Ver mais

Polygon (MATIC): cresce medo de investidores durante queda do mercado

3 mins
Por Valdrin Tahiri
Traduzido Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • O preço da Polygon caiu 11% nos últimos sete dias.
  • O crescimento da rede caiu por três meses consecutivos.
  • Nas condições atuais do mercado de criptomoedas, o MATIC pode cair para US$ 1.
  • promo

O token nativo da Polygon teve um desempenho ruim em meio à desaceleração do mercado de criptomoedas. Um mergulho profundo nos dados on-chain, por outro lado, sugere que o preço do MATIC pode sofrer mais queda, dada a falta de interesse do varejo.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Rede Polygon não está crescendo

A Polygon é uma solução de escalonamento de Camada 2 projetada para mitigar os problemas de taxa de transferência do Ethereum e as taxas exorbitantes de gás. Entretanto, a transição bem-sucedida do Ethereum de Prova de Trabalho (PoW) para Prova de Participação (PoS) parece levantar preocupações sobre a viabilidade de longo prazo do ecossistema Polygon.

Dados on-chain da Glassnode mostram que o volume de novos endereços criados na rede Polygon diminuiu constantemente desde dezembro de 2022. A tendência de baixa agora parece ter sido exacerbada pelo recente anúncio da atualização Shangai prevista para o dia 12 de abril.

Após um ressurgimento no início de março, novos endereços diários criados na blockchain Polygon desaceleraram mais uma vez no dia 17 de março. Isto ocorreu alguns dias após o anúncio da data da atualização do Ethereum.

Ou seja, o número de novos endereços diários na rede Polygon caiu 32%, da alta local de 1.960 endereços criados em 17 de fevereiro para 1.318 endereços em 21 de março.

Medo da Polygon (MATIC) aumenta entre investidores durante queda do mercado
Fonte: Glassnode

Da mesma forma, as baleias cripto parecem estar assustadas. Dados da Santiment, por exemplo, mostram que endereços com 10 milhões a 100 milhões de tokens MATIC venderam ou redistribuíram cerca de 43 milhões do token em fevereiro, no valor de cerca de US$ 55,9 milhões.

Medo da Polygon (MATIC) aumenta entre investidores durante queda do mercado
Fonte: Santiment

Entre os dias 22 de fevereiro e 21 de março, esse grupo de baleias enxugou suas reservas de 253 milhões para 211 milhões. Notavelmente, uma análise mais detalhada do gráfico mostra que o padrão de compra e venda de investidores cripto que detêm entre 10 milhões e 100 milhões de MATIC tornou-se intimamente relacionado ao preço.

Previsão de preço MATIC: queda potencial abaixo de $ 1

O modelo Exchange Market Depth da IntoTheBlock fornece uma estimativa baseada em dados dos possíveis movimentos de preços MATIC nas próximas semanas. É um agregado segregado de ordens de limite de detentores de token. Ele descreve as principais zonas de suporte e resistência em relação aos preços atuais.

A atual tendência de baixa provavelmente será interrompida em 5% abaixo dos preços atuais. Isso cai para US$ 1,03, com uma demanda formidável de 3,5 bilhões de MATIC.

Ainda assim, o fracasso em manter esse muro de demanda pode fazer com que o preço do Polygon caia para US$ 0,90, onde fica um muro de compra para mais 1,2 bilhão de MATIC.

Medo da Polygon (MATIC) aumenta entre investidores durante queda do mercado
Fonte: IntoTheBlock

Por outro lado, o MATIC deve ultrapassar US$ 1,14, onde 138 milhões de tokens estão à venda, para invalidar a perspectiva pessimista. Depois disso, o sell-wall de 1,35 bilhão de MATIC a US$ 1,30 será a próxima resistência a ser vencida.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia.png
Júlia V. Kurtz
Editora do BeInCrypto Brasil, a jornalista é especializada em dados e participa ativamente da comunidade de Criptoativos, Web3 e NFTs. Formada pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui mais de 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia, tendo passado por veículos como Globo, Gazeta do Povo e UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados