Ver mais

Por que o mercado de criptomoedas está em alta hoje, 17/07/2023?

2 mins
Atualizado por Thiago Barboza

EM RESUMO

  • O TOTALCAP criou um longo pavio superior, mas ainda negocia acima do suporte horizontal.
  • O Bitcoin caiu drasticamente logo após atingir uma nova alta anual.
  • A 1Inch acelerou seu movimento de alta durante o fim de semana e atingiu uma nova máxima anual em 17 de julho.
  • promo

O preço do Bitcoin (BTC) e o valor total do mercado de criptomoedas (TOTALCAP) não conseguiram sustentar seus movimentos de alta e caíram no fim de semana. Enquanto isso a 1Inch Network (1INCH) atingiu uma nova máxima anual de preço.

Nas notícias, a Binance integrou com sucesso a Lighting Network, permitindo transações de Bitcoin mais rápidas e baratas.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

TOTALCAP sofre queda acentuada

O TOTALCAP suibu acentuadamente na semana passada, movendo-se acima da área de resistência de US$ 1,15 trilhão. No entanto, o movimento não pôde ser sustentado e o preço criou um longo pavio superior (ícone vermelho).

Apesar do pavio, o preço ainda é negociado acima da área horizontal de US$ 1,15 trilhão. Fechar acima dessa área ou cair abaixo dela pode determinar a tendência futura.

Por que o mercado de criptomoedas está em alta hoje, 17/07/2023?
Gráfico do TOTALCAP no TradingView

O TOTALCAP pode cair para o próximo suporte em US$ 1,05 trilhão em caso de quebra. No entanto, se o preço subir, pode ir para a próxima resistência em US$ 1,50 trilhão.

Bitcoin cria candle de baixa

Da mesma forma que o TOTALCAP, o BTC não conseguiu sustentar o movimento da semana passada. Em vez disso, o preço criou um pavio superior muito longo, considerado um sinal de pressão de venda. O pavio foi criado logo após o preço atingir uma nova máxima anual.

Atualmente, o BTC está negociado dentro da área horizontal de US$ 30.000. A reação a esta área provavelmente determinará a tendência futura.

Por que o mercado de criptomoedas está em alta hoje, 17/07/2023?
Gráfico do BTC no TradingView

Se o BTC cair abaixo dele, pode atingir o suporte mais próximo em US$ 27.000. No entanto, um movimento para US$ 35.000 será esperado se o preço saltar.

1INCH atinge nova máxima anual

A 1INCH aumentou significativamente a partir de 10 de junho. O movimento acelerou em 15 de julho e o preço saiu de uma linha de tendência de baixa no dia seguinte. Em 17 de julho, atingiu uma nova máxima anual de US$ 0,55 e quase atingiu a principal área de resistência em US$ 0,58.

Por que o mercado de criptomoedas está em alta hoje, 17/07/2023?
Gráfico da 1INCH no TradingView

Se romper esse nível, ele pode passar para a próxima resistência em US$ 0,80. No entanto, uma queda na linha de resistência em US$ 0,40 pode ocorrer.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados