Polygon compra protocolo de escalabilidade do Ethereum

EM RESUMO
  • Mir torna o zk-rollups ainda mais rápido do que antes.
  • Polygon se concentrará em dimensionar o Ethereum para um bilhão de usuários.
  • A MATIC caiu 6,7% no dia, perdendo parcialmente suas altas recentes.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

A Polygon (MATIC), agregador de camada 2 do Ethereum (ETH), continua sua expansão. Sua última aquisição é o protocolo Mir, que usa zk-rollups de próxima geração para dimensionar a rede do ETH.

Em anúncio feito na quinta-feira (9), a Polygon revelou que havia concordado em comprar o Protocolo Mir por US$ 400 milhões. O negócio envolve 190 milhões de seus tokens MATIC e US$ 100 milhões em stablecoin USD Coin (USD).

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

A Polygon afirmou que obteve acesso à tecnologia de escala de conhecimento zero (zk) mais rápida do mundo. A Mir criou uma maneira de acelerar as provas zk existentes usando provas recursivas que chamou de Plonky2.

Maior escalabilidade do Ethereum

Os rollups do ZK permitem que as transações sejam processadas mais rapidamente porque não processam todos os dados na cadeia raiz e podem empacotar, ou fazer rollup, as transações para serem processadas como uma.

De acordo com o cofundador da Polygon, Mihailo Bjelic, as melhorias da Mir são “ordens de magnitude mais rápidas do que qualquer outra coisa e são práticas de verificar no Ethereum.” Ele o rotulou como uma grande peça de engenharia:

“o Plonky2 pode gerar provas recursivas em incríveis 170 milissegundos em um laptop. Mais importante ainda, o Plonky2 é prático de usar no Ethereum, com provas de 45kb no modo de tamanho otimizado.”

Outro cofundador da Polygon, Sandeep Nailwal, comentou que a plataforma planeja se concentrar na criptografia zk como o “jogo final para o dimensionamento da blockchain”, antes de adicionar:

“Acreditamos que esta é a maneira de estabelecer a Polygon como a força líder e contribuinte no campo ZK e integrar o primeiro bilhão de usuários ao Ethereum.”

O Mir será integrado com seu novo nome, Polygon Zero. Ele se juntará à gama cada vez maior de soluções Polygon existentes, como a Polygon PoS, SDK, Avail, Nightfall, Hermez e Miden.

Em meados de agosto, a Polygon se fundiu com a plataforma de roll-up Hermez em um negócio de US$ 250 milhões. No mês seguinte, a rede multinacional de serviços profissionais EY a selecionou para implantar e dimensionar sua blockchain corporativa no Ethereum.

Em meados de novembro, a Polygon revelou o Miden, um rollup compatível com EVM baseado em STARK que teria a capacidade de escalar contratos inteligentes.

Movimentação de preço da MATIC

O negócio faz parte de um período de aquisição de três anos, durante o qual a equipe Mir poderá sacar os fundos gradualmente.

O token nativo da Polygon, que ainda é chamado de MATIC, acumula queda de 6,7% nas últimas 24 horas, de acordo com o CoinGecko. Atualmente com preço de US$ 2,18, o ativo tem tido um bom desempenho recentemente, com uma valorização de 14% na última quinzena.

O token está atualmente apenas 16,7% abaixo da sua máxima histórica de 18 de maio de US$ 2,62, dando-lhe uma capitalização de mercado de cerca de US$ 15 bilhões, que é semelhante ao do CRO, da Crypto.com.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.