Ver mais

Problemas no metaverso: 99% dos investidores P2E estão no prejuízo

4 mins
Por Ibrahim Ajibade
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • A capitalização acumulada dos quatro grandes projetos de metaverso: The Sandbox, Axie Infinity, Enjin Coin e Decentraland, diminuiu 92% em relação ao topo de US$ 16 bilhões em novembro de 2021.
  • Apesar do lançamento do Vision Pro da Apple e de Mark Zuckerberg dobrar seu otimismo na indústria, o setor não conseguiu sustentar uma nova alta.
  • O recente processo da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) parece ter agravado os problemas do setor.
  • promo

Durante o auge do último ciclo de alta do mercado em novembro de 2021, a capitalização dos “quatro grandes” projetos de metaverso atingiu o topo de US$ 16 bilhões. A análise on-chain explora os fatores críticos que levaram 98% dos detentores destes tokens a estar no prejuízo em 2023.

No topo do mercado em novembro de 2021, termos como metaverso, GameFi e Play-to-Earn (P2E) dominaram a indústria cripto. Quase dois anos depois, a maioria dos investidores que aderiram ao hype agora estão no vermelho.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

Capitalização dos “quatro grandes” tokens de metaverso caiu 92%

Durante o boom do mercado em 2021, The Sandbox (SAND), Axie Infinity (AXS), Enjin Coin (ENJ) e Decentraland (MANA) foram indiscutivelmente os quatro grandes projetos que dominaram os setores de metaverso e GameFi.

Notadamente, a capitalização acumulada destes quatro tokens totalizou US$ 16 bilhões no pico de novembro de 2021. Na época, esses tokens representavam 0,5% do valor de mercado global de criptomoedas, de US$ 3 trilhões.

No entanto, quando o inverno cripto começou, os projetos atraíram críticas generalizadas, desde segurança até privacidade, governança comunitária e falta de incentivos aos detentores de longo prazo.

Consequentemente, neste mês, SAND, AXS, ENJ e MANA valem agora coletivamente apenas US$ 1,23 bilhão. Isso representa uma queda impressionante de 92% em relação ao valor de mercado de US$ 16 bilhões registrado em novembro de 2021. Para colocar no contexto adequado, o domínio destes quatro tokens de metaverso caiu agora para 0,12% da capitalização total do mercado de criptomoedas.

Problemas no metaverso: 99% dos investidores P2E estão no prejuízo
Fonte: Santiment

A capitalização de mercado é uma métrica financeira que representa o valor total da oferta circulante de uma criptomoeda. Ela fornece uma estimativa do valor geral de um projeto em um momento específico. Ao resumir a capitalização dos quatro grandes projetos de metaverso, os investidores podem ter uma imagem clara da importância sistémica do setor na indústria cripto.

Metaverso tem gerado prejuízo aos investidores

O jogo pode ainda não ter acabado, mas aqueles que aderiram ao hype do metaverso em 2021 já estão contando suas perdas. Os dados históricos de entrada/saída de dinheiro (IOMAP) do IntoTheBlock estimam os níveis de déficit ou lucratividade de todos os endereços de carteira que possuem um token específico. É obtido comparando os preços atuais com o custo médio de aquisição desses ativos.

Os dados apresentados abaixo mostram que a esmagadora maioria dos atuais detentores de ENJ, MANA, AXS e SAND estão no vermelho. Dos quatro grandes projetos do metaverso, os detentores de Axie Infinity e The Sandbox estão se saindo pior.

Conhecido por sua economia de jogo antes turbulenta, o Axie Infinity é um jogo online baseado em NFT desenvolvido pelo estúdio vietnamita Sky Mavis. Os dados históricos do IntotheBlock mostram agora que 99,54% de todos os endereços que adquiriram AXS estão atualmente no prejuízo.

Problemas no metaverso: 99% dos investidores P2E estão no prejuízo
Fonte: IntoTheBlock

Em segundo lugar está o projeto Sandbox – um mundo virtual onde os jogadores podem construir, possuir e monetizar suas experiências de jogo. Impressionantes 98,34% daqueles que compraram o token SAND também estão agora no vermelho.

Enquanto isso, os investidores da Decentraland e da Enjin Coin também estão longe de serem lucrativos.

A Decentraland tornou-se popular por seu vibrante mercado virtual e centro comunitário, onde os usuários criam, compram e vendem imóveis digitais. No entanto, em 1º de setembro de 2023, 89,04% dos investidores detentores do token SAND também estavam no território negativo.

Problemas no metaverso: 99% dos investidores P2E estão no prejuízo
Fonte: IntoTheBlock

O último dos quatro, o ecossistema Enjin Coin, fornece software exclusivo para permitir que os desenvolvedores criem e gerenciem bens virtuais no Ethereum. Os detentores do token ENJ também sofreram um destino semelhante. 75,5% dos investidores também se encontram agora numa posição profundamente deficitária.

As chances de uma recuperação parecem estar diminuindo

Resumindo, a capitalização de mercado acumulada do ENJ, MANA, AXS e SAND caiu 92%, de US$ 16 bilhões para US$ 1,23 bilhão entre novembro de 2021 e setembro de 2023. Mas o mais alarmante é que isso mostra que o domínio dos tokens de metaverso na indústria de criptografia diminuiu em quase 76%.

O lançamento do Vision Pro da Apple e as declarações otimistas do CEO do Meta (Facebook), Mark Zuckerberg, desencadearam um leve ressurgimento no setor em julho. Mas agora, esse impulso parece ter perdido força rapidamente por várias razões.

Em primeiro lugar, as críticas em torno da segurança, da utilidade a longo prazo e da retenção de jogadores ainda persistem. Além disso, a Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) também agravou os problemas da indústria.

Em junho de 2023, a SEC abriu ações judiciais contra a Binance e a Coinbase. O regulador listou o The Sandbox, Axie Infinity e Decentraland como “títulos” nos registros. Na sequência, a SAND caiu aproximadamente 44%, AXS 33% e MANA 40%.

Concluindo, o sentimento social em torno do metaverso é agora esmagadoramente pessimista. Ainda assim, isto poderá atrair investidores estratégicos que pretendam comprar na queda na esperança de um futuro ressurgimento.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados