Ver mais

Venture Capital focada em web3 investe em protocolo descentralizado para opções

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

A viden.vc concluiu o investimento no Panoptic, protocolo descentralizado para negociação de opções.  A plataforma é a primeira venture capital do Brasil focada 100% no mercado Web3.

O protocolo de finanças descentralizadas oferece uma solução para o setor de opções que utiliza a liquidez da Uniswap. Além disso, ele elimina a necessidade de oráculos de preços e cria uma forma de obtenção de dados e precificação de valores.

A solução Panoptic

O líder da rodada foi o Greenfield Capital. Entre outros VCs que investiram, estão Coinbase Ventures e gumi Cryptos Capital.

No total, o Panoptic recebeu US$ 7 milhões de aporte nesta etapa inicial de investimentos. No ano passado, o protocolo já havia recebido US$ 4,5 milhões, em uma fase liderada pela gumi Crypto e que trazia players como a Uniswap Labs, Blizzard Ventures, Big Brain Holdings, Jane Street, entre outros.

De maneira geral, o Panoptic possibilita a transação de opções por meio dos pools de liquidez (LPs) da Uniswap. Ou seja, ele utiliza a liquidez gerada pelos usuários que desempenham o papel de market makers automatizados (AMM) na Uniswap. A própria Uniswap é uma das investidoras iniciais do projeto.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

O protocolo apresenta um mercado de opções perpétuas, sem prazo de validade, para qualquer criptoativo negociado na Uniswap. Isso viabiliza a negociação desses ativos como se estivessem no mercado futuro convencional.

O Panoptic terá acesso à liquidez de projetos externos, impulsionando exponencialmente o fluxo de seu protocolo. Conforme a empresa, isso se torna uma “vantagem competitiva significativa em relação aos concorrentes”, que dependem exclusivamente da liquidez gerada pelos usuários em suas próprias pools. Por essa razão, outros protocolos conseguem oferecer opções apenas para alguns ativos, como BTC, ETH e, em alguns casos, SOL.

“O Panoptic representa o que buscamos em um protocolo: ele possui uma tecnologia inovadora, está em um mercado com gap de soluções e alta assimetria, dialogando claramente com nossa tese de investimento no setor de infraestrutura e DeFi cripto”, explica o sócio e head de pesquisa e investimentos da viden.vc., João Kamradt.

“O protocolo vem sendo construído a pouco mais de um ano. Atualmente, estamos fazendo testes da versão Beta e em breve o acesso será liberado ao público”.

Nos últimos meses, o protocolo vem chamando atenção ao aparecer em relatórios de casas como Messari e Binance Research, que recomendam o mercado prestar atenção na aplicação. 

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

aline.jpg
Aline Fernandes
Aline Fernandes atua há 20 anos como jornalista. Especializada nas editorias de economia, agronegócio e internacional trabalha na BeINCrypto como editora do site brasileiro. Já passou por diversas redações e emissoras do país, incluindo canais setorizados como Globo News, Bloomberg News, Canal Rural, Canal do Boi, SBT, Record e Rádio Estadão/ESPM. Atuou também como correspondente internacional em Nova York e foi setorista de economia dentro do pregão da BM&F Bovespa, hoje B3 -...
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados