Ver mais

Rio Cripto Day proporciona imersão educacional sobre criptomoedas, lançamentos e networking 

5 mins
Atualizado por Chris Goldenbaum

O BeInCrypto convidou a podcaster e influencer BrinaWeb3 (Sabrina Olivo) para participar do evento e compartilhar suas impressões. O evento reuniu grandes nomes do mercado de criptomoedas e entusiastas das tecnologias de blockchain

No último sábado, 7 de maio, ocorreu no Rio de Janeiro o evento Rio Cripto Day (RCD). Um dia de imersão sobre criptomoedas e lançamentos de novos projetos na Web3. O evento contou com a presença de diversos entusiastas que foram fazer networking e aprender com os maiores especialistas do país no Teatro Multiplan, localizado no shopping Village Mall, na Barra da Tijuca.

A terceira edição do Rio Cripto Day, liderado por Márcio Costa, contou com 22 palestrantes que foram, das mais variadas vertentes dentro do universo da Web3. “A curadoria organizou a transmissão do evento como uma linha do tempo, onde cada palestra deixou uma porta aberta para a palestra seguinte, assim organizamos todos os pontos de interrogação dos entusiastas que queriam aprender mais e, ao mesmo tempo, reciclamos os mais experientes.”, disse Márcio. 

Leia mais: 5 criptomoedas para ficar de olho em junho

Especialistas comentaram sobre as discussões econômicas e a relação com criptomoedas

Fernando Ulrich era um dos nomes mais aguardados do evento. Tido como um dos principais especialistas em finanças do país, Ulrich já foi responsável pela área de pesquisa em criptomoedas e blockchain da XP e hoje é Head de Educação da Liberta Investimentos. O especialista participou de uma conversa de 1h30 sobre a Hiperbitcoinização – um dos assuntos mais comentados no mercado cripto atualmente.

Ao BeInCrypto, ele comentou sobre a discussão da inflação, que perdura na economia mundial atualmente.

“Estamos em um sistema econômico inflacionário porque os governos se beneficiam e temos economistas que apoiam e se alimentam desse regime, então é difícil sairmos agora dessa espiral inflacionária em que vivemos há pelo menos um século.” 

Felippe Percigo, um dos investidores de criptomoedas mais bem sucedidos do país, subiu ao palco do evento pela segunda vez. Percigo abordou os fundamentos do Bitcoin durante sua apresentação. 

Em conversa com o BeInCrypto, ele contou como ficou positivamente surpreso com o nível de conhecimento do público presente no evento.

“Percebi aqui que as pessoas estão com um nível de consciência alto. Diferente do primeiro RCD que participei. No primeiro em que estive, eu perguntei: quem tem uma Hard Wallet? Praticamente ninguém levantou a mão. Hoje, quase 80% levantaram. Então percebi que mesmo no mercado de baixa, tivemos um público mais consciente participando do evento esse ano.”, disse o investidor. 

O clima de animação com o mercado de criptomoedas e com o público não era uma exceção.Outro que se mostrou entusiasmado com o futuro das tecnologias de descentralização foi Orlando Telles, ex-sócio e cofundador da Mercurius Cripto. Focado em outros projetos desde que deixou a Mercurius há 5 meses, Telles foi recebido no palco com o público ovacionando o seu nome. Esse foi o primeiro evento grande da comunidade cripto em que ele palestrou após seu hiato iniciado em dezembro. Ao BeInCrypto ele declarou:

“Hoje eu acredito genuinamente que um dos grandes propósitos da minha vida é ensinar para as pessoas o porquê cripto é uma revolução que vai mudar a história da nossa geração e como elas podem aproveitar essa oportunidade. Esse foi um momento muito importante da minha carreira e foi muito emocionante voltar ao ecossistema de cripto. Essa atmosfera de comunidade é surreal!”.

Sabrina Olivo e Felippe Percigo

Observações sobre contexto sócio-econômico foram surpresa positiva 

As palestras surpreenderam os entusiastas que estavam com a expectativa de aprender apenas conteúdos técnicos sobre criptomoedas. Muitos não esperavam entender sobre o ecossistema sócio-econômico e tecnológico em que as moedas digitais estão inseridas.

Como é o caso da bibliotecária hospitalar, Luciana Assunção, de 36 anos. Ela participou pela segunda vez do evento e disse perceber uma diferença grande em relação ao ano passado. Para Luciana, as palestras foram com temas mais variados e com assuntos que ela nunca pensou. Como por exemplo, a palestra sobre tokenização imobiliária com o Daniel Carius, e a ‘Creator Economy e Web3’, com o Casta Cripto.  

Weverton Guedes, corretor de imóveis rurais de 41 anos, veio de Mato Grosso especialmente para conhecer Fernando Ulrich e aprender mais sobre as Análises Gráficas, com a Iara Thamires. Ele também estava interessado sobre Mercado Futuro e Opções, com Andreza Alexandre e João Paulo. Guedes também aproveitou para fazer networking para conseguir migrar de carreira e começar a trabalhar na área de criptomoedas e blockchain.

Evento também contou com lançamentos

Além da imersão educacional para os entusiastas das criptomoedas, o evento foi escolhido pelos empreendedores cripto nativos para ser o palco de alguns lançamentos importantes. 

Rodrigo Batista, ex-CEO e fundador da corretora Mercado Bitcoin, fez o pré-lançamento do token da sua atual empresa, Digitra. Ele disse estar empolgado para os próximos eventos do mercado neste ano.

Larissa Barros, criadora da Agenda Crypto – referência em atualização de eventos criptos brasileiros para os cripto nativos – escolheu o RCD para expor pela primeira vez a sua empresa para entusiastas criptos. A Agenda Crypto também é co-host em Twitter Spaces com o BeInCrypto.

E não faltou humor. O influenciador Joey Ponzi apresentou o novo CFO da sua empresa, Derick Nina. Nina estava fantasiado de faraó (do Bitcoin!) na palestra de abertura do evento. Com um toque de comédia, a dupla, junto com Douglas Miranda e Darbi Menin, deram dicas para as pessoas não caírem em golpes financeiros.

O evento contou também com os irmãos gêmeos, César e Claudio Santini, criadores da grande coleção SatoshiNation, expondo as novas obras da sua empresa, The Spray Factory. 

A artista e empresária Lilli Kessler, escolheu um evento cripto para fazer o pré-lançamento da sua marca de roupas figital (peças para serem usadas no mundo físico e em ambientes digitais). Lili já expôs as suas roupas em feiras de moda internacionais como o Première Classe em Paris.

Rafael Granha, um dos idealizadores do Rio Cripto Day, veio dos Estados Unidos, especialmente para participar do evento. Em sua apresentação, abordou o tema da cibersegurança.

E entre uma e outra palestra a educadora cripto, Iara Thamires, além de palestrar no evento, foi aos palcos para ser a mestre de cerimônia pela primeira vez e trouxe mais leveza e descompressão para os temas complexos da imersão. Próximo ao final, o evento teve ainda um ar mais de entretenimento, com a performance da Roda Cyr, feita por Juliano Alvarenga. 

De acordo com o fundador do RCD, Márcio Costa, a próxima edição será em Porto Alegre no dia 01/07/2023. No ano que vem, ele planeja fazer – em português – a primeira edição em Miami, EUA.

O Rio Cripto Day foi palco de entretenimento, educação, transição de carreira, lançamentos de projetos e geração de novos negócios no ecossistema de cripto ativos brasileiros. Certamente um dia dedicado à cripto que vai durar muito mais que 24h.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

IMG_8358-1.jpg
Sabrina Olivo
Com 6 anos de experiência no mercado de tecnologia, já trabalhou na Venture Capital Monashees e na Ethereum Brasil. É também criadora e apresentadora do podcast CrypTalk, onde entrevista em português e inglês, algumas das personalidades mais influentes do mercado cripto. Além disso, venceu 4 hackathons de blockchain, brasileiro e holândes, no último ano.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados