Indicador mensal do Bitcoin (BTC) atinge mínima histórica; como isso impacta o preço?

29 setembro 2022, 10:00 -03
29 setembro 2022, 10:00 -03
EM RESUMO
  • RSI mensal do Bitcoin está no nível mais baixo de todos os tempos.
  • BTC testou a área de suporte de US$ 19.000 seis vezes.
  • A contagem de ondas suporta a possibilidade de mais quedas de preço.
  • promo

O RSI mensal do Bitcoin (BTC) sugere que um fundo será atingido em um futuro próximo. A contagem de ondas, por outro lado, suporta que novas mínimas de preço sejam feitas antes de uma reversão para alta.

O BTC vem caindo desde que atingiu o preço recorde de US$ 68.944 em novembro de 2021. O movimento até agora levou a uma mínima de US$ 17.607 feita em junho. O movimento atual do preço é extremamente semelhante ao de 2015, já que nas duas vezes o preço saltou na máxima histórica (ícones vermelhos).

Outra semelhança interessante entre os dois fundos de mercado anteriores e o atual é ao candle mensal de baixa anterior. Em ambos os casos, um candle com magnitude próxima a 46% levou ao fundo de preço. Depois, começou um movimento de alta muito gradual, que acabou se acelerando.

Na queda atual, o candle de junho teve uma magnitude de 45%. O conhecido investidor do Bitcoin e criador do modelo Stock-To-Flow @100trillionUSD observou que o RSI mensal está em seu nível mais baixo de todos os tempos. Ao olhar para o período de tempo em que o RSI ficou abaixo de 50, ele o fez:

  • 2015 – 334 dias
  • 2019 – 182 dias
  • 2022 – 153 dias

Embora o período atual seja o mais curto, mesmo que o BTC fosse revertido, provavelmente levaria mais de um mês para o RSI voltar acima de 50. Além disso, vale a pena mencionar que o fundo do RSI foi atingido após 62 e 91 dias em 2015 e 2019, respectivamente. O fundo atual do RSI foi atingido após 61 dias.

Quando combinado com o grande candle de baixa mensal, essas leituras sugerem que um fundo já foi atingido ou será alcançado em breve.

Gráfico do BTC no TradingView

Suporte será rompido?

O gráfico diário mostra que o Bitcoin está pairando acima da área de suporte de US$ 19.000 desde o fundo de 18 de junho. Ele tocou a área seis vezes e desviou acima dela em duas ocasiões.

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto tem um glossário que pode ajudar a responder a suas dúvidas em relação ao mundo cripto!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais recentemente, ele criou uma candle martelo de alta na quarta-feira (28), negando um pouco a mínima do candle de baixa do dia anterior (preta) A ação do preço e as leituras do indicador técnico não estão alinhadas. Como as áreas ficam mais fracas cada vez que são tocadas, um eventual rompimento abaixo dessa área parece ser o cenário mais provável.

No entanto, o RSI diário gerou uma divergência de alta (linha verde) e sua linha de tendência ainda está intacta. Portanto, as leituras do gráfico diário não confirmam a direção do movimento futuro.

Gráfico do BTC no TradingView

Bitcoin ainda inclinado para a queda

Uma análise da contagem de ondas indica que mais quedas são prováveis de ocorrer. A principal razão para isso é a estrutura corretiva A-B-C completa na qual a onda B tomou a forma do triângulo e as ondas A:C tiveram uma proporção exata de 1:1.

Além disso, o movimento de queda que se seguiu parece impulsivo (destacado) e o salto seguinte foi rejeitado no nível de retração de 0,618 de Fibonacci (branco).

Portanto, isso indica que é provável que haja mais quedas e o BTC sairá da área de suporte de US$ 19.000. Um salto acima da alta da onda C em US$ 20.381 invalidaria essa contagem potencial de ondas e sugeriria que o preço subiria para novas máximas.

Gráfico do BTC no TradingView

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.