Ver mais

Quando o Bitcoin (BTC) irá atingir um fundo de preço?

3 mins
Por Valdrin Tahiri
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Bitcoin rompeu uma linha de tendência de baixa de longo prazo.
  • RSI semanal gerou uma divergência de alta.
  • Há uma resistência crucial em US$ 18.500.
  • promo

O preço do Bitcoin (BTC) está negociado abaixo de uma confluência crítica de resistências em US$ 18.500. Ele precisa ultrapassar esse nível para que a previsão de preço para janeiro e a tendência de longo prazo sejam consideradas de alta.

O preço do BTC caiu abaixo de uma linha de tendência de baixa após atingir sua máxima histórica de US$ 69.000 em novembro de 2021. O movimento formou um fundo de US$ 15.632 em novembro do ano seguinte.

No entanto, o ativo rompeu essa linha em outubro de 2022 e a validou como suporte no mês seguinte (ícone verde). Essa ação de preço é padrão durante os rompimentos e pode levar à retomada do movimento de alta. No entanto, a falha em iniciar um novo salto pode catalisar uma queda para US$ 11.800.

As leituras da análise técnica do RSI semanal apoiam a continuação do movimento de alta. O indicador gerou uma divergência de alta (linha verde), cuja linha de tendência ainda está intacta.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Além disso, o RSI está em processo de rompimento de sua linha de divergência de baixa que está em vigor há 721 dias. Outro fechamento semanal de alta seria necessário para que o rompimento fosse confirmado.

Como resultado, a ação de preço do tempo gráfico semanal e as leituras dos indicadores técnicos apoiam o início de um novo movimento de alta. Se ocorrer, a área de resistência mais próxima estaria a um preço médio de US$ 24.500, enquanto a resistência de Fibonacci mais próxima estaria em US$ 35.800.

Por outro lado, uma queda abaixo da mínima de 22 de novembro em US$ 15.632 invalidaria essa análise de preço e provavelmente levaria o BTC a uma queda para US$ 11.000.

Gráfico do BTC no TradingView

Previsão de preço do Bitcoin para janeiro

Enquanto as leituras do gráfico semanal de longo prazo são otimistas, as do período diário são menos decisivas. A principal razão para isso é que o preço do BTC está negociado abaixo da área de resistência de US$ 18.500.

A área atuou como suporte entre junho e novembro de 2022 e depois virou resistência em dezembro (ícone vermelho). A tendência é considerada de baixa até que o preço ultrapasse essa área. O fato de a área poder coincidir com uma linha de tendência de baixa aumenta ainda mais sua importância.

Como resultado, o BTC precisa ultrapassar essa confluência de níveis de resistência para que a ação do preço seja considerada de alta.

Gráfico do BTC no TradingView

No entanto, o gráfico de seis horas de curto prazo indica que uma queda inicial é esperada antes que o preço do BTC acabe subindo. A principal razão para isso é que o movimento de queda de 14 de dezembro parece impulsivo. Portanto, é possivelmente a onda A de uma estrutura corretiva A-B-C.

Atualmente, o preço do Bitcoin está no nível de retração de 0,618 de Fibonacci em US$ 17.260. Se rejeitado deste nível, pode cair e completar a onda C. Por outro lado, um movimento decisivo acima desse nível indicaria que a correção está completa e que um rompimento é esperado.

Gráfico do BTC no TradingView

Para concluir, as leituras semanais do Bitcoin são otimistas, as diárias são indecisas, enquanto as de curto prazo são pessimistas. Do jeito que está, a previsão de preço mais provável é o início de uma alta de alívio de longo prazo. Cair abaixo da mínima de US$ 15.380 em 2022 invalidaria essa hipótese otimista.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados