Ver mais

Guatemala e Honduras estudam criar CBDCs próprias

1 min
Atualizado por Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • El Salvador influenciou países vizinhos, motivando-os a se aproximar das criptomoedas.
  • Honduras e Guatemala avaliam a criação de uma criptomoeda nacional (CBDC).
  • Não há anúncios oficiais ainda, mas há declarações públicas das autoridades dos dois países.
  • promo

Após a adoção do Bitcoin (BTC) em El Salvador, os governos da Guatemala e Honduras estudam lançar suas próprias moedas digitais de banco central (CBDC).

Criptomoedas emitidas por governos, como um CBDC, possuem uma peculiaridade técnica que as diferencia de outras moedas. Elas atual como a forma virtual de uma moeda fiduciária, que inclui um registro eletrônico descentralizado e um token digital da moeda oficial, com a particularidade de ser emitida e regulamentada pela autoridade monetária do país.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Segundo o presidente do Banco Central de Honduras, durante um fórum econômico regional em Tegucigalpa, “o Banco Central de Honduras também começou recentemente, aprovado pelo conselho de administração, a iniciar o estudo para determinar a viabilidade de realizar um teste piloto emitindo dinheiro digital próprio ou moeda digital do Banco Central ”.

CBDC pode abrir portas para demais criptomoedas

A economia de Honduras é semelhante à de El Salvador, de modo que a incorporação de um CBDC poderia influenciar uma aceitação de criptomoedas em sua regulamentação.

Em linha com o que foi referido pelo Presidente de Honduras, o vice-presidente do Banco Central da Guatemala, José Alfredo Blanco, disse que a instituição estuda a possibilidade de uma moeda digital local, que se chamaria iQuetzal. Ele disse que “talvez demore muito para concluir a fase de estudos” e acrescentou que uma comissão para analisar as opções disponíveis foi formada há seis meses.

Essas nações estão observando que uma das principais vantagens dos CBDCs é que é possível simplificar a implementação da política monetária e fiscal, além de promover a inclusão financeira em uma economia ao incorporar sujeitos não bancários ao sistema financeiro. Por outro lado, a principal desvantagem dos CBDCs é que eles são uma forma centralizada de moeda que podem prejudicar a privacidade dos cidadãos.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

7bbe35c6d494ad19ad4a247c60442177.jpg
Evangelina Rodríguez Machado
Argentina viviendo en España. Abogada. Apasionada de la finanzas descentralizadas y el enfoque legal de blockchain. Actualmente Program Manager en Blockchain Academy Chile del grupo LatAmTech Finance.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados