Ver mais

Urgente EUA acusam KuCoin e seus fundadores de ‘conspiração criminosa’ de bilhões de dólares

2 mins
Por Bary Rahma
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • Os EUA acusam a KuCoin e seus fundadores de uma conspiração criminosa multibilionária envolvendo operações não licenciadas e violações da lei.
  • A acusação alega que a exchange não implementou os protocolos necessários de combate à lavagem de dinheiro e de identificação de clientes.
  • Se condenados, os fundadores poderão pegar uma pena de prisão significativa, ressaltando as graves repercussões legais da não conformidade.
  • promo

Os Estados Unidos acusaram a KuCoin e seus fundadores, Chun Gan (também conhecido como “Michael”) e Ke Tang (também conhecido como “Eric”), de orquestrar uma conspiração criminosa multibilionária.

A acusação, revelada pelo procurador dos EUA Damian Williams e por Darren McCormack, da Homeland Security Investigations, diz que as partes operaram sem licença e desrespeitarem as leis contra lavagem de dinheiro para consolidar o status da empresa como uma das principais exchanges de criptomoedas do mundo.

De acordo com declarações oficiais, a KuCoin, juntamente com seus fundadores, não conseguiu estabelecer um programa robusto de combate à lavagem de dinheiro, negligenciou a verificação das identidades dos clientes e não apresentou nenhum relatório sobre atividades suspeitas.

Esse lapso no protocolo supostamente posicionou a KuCoin como um canal para fluxos financeiros ilícitos, incluindo dinheiro de mercados darknet e vários esquemas de fraude, totalizando mais de US$ 9 bilhões em transações suspeitas.

Detalhes da acusação

A acusação detalha como a KuCoin explorou sua significativa base de clientes nos EUA, apesar dos esforços para ocultar esse fato, para se transformar em uma potência comercial global. “A KuCoin supostamente se aproveitou das oportunidades financeiras exclusivas dos Estados Unidos sem aderir às suas obrigações legais”, afirmou Williams. Esse desrespeito às leis dos EUA destinadas a combater crimes financeiros e corrupção fundamenta as acusações feitas contra a exchange e seus executivos, que atualmente permanecem foragidos.

Fundada em setembro de 2017, a KuCoin subiu rapidamente na hierarquia para se tornar uma das principais exchanges de criptomoedas, ostentando mais de 30 milhões de usuários e gerenciando bilhões em volume diário de negociações. Apesar de seu sucesso, a acusação alega que a KuCoin e seus fundadores evitaram conscientemente os regulamentos dos EUA que exigem registro em órgãos de supervisão financeira, como a Rede de Combate a Crimes Financeiros (FinCEN) e a Comissão de Negociação de Contratos Futuros de Commodities (CFTC).

As acusações contra a KuCoin e seus fundadores são significativas, marcando um passo decisivo das autoridades dos EUA para reprimir as atividades ilícitas no mercado de criptomoedas. Cada um deles poderá enfrentar penas de prisão substanciais se forem condenados, refletindo a natureza grave de seus supostos delitos.

Esse caso serve como um forte lembrete para outras exchanges e instituições financeiras sobre a necessidade de cumprir as leis dos EUA, enfatizando o compromisso do país em garantir a integridade de seus mercados financeiros contra o abuso de entidades não regulamentadas.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados