Bitcoin btc
$ usd
Notícias

Japão quer revisar lei para evitar que Rússia envite sanções com criptomoedas

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • O governo do Japão anunciou que fará uma revisão em sua Lei de Câmbio e Comércio Exterior.
  • A revisão focará em criptomoedas, que são usadas pela Rússia na guerra.
  • O governo do país impôs sanções e congelamentos a mais de 100 funcionários, oligarcas, bancos e instituições russos..
  • promo

O governo do Japão anunciou nessa semana que fará uma revisão em sua Lei de Câmbio e Comércio Exterior para evitar que a Rússia use criptomoedas para evitar sanções.

Segundo a Reuters, a medida foi anunciada nessa pelo secretário-chefe do Gabinete Hirokazu Matsuno em uma entrevista coletiva dada à imprensa.

Cred/Japão revisará lei cambial para acabar com brecha cripto para sanções à Rússia | Reuters

A ideia do Japão é encontrar formas para minimizar os prejuízos causados pelas sanções impostas pela Rússia em decorrência da invasão do país na Ucrânia.

A revisão focará em criptomoedas, uma vez que elas já são usadas na guerra, tanto pela Ucrânia quanto pela Rússia.

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto tem um glossário para que você possa tirar suas dúvidas em relação ao mundo cripto!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Além das possíveis mudanças que poderão ocorrer nas legislações japonesas, o primeiro-ministro Fumio Kishida, que participou na semana passada da cúpula do G7, na Bélgica, pediu que a lei seja modificada com o objetivo de coordenar as ações com os aliados ocidentais. A informação foi reforçada à Reuters por um funcionário do Ministério das Finanças, que não quis dar mais detalhes.

No início de março, o Japão exigiu que 30 excharges de criptomoedas não realizassem transações de ativos.

Sobre o assunto, Saisuke Sakai, economista sênior da Mizuho Research and Technologies declarou à publicação:

“A revisão presumivelmente permite que o governo aplique a lei a exchanges de criptoativos como bancos e os obrigue a examinar se seus clientes são alvos de sanções russas”.

Invasão da Rússia na Ucrânia

O Japão está ao lado do bloco ocidental pelas sanções contra a Rússia, em decorrência da invasão do país na Ucrânia.

Além das sanções impostas pelos Estados Unidos à Rússia, que foram aplicadas em todos os países, o governo japonês impôs sanções e congelamentos a mais de 100 funcionários russos, oligarcas, bancos e instituições.

Além disso, o país criou propostas para combater a “Operação militar especial” de Vladimir Putin, em que proibiu as exportações de alta tecnologia e revogou o status de comércio nacional para a Rússia.

Sakai declarou que:

“O governo de Kishida provavelmente desenvolveu o plano de revisão legal, dadas as regras mais rígidas das autoridades ocidentais sobre o assunto, bem como o alto apoio público japonês para sancionar a Rússia”. 

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Patrocinados
Patrocinados