Ver mais

Legalização de criptomoedas na Ucrânia pode abrir novo corredor econômico

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Nova lei cripto na Ucrânia torna as conversões de e para muito mais fáceis.
  • O Ministério Digital da Ucrânia torna-se uma defesa contra a Rússia.
  • Doações de criptomoedas se aproximam da marca de US$ 100 milhões.
  • promo

A legislação recém-estabelecida que legaliza as criptomoedas na Ucrânia pode significar muito mais do que apenas permitir que os cidadãos negociem os ativos digitais.

No início desta semana, o presidente da Ucrânia assinou uma lei de ativos virtuais estabelecendo um quadro para as criptomoedas dentro do país devastado pela guerra. O movimento ocorre à medida em que a necessidade de capital do país aumenta e enfrenta a crescente pressão das forças invasoras.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

A nova legislação cripto poderia abrir caminho para os fluxos monetários mais rápidos e eficientes no país. No entanto, a Ucrânia ainda não conseguiu apostar tudo em criptomoedas como El Salvador fez ao legalizar o Bitcoin.

Isso pode ser apenas uma questão de tempo, no entanto. O vice-primeiro-ministro ucraniano e ministro da Transformação Digital, Mykhailo Fedorov, disse ao Tech Crunch:

“Por isso, nos esforçamos para ser o mais amigável possível aos ativos virtuais. E nós estamos continuando este esforço durante a guerra também”.

Uma solução cripto

Sob o novo framework cripto, exchanges de ativos digitais como a Kuna, a primeira do país, poderão converter criptomoedas em fiat sem problemas regulatórios. Antes da nova legislação, as exchanges cripto ucranianas estavam limitadas a conversões somente de criptomoedas.

O trafego fiat recém-inaugurado facilitará que cidadãos, empresas e organizações governamentais se convertam livremente para os ativos digitais, adicionando mais liquidez ao fluxo de capital de e para o país.

Além disso, a Ucrânia fez parceria com a exchange FTX para ajudar na conversão de contribuições cripto para os depósito no Banco Nacional da Ucrânia.

O movimento cripto na Ucrânia está ganhando atenção mundial. Em 17 de março, a revista Wired publicou uma matéria declarando que o Ministério Digital do país é um “departamento dirigido por “personalidades” tecnológicas experientes que se tornaram uma surpresa para a Rússia.”

Doações perto de US$ 100 milhões

O vice-ministro da Transformação Digital, Alex Bornyakov, tem feito um esforço para facilitar a cripto à medida em que as doações digitais continuam a surgir.

“Acreditamos que esta é a nova economia, este é o futuro, e acreditamos que isso é algo que vai impulsionar nossa economia.”

Everstake, FTX e Kuna fizeram uma parceria com o governo ucraniano para lançar uma plataforma de doações que aceita uma série de diferentes criptomoedas, incluindo SOL, DOT, DOGE, ADA, LUNA e XMR.

No momento da escrita deste texto, a plataforma havia recebido US$ 55 milhões em doações, em menos de cinco dias após seu lançamento em 14 de março.

De acordo com a Merkel Science, que conta doações criptos para as várias fontes, incluindo o governo, o DAO da Ucrânia, o ComeBackAlive, a Binance e o Fundo Unchain Ucrânia, houve um total de US$ 96,6 milhões doados a partir de 17 de março.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

f7bfa29036dc6f6195807a7f437b3041?s=120&d=mm&r=g
Martin Young
Martin tem abordado os últimos desenvolvimentos em segurança cibernética e infotech por duas décadas. Ele tem experiência em trade e tem coberto ativamente a indústria de blockchain e criptomoedas desde 2017.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados