Ver mais

Satoshi Nakamoto desmascarado: a verdade estava diante dos nossos olhos?

3 mins
Por James Morales
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Hal Finney, uma figura central no movimento cypherpunk, é frequentemente especulado como o inventor do Bitcoin, Satoshi Nakamoto.
  • As contribuições de Finney para a história da criptografia incluem trabalhar no protocolo de criptografia Pretty Good Privacy e desenvolver o primeiro sistema reutilizável de prova de trabalho.
  • Apesar de sua morte em 2014, a influência de Finney persiste no mundo das criptomoedas; sua família conseguiu financiar seu tratamento médico usando Bitcoins que ele garantiu desde o início.
  • promo

A verdadeira identidade do inventor do Bitcoin, Satoshi Nakamoto, é um dos maiores debates do mundo cripto, e o nome de Hal Finney costuma aparecer como um dos principais candidatos.

Embora tenha negado as acusações antes de sua morte em 2014, Finney continua sendo apontado por muitos como a principal mente por trás da criação do Bitcoin.

Leia mais: As 10 criptomoedas para investir em janeiro de 2024

Quem é Hal Finney?

Hal Finney é a versão abreviada de Harold Thomas Finney II. Nascido na Califórnia em 1956, poucos detalhes são conhecidos sobre o início de sua vida. No entanto, ele é lembrado no campo da criptografia como um brilhante cientista da computação e cypherpunk comprometido.

Depois de se formar em engenharia pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia em 1979, Finney inicialmente embarcou na carreira de desenvolvedor de jogos. Nos anos 80, ele trabalhou em títulos como Adventures of Tron, Armor Ambush, Astrosmash e Space Attack. No entanto, de 1986 em diante, ele faria a transição para concentrar suas energias profissionais e pessoais na criptografia.

O interesse de Finney no assunto o levaria a trabalhar em estreita colaboração com Phil Zimmermann para desenvolver o protocolo de criptografia Pretty Good Privacy (PGP). E quando Zimmerman fundou a PGP inc. em 1996, Finney foi sua primeira contratação.

Ao longo dos anos noventa, o candidato a Satoshi Nakamoto tornou-se uma figura central no movimento cypherpunk. Ao lado de outros membros do grupo, ele defendeu o uso de tecnologias para aumentar a privacidade e combater a vigilância.

Os cypherpunks estavam discutindo vigilância online e privacidade de dados quando a consciência de tais tópicos era rara. E os participantes do movimento estavam entre os primeiros a explorar ferramentas que permitem que as pessoas atravessem o mundo digital anonimamente.

O papel de Finney na pesquisa de dinheiro digital pré-Bitcoin

Ao lado de seu amigo e colega criptógrafo Nick Szabo, Finney se interessou pelo conceito de dinheiro digital. Em 1998, Szabo propôs um projeto para um digital descentralizado chamado bit gold. Mais tarde, Finney desenvolveria o trabalho quando criou o primeiro sistema reutilizável de Proof-of-Work (PoW) em 2004.

Tanto o bit gold quanto a pesquisa de Finney sobre mecanismos PoW são frequentemente citados como precursores importantes para o desenvolvimento de criptomoedas. E ambos os homens foram associados ao nome Satoshi Nakamoto.

Curiosamente, Finney esteve envolvido na rede Bitcoin desde o seu início. E ele recebeu a primeira transação de BTC diretamente da carteira de Nakamoto em 2008.

Perto do fim de sua vida, ele foi diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica (ALS). A doença degenerativa acabaria levando à sua morte em 2014. Em um obituário, o New York Times relatou que a família de Finney conseguiu pagar pelo tratamento médico em seus últimos anos usando Bitcoins que ele garantiu nos primeiros dias da rede.

Comentários sobre Satoshi Nakamoto

Quando questionado por jornalistas, Finney sempre negou ser o inventor do Bitcoin. Em postagens no fórum BitcoinTalk em 2013, ele afirmou ter interagido apenas de forma online com Nakamoto e não tinha conhecimento de sua identidade real.

De acordo com essas postagens, o relacionamento de Finney com Nakamoto surgiu de um interesse compartilhado no conceito de uma moeda digital anônima. A partir disso, Finney se tornou o primeiro destinatário do Bitcoin. No entanto, além de ser beneficiário das primeiras transações, ele disse que teve pouco envolvimento com o projeto nascente nos primeiros dois anos.

O mistério da origem

Hoje, a verdadeira identidade de Satoshi Nakamoto permanece envolta em mistério. Mas a especulação continua a abundar à medida que o debate avança.

Por exemplo, no Reino Unido, o Dr. Craig Steven Wright está lutando contra um caso de direitos autorais para provar que ele é o autor do white paper do Bitcoin. No entanto, é improvável que ele prove sua afirmação. A menos que ele surpreenda o mundo e forneça evidências de que controla a chave PGP de Nakamoto.

Ao contrário de Wright, as contribuições de Finney para a história da criptografia são amplamente reconhecidas. Desde seu trabalho no PGP, que ajudou a manter o anonimato durante os anos cruciais de formação da comunidade Bitcoin, até sua invenção do mecanismo PoW que inspiraria o Ethereum anos depois, Finney desempenhou um papel crítico ao inaugurar a revolução criptográfica.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Formado em Administração de Empresas pela Universidade Positivo, Anderson atua como redator para o BeInCrypto há 2 anos. Escreve sobre as principais notícias do mercado de criptomoedas e economia em geral. Antes de entrar para a equipe brasileira do site, participou de projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto em sua cidade natal, Curitiba.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados