entendam a dinâmica do mercado brasileiro e conectá-los com quem está na vanguarda de suas indústrias e buscando ativamente a inovação aberta alavancando novas tecnologias como blokchain, fomentando sempre a geração de novos negócios para todos os participantes”, pondera o diretor de alianças estratégicas da R3, Nayam Hanashiro.

Maratona blockchain já aceita inscrições

Podem participar do Corda Challenge startups de tecnologia com CNPJ vigente e vivência em blockchain. Também podem se inscrever times de três pessoas, porém nesta opção, será necessário criar um CNPJ antes do término da terceira e última fase do desafio.

Os participantes do Corda Challenge Brasil deverão concluir três fases com entregáveis diferentes em cada uma delas. Os times podem fazer suas entregas antes do checkpoint, mas a próxima fase só ficará disponível para as equipes ou startups aprovadas a partir da data indicada.

Os interessados em participar da na maratona blockchain podem se inscrever no site da competição.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

aline.jpg
Aline Fernandes
Aline Fernandes atua há 20 anos como jornalista. Especializada nas editorias de economia, agronegócio e internacional trabalha na BeINCrypto como editora do site brasileiro. Já passou por diversas redações e emissoras do país, incluindo canais setorizados como Globo News, Bloomberg News, Canal Rural, Canal do Boi, SBT, Record e Rádio Estadão/ESPM. Atuou também como correspondente internacional em Nova York e foi setorista de economia dentro do pregão da BM&F Bovespa, hoje B3 -...
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados