Ver mais

Hackers já roubaram mais de US$ 1,22 bi do mercado DeFi em 2022

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • Hackers roubaram mais de US$ 1,22 bilhão do mercado DeFi.
  • Ronin e Wormhole perderam US$ 625 milhões e US$ 320 milhões, respectivamente.
  • Especialistas esperam que os hacks continuem à medida que o mercado cresce.
  • promo

O mercado de finanças descentralizadas (DeFi) perdeu mais de US$ 1,22 bilhão para hackers apenas nos primeiros três meses de 2022, de acordo com a plataforma de recompensas de bugs Immunefi.

O número é quase oito vezes maior do que os US$ 154 milhões perdidos no primeiro trimestre de 2021.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

O DeFi cresceu consideravelmente desde o início de 2021, e os hackers continuam explorando o espaço. Novos projetos, com auditorias de segurança mais fracas, são os principais alvos dos maus atores.

A Immunefi confirmou que a maioria dos hacks foi resultado de uma segurança ruim. Eles também esperam que os ataques aumentem no futuro.

“Devemos esperar que esses tipos de ataques [sofisticados] continuem a aumentar, à medida que mais e mais organizações criminosas desenvolvem habilidades de hackers DeFi internamente. Além disso, à medida que o DeFi fica cada vez maior, esses tipos de ataques se tornam cada vez mais lucrativos”, disse o CEO e fundador da Immunefi, Mitchell Amador.

De acordo com o agregador de dados Defi Llama, o valor total bloqueado em diferentes contratos inteligentes aumentou de US$ 80 bilhões no ano passado para US$ 227,84 bilhões. E o aumento no uso de blockchain, graças ao crescimento de tokens não fungíveis (NFT) e aplicativos DeFi, levou a alta das taxas de transação no Ethereum, a maior blockchain do segmento.

A Ronin Network foi a que mais sofreu, perdendo aproximadamente US$ 625 milhões em um hack no final de março. Enquanto o Ethereum e a bridge Wormhole da Solana foi a segunda maior vítima, perdendo mais de US$ 320 milhões em fevereiro.

Hackers persistirão sem maior segurança

O grande número de hacks no espaço DeFi e o crescimento explosivo significam que os projetos precisam se concentrar mais em garantir seus contratos inteligentes. Essa é uma recomendação desde os primórdios do espaço, mas nem todos os projetos têm alocado recursos para isso.

Algumas soluções incluem auditorias de terceiros de contratos inteligentes e programas de seguro para criptomoedas. O último facilita a compensação das vítimas de hacks, enquanto uma auditoria ajuda muito a garantir a segurança.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

TCPMHRYSU-UEHL0FMAP-1d0d90d8c847-512.png
Rahul Nambiampurath é um trader da Índia que foi atraído pelo Bitcoin e pela blockchain em 2014. Desde então, ele é um membro ativo da comunidade. Ele tem mestrado em finanças.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados