LUNA atinge nova máxima; veja as melhores moedas da semana

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • ELON e NEAR romperam suas linhas de tendência de baixa.

  • SUSHI, FTM e AAVE estão seguindo suas linha de tendência de baixa.

  • LUNA atingiu uma nova máxima histórica nesta sexta-feira (24).

  • promo

    Deposite 100€ e Negocie 100€, Nada Menos! Negocie CFDs de Cripto Com Zero Comissões na Libertex Negocie agora

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Análise nas sete criptomoedas que mais subiram na semana, mais especificamente de 17 a 24 de dezembro.

Junto com a Terra (LUNA), que atingiu uma nova máxima histórica, as moedas que mais cresceram foram:

  1. Near Protocol (NEAR): 67,20%
  2. Dogelon Mars (ELON): 57,41%
  3. Terra (LUNA): 55,23%
  4. Aave (AAVE): 47,86%
  5. Fantom (FTM): 41,54%
  6. Curve Dao Token (CRV): 39,79%
  7. SushiSwap (SUSHI): 33,24%

NEAR

No dia 15 de dezembro, a NEAR rompeu uma linha de tendência de baixa e atingiu um novo preço recorde de US$ 17,50. No entanto, o token criou um longo pavio superior no mesmo dia e caiu abaixo desta linha.

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

Posteriormente, o ativo iniciou outro movimento de alta e rompeu tanto a linha de tendência quanto a área de resistência de US$ 12,20 na quinta-feira (23). No momento, o token está se aproximando de seu preço recorde. É possível que a NEAR possa subir para US$ 23.

Near
Gráfico da NEAR no TradingView

ELON

Desde o início de outubro, a ELON estava sujeito a um rápido movimento de alta que levou a um preço recorde de US$ 0,0000026 em 30 de outubro. Posteriormente, o ativo caiu ao longo de uma linha de tendência de baixa, atingindo a mínima de US$ 0,00000093 em 6 de dezembro.

Desde então, o token subiu e rompeu a linha de tendência na última terça-feira (21). Atualmente, ele está tentando se mover acima da área de resistência de US$ 0,0000018, que é o nível de retração de 0,5 de Fibonacci.

Elon
Gráfico da ELON no TradingView

LUNA

A LUNA está subindo a uma taxa acelerada desde 14 de dezembro e, a quarta-feira (22), atingiu a máxima histórica de US$ 98,20. A alta foi feita logo acima do nível de retração externa de 1,61 (preto) ao medir a queda mais recente.

Após uma queda inicial, a LUNA recuperou o equilíbrio e iniciou outro movimento de alta que a levou a mais uma máxima histórica de US$ 101,2 nesta sexta-feira (24).

A área de resistência mais próxima está entre US$ 116 – US$ 120, criada pelo nível de retração externa de 2,61 (preto) e a proporção de 1,61 do movimento de alta anterior (branco).

Luna
Gráfico da LUNA no TradingView

AAVE

No dia 14 de dezembro, a AAVE caiu ligeiramente abaixo da área de suporte horizontal de US$ 176. A última vez que havia caído para este nível foi no final de junho. Embora inicialmente parecesse que o token iria cair ainda mais, ele criou um fundo duplo e tem subido desde então.

Atualmente, ele atingiu uma linha de tendência de baixa em vigor desde maio. Se tiver sucesso em se mover acima desse nível, a próxima resistência estaria em US$ 422.

Aave
Gráfico da AAVE no TradingView

FTM

No dia 4 de dezembro, a FTM atingiu o mínima de US$ 1,14 e voltou a subir. A baixa serviu para validar a área horizontal de US$ 1,15 como suporte. Desde então, o token tem subido e até agora valorizou 75%.

Da mesma forma que a AAVE, o ativo está seguindo uma linha de tendência de baixa, que atualmente está em US$ 2,10. Um rompimento dessa linha provavelmente levaria o token para a área horizontal de US$ 2,60.

Ftm
Gráfico da FTM no TradingView

CRV

No dia 4 de dezembro, a CRV saltou na sua linha de tendência de baixa, validando-a como suporte (ícone verde). O ativo tem subido desde então e recuperou a área horizontal de US$ 4,05 logo depois.

Atualmente, ele está tentando se mover acima do nível de retração de 0,618 de Fibonacci em US$ 5,03. Se for bem-sucedido nisso, é provável que suba em direção a uma nova máxima histórica.

Crv
Gráfico da CRV no TradingView

SUSHI

A SUSHI está seguindo uma linha de tendência de baixa desde 23 de maio. Isso levou a uma baixa de US$ 4,33 em 4 de dezembro. Similarmente a AAVE, inicialmente parecia que o token rompeu abaixo da área horizontal de US$ 6,45.

No entanto, o ativo se recuperou desde então e está atualmente se aproximando da linha de tendência de baixa perto de US$ 8,50.

Sushi
Gráfico da SUSHI no TradingView

Confira a análise do dia do Bitcoin.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Valdrin é um entusiasta de criptomoedas e um operador financeiro. Depois de obter um mestrado em Mercados Financeiros na Barcelona Graduate School of Economics, começou a trabalhar no Ministério do Desenvolvimento Econômico em seu país natal, Kosovo. Em 2019, ele decidiu se concentrar em tempo integral em criptomoedas e negociação.

SEGUIR O AUTOR

Negocie CFDs de Cripto com Zero Taxas de Comissão.      

Comece Hoje!

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install

Crypto.com DeFi Wallet - Manage 400+ tokens, earn interest, and more      

Install