Ver mais

Fan token da Argentina cai 28% após derrota para a Arábia Saudita

1 min
Por Luis Jesu00fas Blanco Crespo
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • O fan token da Argentina ($ARG) caiu 28% após a derrota para a Arábia Saudita em sua estreia na Copa do Mundo.
  • Até o momento, o ativo estava sendo negociado a US$ 5,26.
  • Os próximos encontros da "albiceleste" serão contra o México e Polónia.
  • promo

A seleção da Argentina protagonizou o primeiro vexame da Copa do Mundo da FIFA Catar 2022 ao perder para a Arábia Saudita em sua estreia. Com o resultado, o preço do fan token $ARG caiu 28%.

O fan token começou o dia sendo negociado a US$ 7,56. No entanto, a derrota dramática contra o time da Península Arábica levou a uma queda de 28% em seu preço. No fechamento da matéria, o $ARG estava negociado a US$ 5,26, de acordo com dados do CoinMarketCap.

Fonte: CoinMarketCap

Em sua estreia na competição, a seleção argentina saiu na frente com um gol do craque Lionel Messi, aos 10 minutos. Todavia, a Arábia Saudita conseguiu virar o placar graças aos gols de Saleh Al-Shehri e Salem Al Dawsari.

Esse resultado foi suficiente para fazer o preço do fan token da seleção, considerada uma das favoritas, despencar.

Fan tokens presentes na Copa do Mundo

A Argentina não é a única seleção com um fan token presente na Copa do Mundo de 2022 no Catar. As outras seleções que possuem esses ativos digitais são Espanha, Brasil e Portugal, que ainda não estrearam no torneio.

Em meio ao colapso global do mercado cripto, os fan tokens $SNFT, $BFT e $POR registraram perdas de aproximadamente 4% nas últimas 24 horas, apesar das fortes valorizações vistas na semana passada.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados