Mineradores de Bitcoin deixam atividade com redução de lucros

Atualizado por Aline Fernandes
EM RESUMO
  • Mineradores de criptomoedas sofrem golpe duplo.
  • As taxas de hash e a dificuldade estão começando a cair.
  • Mineradores de Ethereum também estão jogando a toalha.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

Mais e mais mineradores de Bitcoin estão jogando a toalha em meio aos preços crescentes da energia e à queda da lucratividade. Isso teve um efeito indireto nas taxas de hash e na dificuldade, que também estão começando a cair.

À medida que a mineração de Bitcoin se torna menos lucrativa, a quantidade de plataformas que estão sendo desligadas também tem crescido, e o resultado é a queda na taxa de hash e na dificuldade.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

Em um relatório sobre o State of the Network, a empresa de análise CoinMetrics investigou o setor de mineração no que tem sido um trimestre altamente volátil para os mercados de criptomoedas.

O levantamento cita o aumento dos custos de energia como a principal razão para o êxodo dos mineradores de Bitcoin. Combinado com a queda nos preços do BTC, o golpe duplo significa que mais mineradores estão se desligando da atividade.

“Mesmo com o hardware de mineração mais avançado, como o Antminer S19 da Bitmain, cada máquina custa até US$ 1,50 a mais por dia para operar agora quando comparado com um ano atrás”, observou a análise.

Empresas de mineração em escala industrial com dezenas de milhares dessas máquinas sentirão o aperto.

Bitcoin perde lucratividade

A lucratividade da mineração, medida em dólares por dia por terahash por segundo, começou a cair quando os mercados caíram, logo após o pico de novembro. Desde então, a lucratividade da mineração caiu 82%, de US$ 0,45/dia por TH/s para US$ 0,08/dia por TH/s, de acordo com a Bitinfocharts.

Atualmente, está em seus níveis mais baixos desde outubro de 2020, pouco antes do último boom de preço, quando o BTC custava cerca de US$ 11.000.

O desligamento das plataformas de mineração impactou a taxa de hash do Bitcoin, que é uma medida do poder de computação da rede e um proxy geral para a integridade e segurança da rede. De altas recentes de cerca de 250 EH/s, as taxas médias de hash caíram cerca de 11% para cerca de 223 EH/s, tornando a mineração ainda bastante competitiva.

A dificuldade, que é um parâmetro determinado pela rede ajustado automaticamente, também começou a cair. Embora os declínios dos níveis de pico sejam de apenas 5,4%, é uma reação atrasada às taxas de hash mais baixas devido a menos mineradores.

Nesta semana, a Compass Mining perdeu uma de suas instalações por não pagar as contas de energia. Empresas com grandes dívidas de maquinário, como a Marathon Digital, também provavelmente sofrerão. As tarifas de eletricidade industrial em alguns estados, como Geórgia e Oklahoma nos Estados Unidos, aumentaram mais de 20% no ano passado, informou a CoinMetrics.

Êxodo de mineração Ethereum

Uma situação semelhante está acontecendo com os mineradores de Ethereum, o que é uma boa notícia para os gamers de PC. O Ethereum pode ser minerado com processadores gráficos de ponta, mas com fatores semelhantes também estão afetando os mineradores, que estão desmontando suas plataformas.

Como resultado, as placas gráficas usadas estão começando a inundar os mercados secundários à medida que os preços e a demanda diminuem. Boas notícias para os jogadores, más notícias para os mineradores de criptomoedas.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.