Fundador da Terra entra para lista da Interpol após alerta vermelho

26 setembro 2022, 11:00 -03
26 setembro 2022, 11:00 -03
EM RESUMO
  • A Interpol emitiu um alerta vermelho em relação ao cofundador da Terra, Do Kwon.
  • Os promotores sul-coreanos dizem que Kwon está foragido.
  • Kwon negou que esteja fugindo.
  • promo

A Interpol emitiu um aviso em relação ao paradeiro do cofundador da Terra (LUNA), Do Kwon. Acredita-se que ele foi visto pela última vez em Cingapura.

A intensidade da investigação está esquentando, com a Interpol emitindo um alerta vermelho, segundo a Bloomberg. Na semana passada, surgiram relatos de que Kwon poderia estar enfrentando o aviso vermelho, embora o cofundador tenha afirmado que não está fugindo das autoridades.

Os promotores sul-coreanos discordam, no entanto, e dizem que estão tentando revogar os passaportes de cinco indivíduos, incluindo o do cofundador da Terra e o diretor financeiro Han Mo. Kwon foi visto pela última vez em Cingapura, onde o seu projeto cripto tinha um escritório.

A busca da Interpol por Kwon realmente amplifica a intensidade da investigação, que ainda não viu Kwon cooperar com os investigadores de uma maneira que eles considerem satisfatória. Os promotores disseram que há evidências circunstanciais de que Kwon escapou e não acreditam que ele esteja cooperando de boa fé.

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto tem um glossário que pode ajudar a responder a suas dúvidas em relação ao mundo cripto!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Fundador da Terra afirma não estar fugindo

Do Kwon, uma figura controversa na indústria cripto, costuma ser falador nas mídias sociais. No entanto, desde que o ecossistema Terra entrou em colapso, ele tem estado visivelmente menos presente no mundo virtual. Ele afirmou inflexivelmente que não está fugindo, apesar das autoridades dizerem o contrário.  

Sua declaração mais recente sobre o assunto veio por meio de um tuite em 17 de setembro, onde ele disse que não está fugindo e que não há nada a esconder. Ele também disse:

“Estamos no processo de nos defender em várias jurisdições – mantivemos um nível extremamente alto de integridade e esperamos esclarecer a verdade nos próximos meses”.

Colapso ainda fresco na mente das pessoas

O colapso do ecossistema Terra ainda não teve uma conclusão e continua chamando muita atenção. Os investidores voltaram sua atenção para outros desenvolvimentos, já que o mercado viu muita coisa acontecer desde então. Para as autoridades, no entanto, o caso parece estar decolando.

O mandado de prisão emitido para Do Kwon e outros foi apenas um dos principais episódios do incidente. Enquanto isso, o token Luna Classic (LUNC) passou por fases de extrema volatilidade e voltou a ser negociado ao mesmo preço que estava no início de setembro.

O dano multibilionário do colapso da Terra motivou as autoridades da Coreia do Sul a prestar muito mais atenção à regulamentação cripto. Embora o metaverso pareça estar se tornando uma prioridade importante, as autoridades também estão pensando em tornar as criptomoedas sujeitas à lei do mercado de capitais.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.