Ver mais

MSI lança placas de vídeo específicas para mineração de criptomoedas

2 mins
Atualizado por Paulo Alves

EM RESUMO

  • MSI anunciou nesta terça-feira (11) dois novos modelos de placas de vídeo totalmente voltados para mineração de criptomoedas.
  • Mineradores tem causado grande escassez e aumento de preço em diversos disposítivos computacionais.
  • Iniciativa da MSI pode aliviar rivalidade entra mineradores e gamers.
  • promo

A MSI anunciou nesta terça-feira (11) dois novos modelos de placa de vídeo totalmente projetados para a mineração de criptomoedas, a CMP 30HX MINER e a CMP 30HX MINER XS.

A série CMP (Cryptocurrency Mining Processor) ganhou os seus primeiros modelos. Ambas as placas não contam com conexões para vídeo, visto que foram desenvolvidas exclusivamente para a indústria de mineração de criptomoedas, e não para computadores de uso doméstico.

Elas possuem o chip TU116-100 com 1408 núcleos CUDA e 6GB de memória VRAM, com velocidade de até 14 Gbps. Os dois modelos possuem a mesma aparência e operam com a mesma frequência da MSI GeForce GTX 1660 Ventus XS. Entretanto, a MINER possui um sistema de resfriamento mais robusto.

Os defletores das placas fornecem uma maior área de superfície, melhorando o direcionamento do ar e o seu resfriamento. Elas também possuem configuração que permite que apenas uma CPU consiga controlar um grande número de GPUs, facilitando assim as atividades dos mineradores.

As placas ainda possuem tamanhos pequenos em comparação com outras GPUs, o que facilita o uso de vários dispositivos em um único sistema de mineração. Até o momento, a MSI não divulgou o preço recomendado pelos novos produtos.

Impacto dos mineradores no setor

A alta adoção e aumento nos preços de diversas criptomoedas tem elevado a mineração destes ativos ao status de uma grande indústria. Com isso, a crescente demanda por produtos computacionais feita pelos mineradores tem causado grandes impactos neste setor.

Existe atualmente uma forte procura feita não apenas por placas de vídeo, mas também por chips e HDs. Com isso, tem ocorrido um grande aumento nos preços destes produtos, e uma escassez de oferta no mercado.

Apesar das fabricantes de placas de vídeo e outros dispositivos verem suas vendas aumentarem, elas enfrentam um dilema, pois as grandes compras realizadas pelos mineradores tem prejudicado os seus principais clientes, a comunidade gamer.

A Nvidia, por exemplo, estuda criar limitações em alguns de seus produtos caso eles sejam usados em atividades de mineração de criptomoedas. Iniciativas como a da MSI, de lançar uma linha exclusiva para mineração pode ajudar a evitar a concorrência entre mineradores e pessoas físicas, agradando assim os dois tipos de cliente.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados