FTM, ETHW e DOGE entre as criptomoedas que mais subiram na semana

3 dezembro 2022, 13:00 -03
3 dezembro 2022, 13:00 -03
EM RESUMO
  • FTM está seguindo uma linha de tendência de baixa.
  • GMX quase atingiu um novo recorde histórico de preço.
  • DOGE saiu de um canal paralelo de alta.
  • promo

Análise do BeInCrypto das cinco criptomoedas que mais subiram em todo o mercado esta semana, mais especificamente, de 25 de novembro a 2 de dezembro

Essas criptomoedas tiveram grande destaque devido às suas valorizações de preço nos últimos dias:

  1. Fantom (FTM): 36,55%
  2. GMX: 22,22%
  3. EthereumPoW (ETHW): 21,39%
  4. Dogecoin (DOGE): 20,84%
  5. Huobi Token (HT): 17,91%

Fantom lidera o mercado de criptomoedas

O preço da Fantom está abaixo de uma linha de tendência de baixa desde 23 de maio. Essa linha causou três quedas (ícones vermelhos), a mais recente em 1º de novembro. Isso levou a uma mínima de US$ 0,16 feita 22 de novembro.

No entanto, a tendência reverteu logo depois e o token recuperou a área de US$ 0,20 no processo. Embora isso seja considerado um sinal de alta, o preço ainda não foi capaz de romper sua linha de tendência de baixa.

Um eventual rompimento dessa linha ou uma queda abaixo da área de US$ 0,20 determinará a direção futura da tendência.

Gráfico da FTM no TradingView

GMX se aproxima de máxima histórica

O preço do GMX está subindo desde 9 de novembro. O movimento acelerou em 30 de novembro e o token quase atingiu uma nova máxima histórica dois dias depois. No entanto, foi rejeitado pelo nível de retração externa de 1,61 de Fibonacci em US$ 59,80.

Se o GMX conseguir se manter acima da área horizontal de US$ 50, poderá fazer outra tentativa de se mover em direção a um novo recorde histórico.

Gráfico do GMX no TradingVIew

ETHW rompe acima da resistência

Na última terça-feira (29), o ETHW rompeu uma linha de tendência de baixa que estava em vigor há mais de 20 dias. O rompimento foi precedido por uma divergência de alta no RSI. O indicador agora ultrapassou 70 e está nas regiões de sobrecompra.

A principal área de resistência para o token está em US$ 4,50. É possível que a área rejeite o ETHW assim que o preço chegar lá. Por outro lado, um rompimento desse nível aceleraria muito o movimento de alta atual.

Gráfico do ETHW no TradingView

Dogecoin rompe canal paralelo

O preço da Dogecoin rompeu um canal paralelo de alta em 29 de novembro e voltou a validá-lo como suporte em 2 de dezembro (ícone verde). A queda foi precedida por uma divergência de baixa no RSI (linha verde).

O preço da DOGE saltar ou se manter dentro do canal determinará a direção da tendência de curto prazo. No entanto, a tendência de longo prazo ainda parece ser de alta.

Gráfico da DOGE no TradingVIew

HT enfrenta queda

O HT está em tendência de alta desde que saltou na área de suporte horizontal de US$ 4,30 em 20 de novembro. O movimento foi rápido e levou a um topo feito em US$ 7,38 sete dias depois. O preço foi então rejeitado pela área de resistência de US$ 7,40 posteriormente.

Devido a isso (ícone vermelho), o cenário mais provável é uma queda em direção à área de suporte horizontal de US$ 5,40. Um fechamento diário acima de US$ 7,40 invalidaria essa previsão de baixa de preço.

Gráfico do HT no TradingView

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.