Ver mais

Sam Bankman-Fried de olho nos ativos da Celsius após CEO deixar o cargo

2 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Alex Mashinsky renunciou o cargo de CEO da Celsius Network, alegando ter se tornado uma distração para a empresa.
  • Empresário tem sido fortemente acusado e criticado desde que a empresa declarou falência.
  • Sam Bankman-Fried estaria considerando fazer uma oferta pelos ativos da Celsius.
  • promo

Alex Mashinsky renunciou o cargo de CEO da Celsius Network, alegando ter se tornado uma distração no processo de recuperação judicial do credor de criptomoedas.

O líder do protocolo de empréstimos cripto, que declarou falência em julho deste ano após passar por uma crise de liquidez, apresentou uma carta de renúncia ao conselho administrativo da empresa nesta terça-feira (27).

O empresário tem sido um dos mais criticados desde que a Celsius suspendeu o saque de seus usuários em junho. Fontes disseram que ele foi o responsável pelas negociações que causaram a falecia do protocolo, contrariando sua equipe de traders profissionais. Em ação movida pelos clientes da empresa, que até hoje estão impossibilitados de acessar os seus fundos, Mashinsky é descrito como alguém que faz “promessas vazias e falsas”.

No comunicado, o agora ex-CEO destaca ter trabalhado “incansavelmente para ajudar a empresa e seus consultores a apresentarem um plano viável para devolver as moedas aos credores da maneira mais justa e eficiente”. Apesar de dizer que está comprometido em dar seguimento a este plano, ele comenta que sua atuação como CEO “tornou-se uma distração cada vez maior” para que a Celsius consiga dar a volta por cima.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

CEO da FTX entra em ação

Citando uma fonte “familiarizada com seus negócios”, a Bloomberg anunciou que Sam Bankman-Fried está considerando fazer uma proposta pelos ativos da Celsius. Porém, não está claro se o empresário realizará essa oferta via FTX ou Alameda Research, as duas grandes empresas que comanda, ou de forma pessoal.

Vale ressaltar que SBF é considerado um dos homens mais ricos de todo o mercado cripto, tendo usado parte do seu patrimônio para se tornar um dos maiores acionistas do Robinhood. Todavia, uma aquisição via FTX parece ser o caminho mais indicado. A exchange venceu a Binance no leilão pelos ativos da Voyager Digital, outra empresa cripto que declarou falência recentemente.

No início deste mês, Bankman-Fried comentou que além dos valores destinados para essa aquisição, a FTX ainda teria pelo menos US$ 1 bilhão para realizar novas ofertas. Apresentando resultados surpreendentes durante o inverno cripto atual, a exchange tem usado essa estratégia para continuar crescendo e expandir a sua influência no mercado.

No entanto, talvez nem SBF seja capaz de solucionar os problemas da Celsius. A empresa deve cerca de US$ 2 bilhões aos seus credores, segundo relatório recente. Além disso, as autoridades de Vermont acusaram o protocolo de estar secretamente insolvente desde 2019, afirmando que seu antigo CEO fez declarações falsas e enganosas para ocultar os problemas financeiros da empresa.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados