Ver mais

Mixer de criptomoedas é criticado por facilitar lavagem de dinheiro

2 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Tornado Cash tornou-se a ferramenta preferida dos hackers.
  • O mixer usa contratos inteligentes e zk-proofs para ofuscar transações na blockchain.
  • Governos e legisladores ainda culpam toda a indústria de criptomoedas.
  • promo

O Tornado Cash tem sido alvo de uma das maiores críticas atribuídas as criptomoedas: facilitar a lavagem de dinheiro.

Embora seja verdade que moedas fiduciárias ainda sejam os ativos mais usados em lavagens de dinheiro, as criptomoedas conquistaram uma má reputação entre os formuladores de políticas nos últimos anos.

Diversos roubos de criptomoedas nas últimas semanas destacaram as ferramentas de trade que hackers usam para ofuscar seus rastros. O serviço de mixagem Tornado Cash DeFi tornou-se uma das plataformas mais usadas por esses criminosos, pois dificulta o acesso ao histórico de transações cripto, sejam elas criminosas ou não.

Segundo relatórios, a crescente popularidade desses serviços de mixagem está alimentando as preocupações com a lavagem de dinheiro, embora não tenham sido classificados como ilegais pelos órgãos reguladores globais.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Mixers de criptomoedas e sua legalidade

Os mixers de criptomoedas se tornaram cada vez mais populares desde que as exchanges centralizadas, pressionadas pelos governos, começaram a exigir muitas informações relacionadas as movimentações feitas por seus usuários.

O Tornado Cash permite que os usuários depositem tokens ERC-20 em seu contrato inteligente junto com um hash de uma nota identificando a transação. Após um período de tempo para ofuscar ainda mais a transação, o usuário envia a prova de uma chave válida para a nota do contrato que permite retirar os fundos. Essencialmente, ele quebra o link entre os endereços de origem e destino usando provas de conhecimento zero.

De acordo com especialistas em criptomoedas citados pelo Yahoo! Finanças, esses serviços não são ilegais, apesar de serem a melhor opção para hackers e criminosos lavarem dinheiro ou ocultarem suas operações fraudulentas.

Eles acrescentaram que os hackers usaram o Tornado Cash para lavar US$ 196 milhões em criptomoedas roubadas da exchange Bitmart em dezembro do ano passado. O Tornado Cash processou mais de US$ 10 bilhões em transações de criptomoedas em 2021, de acordo com a empresa de análise blockchain AnChain.

Victor Fang, CEO e fundador da AnChain, disse:

“A privacidade não é criminosa, mas os criminosos estão buscando essas soluções de privacidade. Esta é a ponta do iceberg, o começo do futuro que veremos acontecer.”

Mercado cripto prejudicado

O problema é que governos e legisladores culpam as criptomoedas em si pela lavagem de dinheiro, não a pequena minoria de criminosos que se aproveitam desses ativos usando mixers.

De acordo com as Nações Unidas, cerca de 2 – 5% dos US$ 2 trilhões em crescimento global são lavados em moedas fiduciárias a cada ano. De acordo com um relatório recente da Chainalysis, cerca de US$ 8,6 bilhões por ano são lavados usando criptomoedas, apenas uma fração dos US$ 40 a US$ 100 bilhões em equivalentes de caixa.

A evidência é clara, dinheiro fiduciário ainda é rei quando se trata de lavagem de dinheiro, mas a brigada anti-cripto encontrará uma maneira de contar uma história diferente, propondo amplas medidas repressivas que acabarão classificando todo o mercado cripto como algo prejudicial.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

f7bfa29036dc6f6195807a7f437b3041?s=120&d=mm&r=g
Martin Young
Martin tem abordado os últimos desenvolvimentos em segurança cibernética e infotech por duas décadas. Ele tem experiência em trade e tem coberto ativamente a indústria de blockchain e criptomoedas desde 2017.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados