‘Preço está baixo, compre’, diz Ronaldinho sobre token que cai 50% em 15 dias

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Pelo Twitter, o ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho voltou a divulgar o Atari Token.

  • Preço do ativou chegou a cair 80% em relação a sua máxima história antes do primeiro anuncio do ex-atleta.

  • Token continuou a sofrer quedas desde então, chegando a desvalorização 50% nas últimas duas semanas.

  • promo

    Deposite 100€ e Negocie 100€, Nada Menos! Negocie CFDs de Cripto Com Zero Comissões na Libertex Negocie agora

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho voltou a promover o Atari Token (ATRI) em suas redes sociais.

Mesmo estando aposentado, Ronaldinho continua sendo uma das figuras mais midiáticas do futebol. Em mais de uma ocasião, o ex-jogador foi destaque na mídia por envolvimentos em negócios duvidosos relacionados ao mercado de criptomoedas.

No início de junho, ele passou a promover o novo token da empresa de consoles e jogos eletrônicos Atari, o ATRI. Em nova publicação feita nesta segunda-feira (28) em seu Twitter, Ronaldinho voltou a divulgar a criptomoeda, afirmando que existe uma boa oportunidade de compra pelo preço do ativo estar “baixo”:

“Atari Token é muito mais do que videogames. O preço está baixo – compre seus Atari Tokens AGORA !!! AtariChain.com. Estamos construindo o token que impulsionará o futuro da indústria de entretenimento interativo. Atari para a lua”

Movimentações de preço do token ATRI

O ATRI tem sofrido com grandes quedas desde que atingiu seu preço recorde US$ 0,78 no inicio de maio deste ano, após a Atari realizar lançamentos referentes ao seu projeto.

Durante a primeira divulgação de Ronaldinho sobre a criptomoeda, o ativo estava sendo negociado em aproximadamente US$ 0,13 – desvalorização de quase 80%.

No fechamento desta matéria, o ATRI possui cotação de US$ 0,07, tendo sofrido uma queda de aproximadamente 50% nos últmos 14 dias, segundo dados do CoinGecko.

Ronaldinho e as criptomoedas

Além das quedas recentes do token ATRI, chama a atenção o histórico de Ronaldinho Gaúcho em promover negócios suspeitos relacionados ao mercado cripto. Em 2019, ele se associou a 18k, empresa acusada de promover esquemas de pirâmide com moedas digitais. O próprio ex-atleta virou réu em ação milionária das vítimas da organização.

A celebridade ainda teve a sua imagem vinculada a Airbitclub. O esquema, que também foi acusado de operar milhões de dólares como pirâmide, teve o seu criador preso nos Estados Unidos no final de 2020. Além dos envolvimentos em negócios relacionados a criptomoedas, Ronaldinho chegou a ser preso no Paraguai por uso de documentos falsos.

A última notícia envolvendo a lenda do futebol foi divulgada na última sexta-feira (25). Segundo a imprensa mineira, Ronaldinho Gaúcho foi processado por não pagar pensão alimentícia à sua ex-companheira, após o término de um relacionamento de 6 anos no período em que o ex-craque jogou pelo Atlético Mineiro.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Anderson atua como redator para o BeInCrypto, escrevendo sobre as principais notícias sobre o criptomercado e economia em geral. Antes de entrar para a equipe brasileira do site, ele participou de projetos relacionados a trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados a criptomoedas. Formando em Administração, está cursando pós graduação em Investimentos e Blockchain pela EA Banking School.

SEGUIR O AUTOR

Negocie CFDs de Cripto com Zero Taxas de Comissão.      

Comece Hoje!

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install